Como otimizar e melhorar o desempenho do Wordpress

Como otimizar e melhorar o desempenho do Wordpress

28/06/2017 às 21:00WordPress

Muitas são as dicas para que você possa melhorar o desempenho de suas instalações Wordpress, algumas vezes vão te recomendar uma tonelada de plugins, o que acaba sendo um verdadeiro tiro no pé, já que quanto mais plugins você tiver instalado e mais requisições seu site faz durante o carregamento pior será o seu resultado no quesito velocidade de carregamento, não depende apenas da sua hospedagem de site, mas de algumas práticas que você deve começar a seguir ou até mesmo abandonar.

Já falamos sobre a performance do wordpress, essas novas dicas serão um complemento para reforçar as boas práticas para uma melhor performance. Existem dois plugins muito interessantes que podem te dar uma ótima visão do que está acontecendo com seu site ou blog, lembrando que eles vão te dar apenas as dicas principais para as melhorias e cabe a você corrigir e ajustar seus arquivos para um melhor aproveitamento dos resultados.

Speed Booster Pack, um checklist de boas práticas

Quando falamos de boas práticas no desenvolvimento web devemos lembrar da otimização de scripts, limpeza do código fonte, reduzir o número de requisições, entre outros detalhes, o painel principal do Speed Booster Pack traz uma lista de boas práticas que vão ajudar muito no ganho de performance, dentre elas podemos falar dos scripts movidos para o rodapé, carregando por último a página é exibida mais rápido e os scripts carregam posteriormente sem prejudicar a visualização do conteúdo, carregamento de bibliotecas via Google Libraries, com a velocidade de entrega dos servidores Google é claro que será uma vantagem ter a segurança e desempenho vindos de lá, remoção de requisições desnecessárias, inclusão do Lazy Load no carregamento das imagens, em resumo podemos dizer que o plugin remove do carregamento coisas desnecessárias e prioriza tudo o que é essencial para a página e para a entrega do conteúdo no menor tempo possível.

Um outro ponto positivo do Speed Booster é a exibição do tempo de carregamento das páginas e o número de queries que estão sendo feitas para o Wordpress, isso ajuda muito a se ter uma idéia do que é preciso melhorar.

Google Pagespeed Insights, conferindo as melhorias

O PageSpeed é sem dúvidas um ótimo guia para você entender como agradar o Google durante as buscas, com ele você tem as informações da página diretamente em seu painel do Wordpress, todas as recomendações para desktop e mobile, relatórios completos e detalhados. Com os ajustes proporcionados pelo Speed Booster você pode acompanhar pelo Pagespeed Insights os efeitos dessas alterações e verificar o que está precisando de correções ou o que está correto.

A vantagem do Google Pagespeed é que cada sugestão conta com um guia de como realizar essas melhorias, você pode fazer o download dos arquivos já otimizados e ganhar um pouco mais de tempo para se dedicar a outras coisas.

 

 

Não mexa onde não deve!

Um dos grandes problemas que acontecem com o Wordpress é a edição de arquivos nativos da plataforma, um alerta que sempre é dado a todos os usuários é o de não editar qualquer arquivo das pastas wp-admin e wp-includes, além de prejudicar a performance do gerenciador, alterações podem prejudicar na segurança do seu site. Muitos problemas de invasão são provenientes dessas alterações inseguras, então evite qualquer uma delas e use apenas plugins de confiança para realizar suas adaptações.

Faça a limpeza do seu banco de dados

Se você não cuida da sua base de dados esse pode ser um grande problema, com o tempo a base de dados acaba ficando com alguns vestígios de dados antigos, tudo isso pode fazer sua base de dados aumentar consideravelmente e com isso o tempo de consulta aos dados, o que interfere drasticamente na velocidade que as informações são carregadas para o usuário. Uma forma de reduzir esse impacto é usar o plugin WP-Optimize, com ele você pode otimizar as tabelas, limpar revisões de postagens antigas, esvaziar postagens na lixeira, remover comentários marcados como spam ou não aprovados, limpar pingbacks, trackbacks, dados sem vínculo, ou seja, é uma faxina completa em sua base que pode reduzir drasticamente o tamanho e aumentando o desempenho, lembrando que quanto menos consultas sua página tiver que fazer melhor se torna o tempo de entrega da informação.

Você pode inclusive programar a limpeza caso seja necessário, pode toda semana executar as otimizações sem se preocupar com o processo manual, além de poder definir um prazo mínimo para que os dados desnecessários sejam mantidos antes de poderem ser limpos da base.

Conclusão

Mostramos que qualquer usuário pode ter um painel otimizado para seu Wordpress seguindo algumas recomendações, podemos destacar a limpeza do banco de dados, manter a integridade dos arquivos básicos do sistema, e o uso de dois plugins para mensurar o impacto do carregamento e o ajuste necessário para as correções e melhorias. Apenas com esses ajustes você pode notar uma grande diferença em seu uso diário, temos mais dicas de otimização que você pode precisar para usar em seus temas e outros plugins, veja nossa categoria dedicada ao wordpress e leia mais artigos excelentes!

Gostou de nosso post? Compartilhe: