Conteúdo dinâmico no E-mail marketing

Conteúdo dinâmico no E-mail marketing

Categoria: Email Marketing

06/03/2017 às 10:33

Conteúdo dinâmico no E-mail marketing

Você acessa uma loja virtual para comprar um livro ou um smartphone que estava querendo há muito tempo. A transação corre bem e o produto é entregue normalmente, sem problemas. Depois de um tempo (curto, geralmente), começa a receber e-mails e anúncios relacionados à sua compra, se deparando com diversas opções interessantes que fazem sua cabeça e te deixam atiçado para adquiri-los. Já aconteceu com você? Apostamos que sim, e essa ‘’mágica’’ tem um nome: conteúdo dinâmico.

Veja também nosso post: Como usar o e-mail marketing para fortalecer a marca?

O que é conteúdo dinâmico?

Bom, essa tendência está se espalhando e hoje em dia é trend na internet, sobretudo entre os maiores e-commerce do mundo. Focar em uma estrutura personalizável conforme o cliente aumenta as chances de conversão e sucesso, não é à toa que esse sistema é considerado funcional, relevante e indicado para qualquer negócio online.

Pense em você, como cliente, recebendo e-mails e propostas de produtos semelhantes aos que mais gosta. Melhor que isso, abrir uma mensagem com uma promoção incrível daquele livro que há tempos está querendo comprar? Pois é! Melhor que isso, é ter contato com apenas o que mais gosta, sem receber aqueles e-mails de acessórios que não tem nada a ver com você. Pois é, a proposta do conteúdo dinâmico é justamente essa.

Por meio desses pequenos (que, na verdade, são grandes) toques, o cliente começa a se sentir lembrado e especial, pois recebe apenas o que lhe convêm, tudo baseado em seus gostos e preferências. Nesse caso, tudo varia conforme uma série de fatores: localização, gênero, histórico de compra, idade, entre outros. A personalização é feita com base nisso e, assim, a pessoa receberá apenas o que considera relevante, o que aumenta a conversão no e-mail marketing e pode levar suas vendas a um boom.

O conteúdo dinâmico visa garantir que tudo fique equilibrado e coerente para os consumidores, evitando a proliferação de anúncios que não têm nada a ver com muitas pessoas. Afinal, se você ama livros e não tem nada a ver com culinária, por que te interessa receber dicas de receitas? É perda de tempo tanto para você quanto para o desenvolvedor que compartilhou a mensagem achando que deve ‘’abraçar o mundo’’ em vez de focar na especificidade e até em certa ‘’exclusividade’’, como será visto pelo cliente. Essa personalização é simples, econômica, versátil e com ótimos resultados, ainda mais quando se trata de conversão tanto no e-mail marketing quanto no aumento das vendas.

Conteúdo dinâmico no e-mail marketing: como fazer?

Como muita gente já sabe, o e-mail marketing pode se tornar um pesadelo caso seja uma ferramenta mal usada. A questão é que muita gente acha que, por ser básica e ter taxa de engajamento baixa, nunca dará o resultado previsto. Bom, mas para alcançar metas, é preciso trabalhar para isso, logo, o conteúdo dinâmico surge como uma boa alternativa.

A técnica passo a passo para começar a usar esse recurso é simples. A primeira coisa a fazer é elaborar uma hipótese de qual conteúdo vale a pena expor e modificar para que atenda as expectativas de determinado segmento de clientes. A estratégia deve ser feita baseada em sua lista de contatos e suas preferências, por isso, é importante que você fale para os consumidores manterem seus dados sempre atualizados.

Como já dissemos, a segmentação se dá por diversos fatores, por isso é importante avaliar bem antes de fazer e divulgar o conteúdo. Se for por localização, por exemplo, é importante otimizar a imagem apenas para as pessoas próximas, que serão o público alvo de sua oferta. Assim, o poder de engajamento pode ser maior e mais proveitoso do que se fosse enviá-la para toda sua lista, já que não faz sentido uma pessoa que mora na região norte receber a notícia de determinado serviço da região sul, não é?

Na criação do conteúdo, é primordial se atentar à qualidade e à CTA (call-to-action/chamada para ação). Ele precisa instigar e se destacar para que ‘’ganhe’’ o cliente, que esteja interessado e pronto para responder sua solicitação. Se há uma chamada incrível e que mostra com clareza todos os detalhes de um produto, a pessoa se sentirá confiável em investir nessa opção.

A ideia, nesse caso, também é ser original. Tente ir além do convencional e apostar em fórmulas realmente dinâmicas e chamativas de gerar conteúdo. Isso deixa sua loja com um tom de ‘’exclusividade’’ e mostra que é um trabalho direcionado, pensado realmente para atender as expectativas de seus parceiros.

Quais os tipos mais comuns de conteúdo dinâmico?

Empresarial

Refere-se às empresas, como o tipo do serviço e produto que comercializam, perfil dos funcionários e clientes e localização. Exemplo: uma gráfica que atua como revendedora.

Comportamento

Condiz com o que os clientes mais fazem na web: histórico de compra, links que clicam, taxa de conversão, buscas, remarketing.

Demográfico

São os fatores pessoais que caracterizam os consumidores: idade, gênero, etnia, renda, educação, entre outros.

Psicológico

Interesses, atitudes e estilo de vida.

A partir desses segmentos é importante considerar as principais características de seus clientes para mandar uma mensagem relevante e com conteúdo dinâmico que realmente chame atenção e o faça dar um crédito para seu e-mail marketing, potencializando essa ferramenta que pode ter uma ótima performance.

Fique atento para não cometer erros

Ah, mas não é porque o conteúdo dinâmico é um recurso bacana que você não cometerá erros. Por isso, é importante revisar para ver se a mensagem está clara e direta, sem enrolação e informações incompletas. Além disso, você nunca deve ser invasivo demais a ponto de deixar o cliente desconfortável. Como se sabe, há muitos interesses peculiares, mas que muita gente não desejaria ver exposto em uma mensagem de e-mail marketing.

No mais, é bom ser sutil e ter bom senso sempre! Coloque-se no lugar das pessoas e tente ser o mais honesto e orgânico possível. Personalize de maneira equilibrada e prática, de modo que o cliente se sinta bem ao ler.

Quer mais dicas? Siga nossas tendências!

Essas foram algumas dicas sobre conteúdo dinâmico no e-mail marketing que esperamos que você goste. Se quiser saber muito mais, é só acompanhar nosso blog com muitas tendências que farão toda a diferença em seu negócio online. Navegue e confira tudo!

Até mais!

Gostou de nosso post? Compartilhe:

Talvez você goste

Top