Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK

Desenvolvedor: 5 dicas para tornar o seu projeto mais acessível

28/06/2019 às 11:33 Ajuda

Desenvolvedor: 5 dicas para tornar o seu projeto mais acessível

Ser um desenvolvedor significa que você tem algumas responsabilidades peculiares na execução de um projeto, seja para site, blog ou aplicativo.

Você é um membro da equipe que precisa pensar na experiência do usuário e literalmente se colocar no lugar de quem está usando o projeto em desenvolvimento para saber se realmente vale a pena ou não tomar certas decisões.

Pensando em todas essas questões, nós separamos hoje 5 dicas para tornar o seu projeto mais acessível. Quer saber quais são e como aplica-las? Confira no texto de hoje!

O que é um projeto acessível?

Antes de entrarmos no assunto do texto propriamente dito, é importante pontuarmos o que realmente significa um projeto acessível e por que é tão importante ter um.

Podemos dizer que a forma como você enxerga o seu trabalho é diferente da que o público o vê. Isso pode fazer com que, às vezes, você tenha ideias que pareçam muito simples e práticas, mas que só vão ser para você porque você carrega uma bagagem e tem uma visão de programador.

Um projeto acessível, então, é aquele que faz com que o maior número de pessoas tenha acesso a ele sem ter dificuldades.

Isso exige que você saiba se colocar no lugar do público e compreender a experiência de navegar por um determinado site ou aplicativo com os olhos de um leigo em programação.

É possível afirmar que esse é um dos grandes dilemas dos programadores e exatamente por isso as dicas de hoje são tão importantes.  

Você já conhece o nosso serivço de Hospedagem de Sites? Os plano básico de hospedagem é o produto ideal para quem está começando na internet, com preços a partir de R$ 9,90 (pagamento mínimo trimestral para esse plano).

5 dicas para tornar o seu projeto mais acessível

Agora que você já entendeu o que é um projeto acessível, podemos finalmente entrar na lista e mostrar como essas 5 dicas podem ser muito úteis para construir qualquer projeto. As dicas são:

  • Escolha as cores com cuidado
  • Tenha fonte ampliada
  • Descreva bem os seus links
  • Preste atenção nos formulários
  • Construa a navegação de uma maneira lógica

Vamos falar sobre uma por uma e mostrar por que são tão valiosas para tornar o seu projeto mais acessível.

Escolha as cores com cuidado

Existem várias ferramentas que você pode usar para avaliar o contraste de cores, o que com certeza ajudará você a tornar sua página o mais visualmente possível para pessoas com baixa visão ou níveis variados de daltonismo.

A forma mais comum é a deficiência de cor vermelho-verde. Portanto, usar apenas cores como essas pode impedir que muitas pessoas possam navegar em seu site, o que também afasta diversos clientes em potencial.

Existem outros tipos de deficiências que também podem se beneficiar de um esquema de cores bem pensado. Usuários com deficiências de aprendizado, por exemplo, podem lidar muito bem com a cor quando usadas para distinguir e organizar seu conteúdo.

Além das cores, você também pode usar outros indicadores visuais, como um asterisco ou ponto de interrogação para fazer com que o seu projeto fique mais acessível.

Certifique-se de também distinguir blocos de conteúdo uns dos outros usando separação visual como espaços em branco ou bordas.

Tenha fonte ampliada

Para as pessoas que possuem qualquer tipo de deficiência visual, a fonte ampliada é uma das melhores soluções.

Seja para um site, blog ou aplicativo, é importante que, como programador, você pense em estratégias para que as fontes de todos os textos e também dos links possam ser ampliadas.

Isso ajuda muito as pessoas a se guiarem pelas páginas e, é claro, faz com que mais pessoas possam navegar sem problemas pelo site.

Descreva bem seus links

Ao incluir links em seu conteúdo, use um texto que descreva corretamente onde para onde esse link guiará o usuário. Se você usar, por exemplo, "clique aqui", isso pode ser ineficaz para alguns leitores.

Da mesma forma que os usuários com visão examinam a página em busca de um texto vinculado, os usuários com deficiência visual podem usar seus leitores de tela para procurar links.

Quem usa leitores de tela geralmente não lê o link dentro do contexto do restante da página. E o uso de texto descritivo é importante exatamente porque explica adequadamente o contexto dos links para o usuário do leitor de tela.

Além de ser uma ótima dica para tornar o seu projeto mais acessível, isso também ajuda muito em sua pontuação de SEO. Portanto, não deixe de descrever seus links muito bem.

Você também pode gostar: Passo a passo para criar um blog

Preste atenção nos formulários

Formulários podem ser muito uteis para a maioria dos sites, mas devem ser projetados com cuidado. O mais importante é garantir que cada campo seja claramente rotulado para que qualquer pessoa possa preencher seus campos.

A questão passa mais uma vez pelos leitores de tela. Embora um usuário com visão possa facilmente combinar um rótulo com o campo ou opção correspondente, isso pode não ser óbvio para alguém que usa um leitor de tela.

Você também deve procurar fornecer instruções e informações de maneira clara que o usuário possa entender facilmente.

Isso faz com que o leque de pessoas que podem preencher esse formulário seja maior, o que é benéfico tanto para o seu negócio quanto para os usuários.

Construa a navegação de maneira lógica

A nossa última dica para tornar o seu projeto mais acessível tem a ver com a construção no geral, seja de um site ou de um aplicativo.

Na hora de desenvolver cada um dos pontos citados hoje no texto, é importante que você se faça uma pergunta: Se eu tivesse algum tipo de limitação, eu conseguiria visualizar essa página mesmo assim?

É dessa forma que você constrói uma navegação de maneira lógica e consciente dos objetivos de acessibilidade.

Leia também: Hospedagem de site gratuita

Como você pode perceber, se desenvolvedor não é uma tarefa nada fácil.

Mas com essas 5 dicas para tornar o seu projeto mais acessível fica mais fácil de pensar em soluções que agradem seu cliente e os usuários do site ou aplicativo que está em desenvolvimento.

O mais importante é saber fazer esse balanço, conseguir expressas suas ideias e, principalmente, saber executá-las muito bem. Quando você consegue esses feitos, as pessoas percebem que estão lidando com um ótimo profissional e o mercado tende a te valorizar mais.

Gostou de nosso post? Compartilhe: