Como diminuir seus custos no Google Adwords?

Como diminuir seus custos no Google Adwords?

12/12/2016 às 09:21AdWords

Como diminuir seus custos no Google Adwords?

Não é de hoje que o Google Adwords é uma ferramenta essencial no marketing digital. A abrangência e taxa de conversão dos acessos com esse recurso tem sido cada vez mais eficiente para muitas páginas, que investem pesado em campanhas otimizadas com o objetivo de ‘’bombar’’ seu negócio online. Querendo ou não, é um investimento necessário, mas que gera custos. O valor depende de cada meta específica, mas a economia chama atenção de qualquer um que usa o Adwords, afinal, quem não quer diminuir custos e aumentar o lucro? Essa questão ainda é dúvida de muitas pessoas, que não sabem o que fazer para otimizar uma campanha e minimizar o custo dela. 

Veja também nosso post: Como o Google AdWords ajuda a sua empresa a se destacar na internet?

Essa redução é fundamental, porém, não deve afetar o posicionamento do site e os links patrocinados. A ideia é que o valor do CPC (custo por clique) diminua, mas não prejudique a página em si. Já a boa notícia é que, em muitos casos, apenas com uma otimização já é possível ter bons resultados, mantendo um alto IQ (índice de qualidade) dos anúncios e gastando menos do que você está acostumado atualmente – em tempos de crise, isso é primordial, não é?

Para começar, um erro comum é não contar com um especialista ou, mesmo com o pouco conhecimento, evitar encontrar guias para criar uma campanha perfeita no Google Adwords. Muita gente pensa que é só pagar um plano e jogar qualquer conteúdo no anúncio para chamar atenção do internauta. Pode funcionar? Às vezes sim, mas não dá para ficar apostando em algo incerto se existem maneiras de aperfeiçoar o trabalho.

Antes de conhecer as dicas para diminuir os gastos no Google Adwords, leia o nosso artigo ‘’Google Adwords: Como funciona? Dicas para criar sua primeira campanha’’, com um tutorial completo e passo a passo dessa ferramenta tão usual.

Otimizando a campanha no Google Adwords

A primeira etapa para tirar o máximo proveito do Adwords é otimizar a campanha em todos os níveis, evitando trabalhar ‘’no escuro’’ e deixar o procedimento sem ter noção exata de como está sendo executado. Por isso, vale avaliar todo o processo e usar as dicas para campanhas futuras, deixando os erros de lado e conseguindo um resultado realmente interessante e efetivo. Algumas dicas de otimização:

- Delimitar público-alvo específico, conhecendo seu comportamento e quais são suas principais necessidades. É claro que quanto mais pessoas atingir, melhor para seu negócio, porém, não adianta atirar para todos os lados, ainda mais se o produto pode ser direcionado para um grupo. Isso aumenta a credibilidade e eleva seu serviço para um bom status online. Sendo assim, foque sempre em uma boa segmentação, seja por idade, região e demais fatores.

- Saber a qualidade do produto e mostrar isso com qualidade, clareza e objetividade. Não adianta enrolar as pessoas, é preciso mostrar vantagens reais e honestas. Outro erro crucial é quando o link não faz um redirecionamento correto ou quando não funciona. Faça sempre testes! Ah, e também não faça propaganda enganosa, claro. É óbvio, mas isso ainda acontece, infelizmente.

- Identifique as necessidades de seu público e foque em palavras-chave relevantes. Os detalhes, sobretudo quando dizem respeito ao SEO, são imprescindíveis, com identificação e compatibilidade total com o serviço. O Adwords considera sempre o que é mais interessante ao público em questão. Avaliar a concorrência e tentar divulgar uma campanha diferenciada e melhor que os rivais também é um modo de otimização. Dica preciosa: no caso de palavras-chave, o foco é sempre qualidade, e não quantidade.

- O monitoramento da campanha também é primordial, com a análise de erros e acertos. Uma boa programação faz toda a diferença para um bom rendimento do processo, e o acompanhamento evita falhas custosas nessa ferramenta, físicas, principalmente.

- Configure os códigos e idiomas para não ter problemas de instalação e manter a taxa de conversão alta. É preciso ter controle total sobre sua conta e campanha, tanto para o usufruto dos resultados quanto para o acompanhamento integral de todas as métricas.

- Não adianta fazer um baixo investimento no Adwords e esperar um efeito astronômico e incrível. Lembre-se que tudo tem uma base e pensar sempre na utopia de sucesso sem trabalho duro é inútil. Exceções acontecem, claro, mas não é sempre (na verdade, quase nunca) que o resultado será maior que o investimento. Para que uma campanha ultrapasse as expectativas, ela precisa de um ótimo gerenciamento e a otimização passo a passo. As dicas que demos são ótimas e já fazem bastante diferença.

Como minimizar os gastos com o Google Adwords?

Bom, depois de um aperfeiçoamento total em seu anúncio, com certeza ele renderá bons frutos e a taxa de conversão aumentará, além do número crescente de vendas e lucro. Mas, ainda assim, dá para diminuir os custos com o Google Adwords com algumas alternativas simples.

- Pense na campanha que realmente tenha intenções de acordo com seus planos. Não adianta pensar só em gastar e investir se não há estrutura para a criação de algo otimizado e totalmente dentro das expectativas de um bom anúncio. É aquele velho hábito de achar que é só colocar dinheiro assinando o melhor plano para que tudo funcione, sem pensar no outro lado, na execução, para que ambos caminhem e tragam resultados juntos. Portanto, vale um bom controle nesse caso, sempre!

- Atentar-se no número de palavras-chave, porém, mantendo uma relevância no anúncio com o uso estratégico para diminuir o CPC. Configurar a campanha para alternar a propaganda é uma ótima ação, assim você pode pagar menos com maior taxa de cliques. Além disso, fazer uma duplicação com poucas alterações de um anúncio com pouco gasto e bons resultados também ajuda bastante.

- Foco no remarketing e em estruturas mais baratas e com bons efeitos. Uma parte do Adwords é o remarketing, que gera um cookie de anúncios que ‘’perseguirá’’ o internauta e pode convencê-lo a confiar na publicidade em longo prazo. Outra opção é fazer um e-mail marketing mais direcionado e atrativo: não gera custo e pode crescer consideravelmente, desde que haja um cuidado com o cliente e sua fidelização.

Que tal? Pense que com métodos básicos já é possível diminuir os custos com o Google Adwords e, assim, manter seu link patrocinado no topo e as vendas cada vez mais crescentes!

Até Mais!

 

Gostou de nosso post? Compartilhe: