Como recuperar clientes inativos por e-mail?

20/07/2018 às 19:40 Ajuda

Como recuperar clientes inativos por e-mail?

O e-mail é uma das ferramentas mais poderosas que existem quando se trata de marketing digital.

É através dele que você consegue um contato direto com seu clientes e possíveis, de forma mais pessoal, que permite resposta e que você pode monitorar para saber exatamente o que funciona e o que não funciona.

Porém, um problema comum de muitos empreendedores digitais é criar listas visando apenas os leeds considerados “quentes” e dando muito menos atenção para seus outros contatos.

E apesar de isso fazer sentido em um primeiro momento, os contatos mais “frios” precisam sim de um pouco mais de atenção, principalmente porque eles podem se tornar clientes mais fortes.

É por isso que o assunto do texto de hoje é como recuperar clientes inativos por e-mail.

Quer saber como fazer com que suas listas rendam mais? Quer deixar uma boa impressão para todos e não só para quem está comprando agora? Então você veio ao lugar certo!

Você já fez o mais difícil!

Fazer com que uma pessoa se inscreva por conta própria em sua lista de e-mails é uma das tarefas mais difíceis que um empreendedor pode fazer. Ter esses contatos na lista não é para qualquer um e você precisa valorizar isso.

Como já falamos anteriormente, o e-mail é uma ferramenta de interação mais pessoal, que permite um contato direto com reposta e que faz o cliente se sentir parte do seu processo.

É necessário aproveitar o poder que isso tem para o seu benefício. Esse é o primeiro passo para aprender como recuperar clientes inativos por e-mail.

A parte mais difícil você já fez, mas ainda há outras coisas para que a tarefa seja completada.

Você conhece o nosso serviço de E-mail Marketing? Os custos são a partir de R$45,00 mensais com 10.000 disparos (cada plano tem sua quantidade de disparos correspondentes).

Agora que você já tem a consciência de que a tarefa é menos difícil do que você imaginava, podemos pensar em alguns tópicos que vão te ajudar nela. Eles são:

  • Mensagens Personalizadas
  • Ofereça Descontos Exclusivos
  • Peça a permissão deles para voltar a enviar Mensagens

Vamos falar um pouco mais sobre cada um desses pontos e sobre como eles podem ajudar você a recuperar clientes inativos por e-mail.

Mensagens Personalizadas

Muitas vezes um cliente que não compra seus produtos ou serviços há um bom tempo pode achar que ele é apenas mais um na sua lista, que não faz diferença para você se ele abrir esse e-mail ou não.

O segredo aqui é mostrar para eles que eles fazem diferença sim. Fazer com que o cliente se sinta especial. Nesse sentido, as mensagens personalizadas são a melhor alternativa para fazer o cliente abrir o e-mail, ler, se identificar com a mensagem e considerar voltar a comprar.

É claro que o texto deve ser convincente, tentando chegar no nível mais pessoal possível para atrair esses clientes. Essa é uma das formas mais simples de fazer com que sua estratégia funcione e, é claro, existem diversas maneiras de redigir essas mensagens personalizadas.

Você deve saber qual o melhor tipo para os seus clientes de acordo com sua própria análise.

Ofereça Descontos Exclusivos

Uma das coisas mais tentadoras é quando você recebe um e-mail com descontos. Fazer isso com clientes que não compram de você há muito tempo pode parecer um tiro no pé, mas se isso for alinhado com a estratégia de mensagens personalizadas, tudo fica muito mais poderoso.

Imagine um restaurante que possui uma lista de e-mails. Imagine que você faça parte dessa lista de e-mails e há um bom tempo não vai ao restaurante.

Agora imagine mais uma coisa: um e-mail que chega com uma promoção de sobremesa de graça caso você compre um prato principal. Fica tentador, né?

Outra tática muito usada para isso, é que essa promoção precisa ter um prazo de validade. Isso porque quando você trabalha com escassez, as pessoas sentem a necessidade de aproveitar aquela oferta.

Se você deixar ela válida por muito tempo, a pessoa sempre vai achar que pode ir outro dia e ficar adiando essa ida até cair no esquecimento.

Leia também: Como aumentar sua conversão com e-mail marketing

Peça Permissão para voltar a enviar Mensagens

Em outras palavras, você precisa dizer para seu cliente “Ei, lembra que eu existo? Então, ainda tenho muito a te oferecer. Posso contar com você? ”.

É claro que esse é o subtexto da mensagem que você deverá enviar, mas é uma tática que pode funcionar muito e por diversas razões.

A primeira delas é que você pode verificar as métricas e calcular quais foram as pessoas que abriram seu e-mail e as que o deixaram de lado.

Os clientes inativos que mesmo assim abriram um e-mail são os que provavelmente ainda querem algo de você, então você pode direcionar ofertas exclusivas com mensagens personalizadas para essa lista em específico.

A tarefa fica mais difícil com os que não abriram, mas o recomendado é que você não esqueça completamente deles mesmo assim. Apenas que você não se esforce tanto com clientes que são muito mais difíceis de converter.

A segunda razão pela qual essa estratégia é uma boa ideia tem muito a ver com o primeiro tópico citado aqui, o das mensagens personalizadas.

O cliente vai saber que você pensou e o escolheu porque percebeu que ele não compra faz algum tempo. Isso vai despertar a atenção dele e fazer com que suas chances de comprar aumentem.

Você também pode se interessar: Como fidelizar clientes através do e-mail marketing

Aprender como recuperar clientes inativos por e-mail é apenas um dos passos para que todos os contatos de sua lista sejam melhor aproveitados.

Existem diversas maneiras de fazer com que essa incrível ferramenta que é o e-mail marketing renda muito mais do que você imagina. Não existe segredo, é claro, porém é algo que vai demandar um trabalho constante e exige paciência para que você consiga obter os melhores resultados.

E mesmo nos dias de hoje onde tudo acontece tão rápido e nós exigimos resultados imediatos, é necessário um pouco de cautela para que essa nossa ânsia não acabe prejudicando o nosso trabalho.

Gostou de nosso post? Compartilhe: