Técnicas para reduzir o código JavaScript

Técnicas para reduzir o código JavaScript

20/08/2017 às 19:19Novidades

Conheça preciosas técnicas que vão reduzir o código JavaScript e que, se bem usadas, podem facilitar todo o trabalho na complexa área da programação. Antes de mais nada, se faz necessário entender o que é JavaScript. Trata-se de uma linguagem de programação que é baseada em scripts e padronizada pela Associação internacional especializada na padronização dos sistemas de informação (ECMA). Esse complexo sistema foi criado em 1995 e tem uma linguagem bastante dinâmica, totalmente orientada a objetos e criada com uma sintaxe muito semelhante à linguagem de programação C. Os scripts desenvolvidos em JavaScript são extremamente populares e bastante usados em páginas web devido a imensa facilidade de interação com Document Object Model (DOM) da página. Através desse artigo você vai conhecer algumas técnicas para reduzir o código JavaScript, o que pode facilitar e muito o seu trabalho.

Veja também nosso post: Passo a Passo para criar um blog

Use códigos em apenas 1 idioma

Para facilitar toda a legibilidade do código e sua manutenção, sempre use apenas um único idioma, seja em nomes de funções, variáveis ou comentários. O mais importante de todo o processo é seguir um determinado padrão de linguagem, mantendo ele do início ao fim de todo o projeto. É óbvio que você deve ser claro na linguagem e evitar nomes ou expressões prolixas, evitando retrabalhos desnecessários.

Dê nomes as pastas, arquivos, módulos e plugins

Um projeto em JavaScript pode ter muitos arquivos, então é de suma importância que eles estejam bem organizados, bem nomeados e separados. É claro que cada projeto é único, mas é recomendável que todos os arquivos estejam escritos na mesma língua sem cameICase, as pastas estejam separadas por tipos e os plugins estejam identificados por versão. Quanto mais organizado for o seu trabalho, melhor para você.

Seja compreensível

Seja o mais simples possível no uso da linguagem de programação. O ideal é que se crie algum tipo de padrão e o mantenha em todo o projeto. No final das contas será muito mais fácil para todos.

Evite termos globais

É uma péssima ideia, porque as chances de ter alguma coisa sobrescrito são enormes. Nada deve ficar subentendido quando se trata de linguagem de programação JavaScript.

Leia também nosso post sobre Conheça as ferramentas para analisar o SEO do seu site

Seja consistente no estilo de código usado

Talvez essa seja uma das mais importantes técnicas para reduzir o código JavaScript. É claro que é possível escrever seu código de várias maneiras, mas procure manter o mesmo estilo de escrita ao longo de todo o projeto. Manter um único padrão para manter os nomes, identificações, patterns ou códigos, podem ajudar e muito.

Escreva os comentários necessários

Provavelmente você já deve ter ouvido falar que um bom código não precisa de explicação. Mas na prática não é assim que funciona. Em grandes projetos, é recomendável que você explique a finalidade do seu código. Muitas pessoas, que tem diferentes níveis de conhecimento, podem ter que trabalhar com seu código de linguagem, mas nem sempre elas tem o mesmo domínio que você. Facilitar a manutenção e o desenvolvimento do negócio é sempre pertinente para todos.

Utilize testes automizados

Assim como os comentários, o uso de alguns testes automizados é uma excelente forma de explicar o que seu código faz ou deveria fazer. Um dispositivo de alerta quando algum teste dá errado, proporciona muito mais segurança para eventuais manutenções ou inclusão de novas funcionalidades no sistema.

Evite misturar linguagens de programação

Se você está usando a linguagem JavaScript, concentre-se somente nela e tente não usar outras linguagens, pois seu trabalho pode ficar extremamente complicado de se entender. Organização, sempre!

Use sintaxe abreviada

Antes de mais nada, é importante conhecer as notações de variáveis e funções abreviadas, procurando usá-las da melhor maneira possível para que seja entendida pelo sistema. Quanto mais simples for a linguagem, melhor para você.

Modularize o seu código

Outra importante técnica para reduzir o código JavaScript. Evite, ao máximo, escrever funções, trechos de código muito longos ou aninhados, procurando separar as regras, evitando códigos repetidos. O trabalho pode ficar extremamente difícil de se entender se essa dica não for seguida à risca.

Deixe o código editável

Quando estiver trabalhando com JavaScript, pense em cada valor, variável, código ou texto. Veja se não existe a possibilidade de deixá-los de forma editável, para quando for necessário alterar algo, isso seja possível de se fazer sem muito trabalho.

Utilize os eventos da forma correta

Quando for escrever seu código em JavaScript, tenha cuidado na escolha correta dos eventos, pois isso impacta diretamente na interação com o usuário. Um erro bastante comum é vincular uma determinada função no clique do botão enviar de um formulário, ao invés de chamar tal ação para o submit do formulário. Lembre-se de que alguns métodos de linguagem estão em desuso e é importante saber qual o mais indicado para se usar.

Adicione funcionalidades com JavaScript, não conteúdo

Caso sua aplicação tenha muita inserção e criação de HTML, que são códigos com muito detalhes, vale a pena analisar e repensar sua criação. Um boa dica é usar os templates separados do JavaScript para um melhor andamento dos trabalhos. Lembra-se que você deve adicionar funcionalidades com o JavaScript e não conteúdo, propriamente dito.

Lembra-se de que código de desenvolvimento não é código de produção

Antes de enviar seu trabalho para aprovação, faça uma compactação dos arquivos mais extensos, remova comentários desnecessários, concatene os JavaScripts. Existem várias ferramentas bastante úteis que podem te ajudar com isso, inclusive algumas estão disponíveis de forma online. Você deve ter quatro versões: uma de desenvolvimento, uma normal, uma comentada e uma para o site que está em produção. Sempre com muita organização para não se perder tempo e perdendo o foco no trabalho.

Ainda tem dúvidas sobre as técnicas para reduzir o código JavaScript? Sem problemas. Você pode ficar por dentro de outras dicas bacanas em5 PASSOS PARA MONTAR SUA LOJA VIRTUAL Queremos saber se as técnicas usadas estão dando resultado. Toda troca de experiências sempre é muito válida, principalmente quando se trata de um assunto tão importante no complexo mundo da tecnologia da informação.

Gostou de nosso post? Compartilhe: