Erros que podem fazer seu Site não estar no topo do Google

Erros que podem fazer seu Site não estar no topo do Google

30/09/2017 às 15:33Marketing

Nos dias de hoje, mais de 90% das buscas feitas em sites do gênero, são originadas no Google. O site é campeão de audiência, apesar de concorrer com o Bing e com o Yahoo! Pesquisas também indicam que os consumidores hoje utilizam os sites de busca para pesquisar sobre produtos antes da compra. Por isso, é bem interessante que sua empresa tenha um site estruturado e aplique as estratégias de SEO para conseguir trazer uma audiência orgânica para o seu negócio, aumentando a venda dos seus produtos e serviços.

Atualmente, é essencial usar o SEO para trazer mais clientes para seu negócio, mas para isso é preciso ter planejamento e acertar nas escolhas para a estratégia ser efetiva. O SEO são técnicas para otimizar o ranqueamento de páginas no Google e outros sites, alimentando seu site com tráfego orgânico. Revenda ou cloud? Qual é o melhor? Saiba mais em nosso post.

Confira alguns erros de SEO que podem invalidar sua estratégia de conteúdo:

Não usar a title tag

Ao montar um conteúdo, muita gente esquece a title tag. Esse atributo é muito importante na hora do Google ranquear os sites por palavra-chave, por isso ela não pode ficar em branco. A title tag nada mais é que o título do seu conteúdo, apenas a informação principal que se refere aquilo que você escreveu, é o que vai aparecer na barra de navegação e como ponto principal nos navegadores. Escolha uma frase que se relacione com seu conteúdo e não seja nem muito curta ou mais longa e contendo as palavra-chave para ranquear melhor seu conteúdo.

Escolher as palavras-chave erradas

Errar na hora de escolher a palavra-chave do seu texto é decretar o fracasso nos resultados de busca. Por isso, escolha o conteúdo do seu blog, que seja referente ao seu negócio. Para escolher as melhores palavras-chave para o seu negócio é preciso fazer testes. Existem algumas ferramentas que ajudam os leigos a descobrirem as melhores palavras-chave para cada situação, confira algumas:

SEMrush: Essa ferramenta é um dos meios mais utilizados para analisar palavras-chave. É utilizado por muitos profissionais de marketing digital. Com o SEMrush é possível entender como os usuários buscam por certos termos na internet. Google Keyword Tool: Essa ferramenta do Google é usada para planejar e descobrir as palavras-chave ideais para usar em cada texto. Através desse meio é possível ainda criar ideias para novos conteúdos. Google Trends: Essa ferramenta é ideal para quem quer ficar antenado sobre os termos mais pesquisados em sites de busca na internet. É possível comparar o volume de buscas de cada termo no Google.

Não se atentar a criação de títulos

Um texto com título ruim não chama a atenção dos usuários e nem chega a ser bem ranqueado pelo Google, na maioria dos casos. O título deve ser atrativo, ter no máximo 67 caracteres e conter as palavras-chave como gatilho para atrair audiência. Trabalhe para conseguir atingir em cheio o seu público-alvo, pense com a cabeça de seus clientes para conseguir melhorar o seu serviço e saber como atraí-los.

Não usar a meta descrição

A meta descrição é bastante importante numa estratégia de SEO. Essa tag é o texto que aparece logo abaixo do título do seu conteúdo em uma pesquisa no Google. Esse ponto não influencia nos algoritmos da Google, mas pode ajudar a atrair usuários para o seu site. Produza algo relevante, é pense na meta descrição como um subtítulo do seu texto, informando aos clientes novos dados sobre o assunto em questão.

Muitos links com erros

Para que uma página ranqueie bem no Google, é preciso ter links apontando para o seu conteúdo. Se você possuir um site com vários links errados, chamados de links quebrados, o robô do Google não vai fazer uma boa avaliação do seu conteúdo. Isso serve para links internos e externos, ambos contam como ponto positivo para ranquear seus conteúdos nos sites de busca. Para estar sempre por dentro de links que saiam do ar ou sejam apagados, utilize o Google Analytics ou o Search Console para monitorar os links, essas ferramentas alertam quando os links não estão corretos.

Salve corretamente seus arquivos de imagem

Um erro bastante comum na hora de salvar aquivos de imagem é salvar a foto com qualquer nome, sem dar importância. Para ranquear melhor no Google, é preciso salvar a imagem com nomes que se atentem ao seu conteúdo. Isso por que o robô do Google faz a leitura dos arquivos de imagem para ranquear os conteúdos. É muito importante evitar esse erro, para conseguir melhores resultados para o seu negócio.

Confira também Vantagens do Cloud Privado

Conteúdo duplicado ou plagiar conteúdos

Duplicar qualquer conteúdo é passível de penalização no ranqueamento do Google. Um site com páginas duplicadas não é bem aceito no Google. Os algoritmos de busca sempre vão ranquear melhor um conteúdo inédito. Outro erro é o plágio, que além de antiético, não é bem considerado pelo Google. Além de punições jurídicas por cópias, os motores dos sites de buscas não ranqueiam conteúdos que copiem textos inteiros ou grandes trechos de outros sites. Por isso, crie seu conteúdo, tenha um planejamento estruturado e faça um conteúdo focando em suas personas para alavancar o seu negócio.

Errar na URL permanente

Antes de publicar qualquer conteúdo, é possível criar um URL personalizado para o seu texto. Este quesito é fundamental para que o Google possa ranquear bem seus textos. Uma boa dica para ajudar no crescimento do seu negócio é ter um site responsivo e cuidar da velocidade do seu site, tentando pesar o menos possível em volume de dados, para que as páginas carreguem mais rápidos. Essas dicas são legais para quem costumar acessar os sites em dispositivos móveis como tablets e smartphones e também para quem usa uma conexão mais lenta. Os sites de buscas costumam sempre optar o melhor para os usuários, dando preferências a sites que proporcionem aos usuários a melhor experiência possível e para ter um site responsivo e veloz ajuda muito.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Para melhorar o SEO do seu site, baixe o ebook Tudo Sobre SEO para Wordpress. Conheça o plano de cloud gerenciado da ISBrasil.

Gostou de nosso post? Compartilhe: