Polos tecnológicos do Brasil: Conheça as Principais Cidades

16/05/2018 às 19:59 Ajuda

Polos tecnológicos do Brasil: Conheça as Principais Cidades

Em busca do seu pleno desenvolvimento desde os anos 90, o Brasil tem investido na formação de polos tecnológicos que aumentam a competitividade da sua indústria no mercado mundial. As regiões Sul e Sudeste apresentam a maior concentração de parques tecnológicos em operação ou implantação em todo o país.

Através desse artigo, você vai conhecer quais são as cidades brasileiras que são conhecidas como polos tecnológicos. Leia até o final e fique por dentro do assunto. 

Principais polos tecnológicos brasileiros 

As principais cidades que são Polos Tecnológicos de referência no nosso Brasil são:

  • Recife - Porto Digital
  • Porto Alegre - TecnoPuc
  • Belo Horizonte - San Pedro Valley
  • São José dos Campos: Parque Tecnológico
  • Florianópolis: Capital da Inovação
  • Santa Rita do Sapucaí: Vale da Eletrônica
  • Campinas: Fundação UNICAMP
  • São José dos Campos: ITA

É claro que os polos brasileiros ainda não apresentam grau de maturidade semelhante ao Vale do Silício nos EUA, por exemplo. Mas é importante que esses polos sejam implantados e iniciem suas atividades, motivando a pesquisa e a criação de novos negócios por aqui. Conheça agora as cidades. Conheça um pouco mais sobre cada polo abaixo.

Recife: Porto Digital

Foi lançado em 2000 para atrair empresas de caráter tecnológico e postos de trabalho para o estado de Pernambuco. Atualmente, reúne cerca de 250 empresas e 7 mil profissionais na área de tecnologia e inovação, movimentando mais de 1bilhão de reais por ano.

Possui incentivos de nomes importantes como Microsoft, IBM, Samsung e LG e oferece também auxilio a novos negócios e pequenos empresários em suas 3 incubadoras. 

É considerado um dos maiores responsáveis pela economia do estado e também pelo desenvolvimento de sua região, sendo um exemplo de fomento à inovação e economia criativa. Leia nosso post sobre vantagens de Criar um Blog  

O Porto Digital aposta principalmente em Tecnologia da Informação (TI), Comunicação e Economia Criativa, com foco em games, multimídia, cinema, música, fotografia e design. A região é fomentada por uma parceria entre governo, academia e empresas privadas.

Porto Alegre: Tecnopuc

O parque tecnológico dessa cidade do sul do Brasil, conhecido como Tecnopuc tem sua gestão feita pela Pontifícia Universidade Católica de Porto Alegre e abriga cerca de 120 empresas, sendo em sua maioria pequenas e médias. 

A característica principal desse moderno parque é a concentração de pesquisadores e especialistas em inovação que buscam aplicar seus conhecimentos no ambiente mercadológico, que muda constantemente. Conheça nosso serviço de Hospedagem de Site

Algumas grandes empresas de tecnologia como a Huawei, HP, Dell e a Microsoft, se instalaram no polo que trabalha com o desenvolvimento de novas plataformas em conjunto às empresas incubadas. 

Belo Horizonte: San Pedro Valley

Outra cidade considerada polo tecnológico brasileiro é a capital de Minas Gerais, Belo Horizonte. Conhecida pela colaboração entre empreendedores, a cidade conta com mais de 200 startups, aceleradoras e espaços de coworking, entre eles o Seed, programa fomentado pelo governo local e que desenvolve mais de 40 empresas por semestre.

A troca entre esses empreendedores e a distância que eles estão localizados uns dos outros fez o bairro nobre de São Pedro, na capital mineira, ganhar o apelido de San Pedro Valley, em clara referência ao Vale do Silício, localizado nos EUA. 

São José dos Campos: Parque Tecnológico

Um dos principais locais de desenvolvimento da aeronáutica no Brasil, o Parque Tecnológico de São José dos Campos, no interior de São Paulo é fomentado principalmente pelo mercado de defesa e aeroespacial.

Nesse local é que se encontram os centros de desenvolvimento de empresas como Embraer, Boeing, Airbus, Ericsson e Vale. Aprimore seus conhecimentos em Como criar um blog

O Parque Tecnológico abriga mais de 300 empresas e já arrecadou mais de R$ 1,89 bilhão em investimentos públicos e privados. Além da aeronáutica, também desenvolvem negócios para os setores, automotivo, energético, saúde, têxtil, tecnologia da informação, comunicação e transporte.

Florianópolis: Capital da Inovação

Eleita a segunda cidade mais empreendedora do Brasil, ficando atrás apenas de São Paulo, a capital catarinense aposta nas startups para ganhar destaque. O polo tecnológico começou a se estruturar em 1984, com a criação da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras.

A cidade tem mais de 600 startups tecnológicas que faturam mais de R$ 1 bilhão por ano e crescem em média 15% todos os anos.

Santa Rita do Sapucaí: Vale da Eletrônica

Essa pequena cidade mineira figura entre os principais polos tecnológicos do país há algumas décadas. Em 1959, o município recebeu a primeira escola técnica de nível médio da América Latina, a Escala Técnica de Eletrônica. 

Com apenas 38 mil habitantes, Santa Rita do Sapucaí produz inovações voltadas principalmente para a área de informática. Uma das grandes vantagens da cidade comparada a outros polos é a qualidade de vida, já que o município não tem problemas como trânsito e poluição, que são bastante comuns em grandes metrópoles.

Além disso, a cidade oferece infraestrutura para startups como aceleradoras e incubadoras.

O estado de São Paulo

O estado mais industrializado do Brasil não poderia deixar de apresentar polos tecnológicos. A capital São Paulo é sede de inúmeras empresas do ramo da tecnologia, além de ser palco de seus principais eventos. Cidades como São Carlos, Santos e Ribeirão Preto também são reconhecidas na área, mas os maiores destaques ficam para Campinas e São José dos Campos.

Campinas: Fundação UNICAMP

A fundação da UNICAMP gerou maior disponibilidade de mão-de-obra especializada como engenheiros, físicos, químicos, cientistas da computação, entre outros. 

Dessa forma, grandes empresas como IBM, Samsung e HP, se estabeleceram na região e iniciaram suas atividades com o estímulo à inovação e empreendedorismo promovido pela universidade. 

São José dos Campos: ITA

São José dos Campos possui um parque tecnológico ligado ao ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica), que é um dos institutos mais respeitados do Brasil, o que atrai muitas empresas em busca de novos talentos.

Além das multinacionais, empresas locais crescem na região principalmente na área de engenharia espacial, defesa, tecnologia da informação e energia. Vale, Embraer, Airbus e Boeing são grandes nomes instalados na cidade.

Conclusão

A competitividade mundial traz o grande desafio da inovação tecnológica, sendo importante para o país continuar com investimentos nessa área, motivando também institutos educacionais e empresas a trabalharem em conjunto em prol da consolidação do país como uma potência tecnológica.

Ainda tem dúvidas? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esse e outros assuntos. Entre e navegue à vontade!

Gostou de nosso post? Compartilhe: