O que é Blacklist? Como sair?

28/06/2018 às 19:16 Ajuda

O que é Blacklist? Como sair?

Praticamente todas as pessoas que trabalham na área de marketing já ouviram falar na temida blacklist. O problema é que não existe nenhuma mágica para evitar que seu contato seja inserido em uma blacklist, a não ser que esteja sempre em conformidade com as práticas corretas nesta área.

Mas o que é uma blacklist e como sair dela? Leia todo esse artigo e saiba mais sobre esse assunto através de algumas dicas bacanas. 

O que é blacklist? 

A blacklist, conhecidas como lista negra, foi criada para ajudar empresas e pessoas a lidarem com as mensagens tão indesejadas, conhecidas como spams. Tratam-se de listas que agrupam e-mails, endereços de IP ou domínios que foram previamente denunciados como disseminadores de mensagens consideradas SPAM.

Geralmente a denúncia é feita pelos próprios receptores destas mensagens por não terem autorizado o recebimento destes e-mails. Leia nosso post sobre Hospedagem de site gratuito

As blacklists geralmente são utilizadas pelos provedores de e-mails como uma espécie de fonte de pesquisa que auxilia a ferramenta no processo de impedir de receber mensagens indesejadas. Quando um domínio, IP ou e-mail consta em uma destas listas o provedor pode recusar-se a receber as mensagens deste endereço, por não se tratar de um endereço confiável.

Principais motivos pelos quais você pode ser incluído em uma blacklist

  • Enviar e-mails em grandes quantidades para destinatários que não optaram por receber suas correspondências. Por consequência, os receptores destas mensagens podem denunciar suas campanhas como spam.
  • Enviar e-mails com conteúdos maliciosos, preconceituosos ou pornográficos, por exemplo.
  • Enviar e-mails contendo vírus ou softwares maliciosos.

Por que as blacklists podem ser um problema?

Receber um e-mail marketing não desejado pode causar muitos problemas para clientes que não estão interessados em receber suas mensagens, seja estourando o limite de capacidade da caixa de entrada da pessoa, consumindo recursos de rede do servidor ou incomodando o usuário com mensagens não solicitadas por ele. 

Os administradores dos servidores de e-mail pode e irá bloquear os IPs e domínios das mensagens que não interessam aos seus usuários, garantindo para eles a melhor qualidade do serviço disponibilizado.

Diversos administradores criam uma lista e a compartilham. Dessa forma fica mais simples bloquear IPs e domínios que prejudicam os serviços disponibilizados por eles.

Uma vez que um domínio ou IP é bloqueado em uma blacklist colaborativa, o efeito é a reação em cadeia e o prejuízo pode ser enorme para a empresa que estiver como o nome nela. Aprimore seus conhecimentos em hospedagem ilimitada existe

Como não cair em uma blacklist?

Provavelmente, você já deve ter enviado alguma mensagem inoportuna para outras pessoas ou até mesmo sem querer, já encaminhou um spam recebido. Estas são apenas algumas das práticas negativas que inserem você em uma blacklist. Siga as dicas abaixo e evite prejuízos. 

  • Preencha o assunto de e-mail de forma descritiva sobre conteúdo. Quem receber terá a opção de não abri-lo, caso não se interesse.
  • Informe-se sobre os e-mails que receber e não encaminhe propagandas, correntes e e-mails sensacionalistas.
  • Reflita sobre o conteúdo do e-mail antes de envia-lo. Pergunte se ele realmente é útil ou de interesse das as pessoas que receberão. 
  • Não envie e-mails suspeitos, como anexos desconhecidos, golpes, notificações bancárias ou sobre prêmios que pedem dados pessoais em troca.
  • Respeite todas as regras, temas e formatos de grupos de discussão, listas e fóruns na web.
  • Jamais use mailings e malas diretas de terceiros ou compradas em sites suspeitos para envio de propaganda ou e-mail marketing. Isto é ilegal. 
  • Quando quiser fazer marketing na internet, siga a legislação vigente e busque as melhores práticas para este fim.

Como sair de uma blacklist?

Cada blacklist tem um método diferente para a exclusão de domínios/IPs. Entre em contato com a organização responsável pela lista e veja o processo necessário para sair. Provavelmente eles farão um acompanhamento do seu trabalho antes da retirada definitiva da blacklist, para ter certeza que você não pratica spam. Conheça nosso serviço de Hospedagem de Site

Evite estas práticas incorretas, mantenha sua lista de contatos atualizada e envie apenas aquilo que prometer, garantindo assim uma melhor qualidade nas suas campanhas de e-mail marketing. Sair de uma blacklit é um procedimento complicado, por isto mesmo é que as regras de etiqueta para envio de e-mails devem ser seguidas.

  1. Em algumas listas você simplesmente terá que digitar o seu endereço IP e seguir as instruções de remoção, o que resultará na exclusão automática. Por exemplo, o site Spamhaus Blacklist adota este processo. Outras listas fornecem instruções para entrar em contato com elas por e-mail ou telefone. Você terá que fornecer o seu endereço de e-mail e explicar por que deve ser excluído da lista. Caso esteja em um ISP, algumas listas negras podem solicitar que você remova primeiro os clientes acusados de spamming. 
  2. Algumas listas negras o removem automaticamente de suas listas após um determinado período de tempo. O site Relay Stop, por exemplo, deleta os IPs após 90 dias, se você não tiver requisitado a remoção antes. O Spamcop o removerá automaticamente após 48 horas, caso não haja reclamações posteriores. Após a leitura dos procedimentos da organização, faça a sua requisição.

•    Verifique se você foi removido da lista negra. Em caso negativo, entre em contato com a organização por e-mail ou telefone.

Dicas para não se tornar um spammer

Além de ser totalmente desaconselhável, anti ético e não recomendado, enviar spams para pessoas pode até ser ilegal e considerado crime. Conheça algumas dicas para enviar e-mails em massa sem ser spam:

  • Enviar e-mails apenas para quem optou pelo cadastro em sua lista de produtos ou serviços, feito por telefone, no primeiro contato comercial ou por formulário do seu site da internet.
  • Não usar listas de divulgação de terceiros, nem comprá-las de fornecedores de mala direta.
  • Não enviar mensagens irrelevantes de determinado serviço aos cadastrados em lista de divulgação de outro serviço, ainda que sejam da mesma empresa.
  • Respeitar as opções de preenchimento do cliente no formulários de cadastramento em listas de divulgação, por escrito ou on-line.
  • Respeitar as solicitar as opções de descadastramento de suas listas.
  • Não iniciar o primeiro contato com o cliente por e-mail, ou seja, o envio do primeiro e-mail, sem prévia autorização do cliente, caracteriza a prática de spam.


Ainda tem dúvidas? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esses e outros assuntos. 
 

Gostou de nosso post? Compartilhe: