Freelancer: preste atenção na sua segurança digital

Freelancer: preste atenção na sua segurança digital

07/01/2018 às 18:30WordPress

Para a maioria das pessoas que trabalham como freelancer na área digital, o laptop armazena inúmeras informações sobre todos clientes e algumas informações podem ser confidenciais. O maior problema é que a muita gente se esquece da segurança e acaba adiando aquele backup importante ou até mesmo deixa de atualizar a última versão do antivírus. A segurança digital é algo que quase sempre fica em segundo plano para o freelancer. Leia esse artigo até o final e saiba porque o freelancer deve se preocupar mais com a segurança de suas informações que trafegam na internet.

Tenha todos os seus dados em nuvem

Essa é uma das melhores dicas de segurança digital para o freelancer. Foi-se o tempo em que era preciso investir em um HD externo para que todas as suas informações pessoais e profissionais ficassem salvas. Com a tecnologia do armazenamento de dados em nuvem, conhecido com cloud computing, torna-se possível garantir a segurança digital de todos os seus dados que ficarão armazenados em um arquivo digital. Nesse cenário, o Google Drive e o DropBox são os mais conhecidos.

Alguns desses serviços costumam oferecer uma certa quantidade de armazenamento gratuita e outros possibilitam a degustação de alguns meses grátis. Dependendo do tipo de laptop que você possui ou do sistema utilizado, alguns serviços de armazenamento em nuvem podem ser mais vantajosos do que outros. Tudo vai depender da quantidade de informações e da importância delas para seu trabalho. De qualquer forma, o serviço de dados em nuvem é uma verdadeira mão na roda para todos os freelancers, que podem trabalhar bem mais tranquilos em relação à segurança digital dos seus dados. Leia também nosso post sobre Hospedagem com WordPress

Utilize a criptografia

Se você não tem o hábito de realizar aquele bom e velho backup semanal ou diário de todas as suas informações, pode utilizar a criptografia. Essa técnica é usada por todas as pessoas que não tem tempo ou não querem fazer um backup de dados. A criptografia é uma espécie de blindagem de todas as suas informações que impedem eu elas sejam acessadas por terceiros que não tem autorização para isso.

Se você não sabe como criptografar seus dados do Windows ou mesmo de outro sistema operacional, os próprios softwares contam com alguns recursos específicos que fazem isso. O melhor de tudo é que você não precisa comprar nenhum outro software para fazer a criptografia de segurança. Algumas ferramentas como BitLocker é uma das mais usadas para criptografar unidades que podem ser pen drives até HD`s externos. Se você ainda quiser proteger arquivos de invasores em potencial, outras ferramentas podem te ajudar nessa tarefa, pois tudo vai depender de sua necessidade. Conheça mais sobre os serviços oferecidos por nossa empresa em Hospedagem com WordPress

Use o HTTP e VPN para não deixar rastros

Quem trabalha como freelancer, é natural querer variar o ambiente de trabalho, de vez em quando. Às vezes, trabalhar em uma tranquila cafeteria, por exemplo, faz o trabalho render muito mais. O que muita gente não sabe é que quando se trabalha usando um WI-FI aberto, todas as suas informações confidenciais se encontram em um ambiente bastante vulnerável na questão da segurança digital. Quando for navegar, tenha certeza de que a URL que você está usando é segura. Sites que contém o https:// ao invés do http:// já estão protegidos pelo protocolo de segurança do próprio site. Isso significa que você não precisa baixar nenhum tipo de programa e nem se preocupar ao navegar ou fazer operações em sites desse tipo.

Outra ferramenta bastante útil nesse cenário de segurança digital, quando o assunto é navegação, é o VPN (Virtual Private Network). Esse serviço permite que você envie e receba informações em um ambiente público, como se estivesse navegando em um ambiente privado. O melhor de tudo é que muitos serviços desses são totalmente gratuitos e permitem que você use o WI-FI aberto sem deixar nenhum tipo de rastro, evitando ataques maliciosos. É claro que nenhuma dessas ferramentas são 100% seguras, mas são uma proteção adicional para quem tem informações importantes armazenadas no laptop.

Reforce suas senhas

Se você utiliza senhas consideradas óbvias ou fáceis demais, as chances de seus dados serem acessados por terceiros são enormes. Com um simples acesso à sua conta de e-mail é muito provável que um hacker experiente também tenha acesso ao número de seu cartão de crédito ou até senhas de banco. Por isso, é de suma importância que todas as suas senhas sejam pouco óbvias e mais seguras possível. Aproveite para aprimorar mais seus conhecimentos em Dicas de SEO para WordPress

Uma boca dica é usar senhas que que tenham letras, números e símbolos, o que pode dificultar a descoberta por terceiros. Alguns softwares até dão dicas para criar uma senha segura para você. Um dos problemas mais recorrentes é o esquecimento da senha por parte do próprio usuário. A boa notícia é que alguns programas podem te ajudar a lembrar sua senha, fazendo perguntas ou dando dicas.

Conclusão

Organização e produtividade são coisas essenciais na vida de todo freelancer. Mas a garantia da segurança digital de todas as suas informações profissionais e pessoais também é extremamente importante. Aquele velho ditado que diz que é melhor prevenir do que remediar, se encaixa muito bem nessa situação. Ter dados ou arquivos invadidos, pode lhe render muita dor de cabeça, gastos extras, dias perdidos de trabalho e atraso na entrega do serviço para seus clientes. Portanto, use e abuse de toda a tecnologia disponível no mercado e proteja o seu laptop de possíveis ataques de pessoas maldosas. Gastar 5 minutos a mais para proteger seus dados, pode evitar muito estresse futuramente.

Ainda tem dúvidas sobre as dicas de segurança digital para o freelancer? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esse e outros assuntos. Para nossa empresa, o cliente vem sempre em primeiro lugar e não medimos esforços para atende-lo da melhor forma possível.

Gostou de nosso post? Compartilhe: