Taxa de rejeição do site: o que fazer para diminuir esse indicador

17/04/2018 às 10:33 Ajuda

Taxa de rejeição do site: o que fazer para diminuir esse indicador

Em qualquer negócio online ou físico é necessário fazer melhorias periodicamente para gerar mais resultados. No caso dos sites, a taxa de rejeição é uma dessas otimizações constantes e que tira o sono de muita gente.

É claro que existem muitas outras melhorias que podem ser feitas, mas a taxa de rejeição ainda traz prejuízos para muitos proprietários de e-commerces. Mas como diminuir a taxa de rejeição do seu site? Leia esse post até o final e conheça algumas dicas bacanas.

O que é taxa de rejeição?

A taxa de rejeição indica o percentual de pessoas que acessam uma página do seu site e abandonam logo em seguida, sem tomar nenhuma ação. Essa ação em si não precisa ser o acesso a outras páginas do site e pode ser uma ação de conversão como preencher um formulário ou fazer o download de um e-book, por exemplo.

É muito comum um usuário acessar a página do seu site através do Google e logo sair porque já viu o que precisava. Apesar de ser contabilizado como uma rejeição, essa ação não significa que o visitante necessariamente tenha rejeitado a sua página.

Para você ter uma ideia, a taxa de rejeição aceitável de um blog está entre 70% à 98%. Veja agora como diminuir a taxa de rejeição do site.

Design da página

Um design bem trabalhado é essencial para dar a primeira impressão que você precisa para manter os visitantes online. Essa característica afeta diretamente a visão e confiança que o consumidor terá da sua marca.

A dica é que você não deve poupar esforços na hora de planejar como será sua página. Procure não deixar o site colorido demais e mantenha tudo muito bem alinhado. Leia nosso post sobre google adwords como funciona

Experiência de navegação

A experiência de navegação pode ser uma grande vilã da sua taxa de rejeição, pois o processo para encontrar e comprar produtos dentro da página deve ser simples e prático.

Se na hora de comprar um produto, o internauta não conseguir avançar no processo facilmente, ele vai abandonar a compra. Em suma, quanto mais positiva for a experiência de navegação do usuário em sua página, melhor para você.

Conteúdo

Se você trabalha com produção de conteúdo, deve levar alguns pontos em consideração para reduzir a taxa de rejeição do seu site. Facilitar a leitura de todo o conteúdo é a primeira dica. Quando a leitura é maçante, as pessoas tendem a passar direto ou lerem apenas uma pequena parte do texto. Siga as dicas:

  • Faça parágrafos de no máximo 4 linhas;
  • Use subtítulos para facilitar o escaneamento de conteúdo;
  • Use os negritos com moderação e apenas nas partes mais importantes;
  • Use gráficos, listas e imagens para facilitar o entendimento do conteúdo;

Outro ponto importante é produzir conteúdos que geram valor aos seus visitantes, ou seja, você deve falar sobre assuntos que vão ajudá-los no dia a dia ou que resolvem algum problema. Conheça nosso serviço de Google AdWords

Links Externos

Trabalhar com links externos é uma prática muito comum, seja para melhorar o SEO do site ou para dar alguma referência de informação. Mas é preciso tomar cuidado para não exagerar na quantidade de links e tirar a atenção do internauta.

Lembre-se de que cada vez que você adiciona um novo link externo, oferece uma possibilidade do visitante sair da sua página.  A dica é que você coloque links internos à medida que adiciona os externos.

Desse modo você mantêm o visitante interagindo dentro do seu site e reduz a taxa de rejeição consideravelmente.

CTA

Os CTA’s precisam despertar o interesse do visitante imediatamente, caso contrário, ele não tem motivo para continuar navegando pelas páginas do seu site. No caso de uma página de produtos, o CTA deverá ser o botão para comprar.

Dessa forma, deixe ele bem visível durante toda a navegação, fazendo o botão flutuar na página junto com o visitante para ele tomar uma ação assim que estiver no momento de compra. Aprimore seus conhecimentos em Como anunciar no Google Adwords

Pop Ups

Os Pop Ups são odiados a muito tempo na internet, mas por incrível que pareça, eles realmente funcionam e por isso são bastante usados.

Aqueles Pop Ups que ninguém sabe como fechá-los podem aumentar a taxa de rejeição do seu site e deixar os visitantes incomodados, que dificilmente voltarão a acessar o seu site. Uma boa opção é possibilitar o fechamento quando o visitante clica fora da área de conteúdo.

Velocidade do site

Um dos fatores que mais afetam a taxa de rejeição de um site é a velocidade de carregamento. Para se ter uma ideia, os internautas costumam esperar apenas 4 segundos para carregar uma página.

Existem duas razões lógicas para sua página carregar lentamente: algum problema com o desenvolvimento do site ou a hospedagem não foi otimizada corretamente.

A vantagem de melhorar a performance do seu site é que não vai apenas reduzir sua rejeição. Trabalhando em alto desempenho você terá uma ótima experiência de navegação e vai aumentar a sua taxa de conversão também.

Site Responsivo

Como você já deve saber, cerca de 50% de todos os acessos da internet são feitos através de smartphones e tablets e esse número promete crescer ainda mais.

A forte tendência mobile faz com que a adaptação dos sites para os tamanhos de tela menores seja praticamente obrigatória. Tanto que a adaptação a esses dispositivos já é um cirtério de posicionamento no Google há um bom tempo.

Tenha em mente que ao acessar um site que não responde ao smartphone, os visitantes desistem da navegação facilmente. Nesse caso, uma grande parcela da sua alta taxa de rejeição pode ser por causa desse fator.

Ainda tem dúvidas? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esse e outros assuntos.  Entre e navegue à vontade!

Gostou de nosso post? Compartilhe: