Como prevenir que o seu site saia do ar em épocas de alto tráfego

24/01/2019 às 09:01 Hospedagem de Sites

Como prevenir que o seu site saia do ar em épocas de alto tráfego

Não é raro vermos sites que recebem um alto tráfego durante certos períodos saírem do ar e deixarem os visitantes bem desanimados ou revoltados por conta das quedas e da instabilidade.

O último caso grande conhecido no Brasil aconteceu recentemente. O site da Conmebol sofreu com isso nos últimos dias após abrirem as vendas de ingressos para os jogos da Copa América que acontecerá neste ano no Brasil. 

Os sites que vendem ingressos são casos clássicos dessa instabilidade com alto tráfego. Até o site do Rock in Rio, um dos maiores festivais de música do planeta, passa por isso em toda a abertura de vendas de ingressos para os dias de shows do festival.

Além desse ramo de festas e vendas de ingressos, muitas lojas virtuais, blogs e portais de notícias podem sofrer com essa estabilidade. E isso traz uma perda de dinheiro e de relevância na internet, o que é muito ruim, principalmente quando a prioridade atual é otimizar a experiência do usuário.

Os períodos de compras mais populares do mercado como Natal, Ano Novo, Dia das Mães e até a Black Friday podem gerar picos e tirar do ar a sua loja virtual.

Quem tem um portal de notícias ou um blog sabe que um conteúdo exclusivo e completo sobre temas muito populares no momento na sociedade pode levar um site a sair do ar.

Por isso nesse texto, vamos falar sobre como se prevenir a essas possíveis quedas devidas a alta de demanda de tráfego em um site.

A ideia é que você consiga identificar esses períodos e utilizar ferramentas para garantir que independente do tráfego que seu site receba, ele vai continuar no ar, sem nenhum problema e seu site não perderá vendas e nem audiência.

Como identificar os períodos de alta demanda de tráfego?

Essa identificação é relativamente fácil de ser feita. Os períodos de alta demanda de tráfego podem variar de acordo com o segmento de mercado da sua empresa. Uma loja virtual que lançará uma campanha na Black Friday, por exemplo, deve se preparar para isso.

Estes períodos sazonais como o Natal, o Dia das Mães, o Dia dos Namorados, o Dia dos Pais, são importantíssimos para o mercado comercial brasileiro.

Então, assim como as lojas físicas se reforçam contratando muitos funcionários temporários nestes períodos, nas lojas virtuais é preciso escalar recursos em seu servidor de hospedagem para reforçar o suporte para o alto tráfego que está por vir.

Já quem trabalha com um blog pessoal ou um portal de notícias podem ter altas demandas de tráfego em certos períodos específicos.

Por exemplo, sites ou profissionais que cubram a área de política, devem ter altas de tráfego em períodos de eleição e de algum processo ou situação específica, como por exemplo, o impeachment de um presidente ou um projeto de lei polêmico.

E além de mapear esses períodos de alta demanda de tráfego, é preciso também acumular dados que comprovem isto. E isso requer o uso de ferramentas como o Google Analytics para o monitoramento regular do tráfego do seu site.

Dessa forma, você encontrará os períodos de pico de tráfego e assim poderá começar a estudar uma preparação para potencializar o seu servidor de hospedagem para estes períodos.

Confira também: Vantagens do Cloud Server.  

Como reforçar o meu site para prevenir que ele fique fora do ar?

O primeiro ponto é realizar testes de desempenho do seu site. Isso é muito importante para ter uma noção mais precisa do quão robusto é o servidor de hospedagem e como ele reage em certas situações.

Fazer esse teste lhe dá a possibilidade fazer um diagnóstico que podem indicar em quais pontos é preciso serem feitas melhorias para prevenir a instabilidade.

E isso difere apenas de conseguir manter o seu site no ar, se a instabilidade conseguir deixar o seu site muito lento mesmo que ele não caia, sua audiência pode desistir de comprar nele ou de ver o seu novo conteúdo.

Outro ponto que esse diagnóstico trará é das necessidades de melhorias em questões de segurança. Então, o site deve ter um certificado SSL e outras certificações para reforçar a proteção aos dados da sua empresa e dos seus clientes.

Depois disso, será possível otimizar o seu site nos pontos certos e assim prover mais estabilidade, melhorando questões de segurança, fazendo uma otimização de SEO e aumentando as chances do seu site responder bem em períodos de alto tráfego.

Com essas correções feitas após um diagnóstico, o seu site já deve melhorar bastante, mas a partir daí é preciso pensar no que você não pode fazer. É preciso pensar se o seu servidor de hospedagem lhe atende bem.

Escolher um bom servidor de hospedagem requer bastante estudo e comparação. Muitas vezes, mesmo com todas essas correções feitas por você ou por um desenvolvedor web, o site pode sair do ar no próximo período de alta demanda de tráfego.

Existem diversos pontos que apenas uma empresa de hospedagem responsável e que possua um bom suporte técnico conseguirão dar um resultado efetivado quando o servidor é colocado à prova nestes períodos.

Leia também O que fazer quando seu site fica fora do ar? E confira mais algumas das nossas dicas.

Conclusão

Então, busque pesquisar uma empresa que garanta um alto percentual de uptime, tenha uma boa reputação no mercado, converse com clientes para saber se eles já passaram por problemas, quais são os destaques positivos e os negativos da empresa de hospedagem antes de contratar ou trocar de serviço.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o serviço de Cloud Gerenciado.

Gostou de nosso post? Compartilhe: