As maiores Conquistas das Mulheres nas áreas tecnológicas

08/03/2018 às 09:30 Novidades

As maiores Conquistas das Mulheres nas áreas tecnológicas

Não existem dúvidas que as mulheres estão ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho. Cargos que antes só eram chefiados pelos homens, estão também sendo chefiados por elas. Independentemente se é na indústria, no comércio ou na área tecnológica, o fato é que as mulheres já ocupam uma considerável parcela da população economicamente ativa e algumas até fizeram conquistas importantes. Esse artigo vai trazer quais foram as mulheres que tiveram as maiores conquistas nas áreas tecnológicas.

Ada Lovelace

Quando o assunto é a história da tecnologia, não há como não lembrar de Ada Lovelace. Em 1843, Augusta Ada King, a Condessa de Lovelace, fazia a tradução dos textos de Luigi Menabrea sobre as ferramentas analíticas usadas por Charles Babbage, um matemático inglês. Esse complexo trabalho foi considerado para muitos especialistas, o primeiro algoritmo criado da história, muito antes da existência de modernas máquinas que pudessem processá-lo.  

Seu trabalho estava relacionado à metodologia de cálculo de uma sequência de números de Bernoulli, sequências de racionais com operações altamente complexas. Seu algoritmo foi provado como correto anos depois de seu falecimento. Atualmente, ela dá nome a um prêmio da Sociedade Britânica de Computação que contempla avanços significativos em sistemas de informação.

As garotas do ENIAC

Antes das complexas linguagens de programação e de modernos sistemas para cálculos matemáticos, os primeiros computadores dependiam da influência humana e de aparatos mecânicos para funcionarem. Quando se falava em trajetórias de mísseis e bombas, era algo inimaginável na época. A bola da vez foram as garotas do ENIAC, que era um grupo de seis mulheres que foram as primeiras mulheres que dominaram a informática da história.

Elas trabalhavam em um dos primeiros supercomputadores criados em uma escola de engenharia americana e eram responsáveis pela configuração do ENIAC, dando a ele as instruções para realizar os cálculos necessários com total precisão. Isso significava que elas tinham que lidar, todos os dias, com mais de 3 mil interruptores e botões que ligavam um hardware de 80 toneladas, tudo manualmente. Leia também nosso post sobre Como criar um blog

Irmã Mary Kenneth Keller

Considerada a primeira mulher a receber um diploma de doutorado do curso de ciências da computação em 1965. Sua contribuição foi essencial na criação da linguagem de programação BASIC, criada com fins didáticos e utilizada até o final dos anos 90, sendo substituída pela linguagem Pascal, que é mais arrojada e segura. Keller enxergava todo o potencial dos computadores como uma ferramenta de ensino e voltada para o desenvolvimento humano.

Ela ainda trabalhou na área do ensino, fundando o departamento de ciências da computação em uma universidade americana, na qual permaneceu na direção até o seu falecimento, em 1985. Os feitos não param por aí e Keller ainda escreveu 4 livros sobre computação e programação e suas obras são uma referência até hoje.

Jean Sammet

Criadora de uma das primeiras linguagens de computação existentes, o FORMAC, que entrou em uso no final dos anos 60 pela gigante IBM, era utilizado para manipular fórmulas matemáticas e auxiliar em cálculos complexos da área. Por causa disso e de seus amplos conhecimentos em informática, ela trabalhou durante 27 anos na IBM, que foi referência em tecnologia em todo o mundo, durante muito tempo.

Ela também teve uma importante influência na criação do COBOL e participou de diversas entidades voltadas à inclusão das mulheres na indústria da tecnologia. Sammet também foi presidente da ACM (Associação para Maquinaria de Computação), que era uma iniciativa voltada para o uso da informática em projetos científicos e educacionais, que tinha quase 70 mil membros participantes. Aprimore mais os seus conhecimentos em vantagens de Criar um Blog

Grace Hopper

Foi a primeira mulher que teve um título em PHD em matemática a se formar na universidade americana de Yale. Além disso, ele foi a primeira almirante da marinha dos EUA. Na área da tecnologia, ela foi uma das criadoras do COBOL, uma importante linguagem de programação para bancos de dados comerciais que foi largamente usada nos anos 80 e 90. Entretanto, o seu maior feito na área da tecnologia remete à popularização do termo “bug” para indicar problemas em softwares. Hopper também criou linguagens de programação para o UNIVAC, que foi primeiro computador comercial fabricado nos Estados Unidos.

Karen Sparck Jones

Jones realizou um trabalho focado em processamento de linguagem. Ela foi uma das criadoras do conceito de “inverso da frequência em documentos”, que são a base dos modernos sistemas de busca e localização de conteúdo, algo fundamental de companhias como o Google. Trata-se de um sistema de recuperação de informações altamente veloz. A busca é feita pelos termos que mais aparecem nos textos, que quando são cruzados com um sistema de filtragem, mostram a relevância de diferentes temas. Os estudos de Karen Sparck Jones foram desenvolvidos no laboratório de computação da conceituada universidade inglesa de Cambridge, onde ela trabalhou por quase 30 anos. Conheça mais sobre nossos serviços em Hospedagem de Site

Carol Shaw

Foi a primeira mulher a trabalhar na indústria dos games e uma das funcionárias originais da lendária Atari. Apesar disso, ela passou pouco tempo na empresa, sendo contratada rapidamente pela Activision e participando do desenvolvimento de um dos maiores clássicos dos games,o River Raid. Shaw era engenheira de software para microprocessadores e trabalhava com uma máquina de apenas 128 bytes de memória RAM. Ela também foi a responsável por criar o primeiro sistema de geração procedural de conteúdo, o que significava que, em River Raid, uma fase nunca era igual à outra.

Frances Allen

A primeira mulher que foi contemplada com o prêmio Turing Award. Allen trabalhou durante 45 anos na IBM, onde esteve no centro de muitos dos avanços da computação e, principalmente, na chegada dessas máquinas às casas das pessoas comuns. Além disso, seu conhecimento em programação a levou a criar alguns dos primeiros sistemas de segurança da NSA, a agência de segurança nacional do governo dos EUA.

Ainda tem dúvidas sobre as maiores conquistas das mulheres na área tecnológica? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esse e outros assuntos.

Gostou de nosso post? Compartilhe: