Como fazer um estudo de mercado completo

24/03/2019 às 10:57 Ajuda

Como fazer um estudo de mercado completo

Quando você cria um negócio, não importa qual o tipo, fazer um estudo de mercado completo é essencial por diversas razões.

É com esse estudo que você consegue entender o comportamento de seu público-alvo e, consequentemente, também compreende com mais clareza porque a concorrência prefere adotar determinadas estratégias.

Ao mesmo tempo, o estudo também poderá te dar direções sobre possíveis tendências para você ter ideias para novos produtos ou serviços. Então se você quer aprender como fazer um estudo de mercado completo, o texto de hoje é para você.

Defina o objetivo do seu estudo de mercado

Existem várias razões pelas quais você pode realizar um estudo de mercado. Qualquer um que possua qualquer tipo de negócio faz estudos de mercado porque eles ajudam a reduzir problemas e a criar oportunidades.

Com ele, você analisa os problemas do passado para diminuir os riscos futuros. Você também analisa os sucessos do passado para estabelecer estratégias lucrativas.

Antes de iniciar o seu estudo de mercado completo, decida se a análise é para fins internos ou externos, ou seja, se ele está sendo feito com o objetivo de melhorar alguma coisa na estrutura de seu negócio ou se é para vender melhor, por exemplo.

Dependendo do objetivo definido, você pode usar os resultados para melhorar diversas áreas do seu negócio como o marketing ou a comunicação direta com clientes.

Um estudo de mercado é uma parte importante do seu plano de negócios. Se você quer solicitar um empréstimo, por exemplo, é necessário mostrar ao banco um plano do tipo.

Os credores querem ver que você conhece o seu setor e se você explorou o potencial de crescimento do seu negócio.

Esse, inclusive, pode ser um de seus objetivos, o que pode até mudar um pouco o foco do seu estudo. Por exemplo, credores querem saber como você vai lidar com os regulamentos do segmento.

Portanto, é algo que deve entrar sem dúvidas se esse for seu objetivo, mas se você tiver fins internos, não é algo necessário.

Você já conhece o nosso serviço de E-mail Marketing? Ele possui preços a partir de R$45,00 mensal com 10.000 disparos (cada plano tem sua quantidade de disparos correspondentes). Teste por 30 dias grátis e descubra todas as vantagens!

Determinar seu público-alvo

Não dá para todo mundo ser seu cliente e tudo bem, isso não significa algo ruim. Quando você se concentra em um público-alvo, você ganha clientes mais fiéis e que com mais possibilidade de retornar ao seu negócio.

Para fazer um estudo me mercado completo, você precisa ter uma ideia clara do seu público-alvo.

Depois de identifica-los, pesquise as necessidades, os interesses e os dados demográficos desse grupo. Uma boa dica é se concentrar no tamanho, nas tendências e no crescimento do seu mercado potencial.

Para tornar todos esses dados mais fáceis de entender, divida seu público-alvo em grupos. Por exemplo, se você tiver um negócio de ar condicionado, separe os dados de clientes domésticos de clientes corporativos.

Identifique como seus clientes podem se engajar

Uma vez que você já tem uma ideia clara de quem é seu público-alvo, o que você precisa é encontrar uma amostra deles para entender suas reais características e hábitos de compra.

Isso porque é assim que você vai descobrir como os engajar, fazer seu negócio crescer e tornar seus clientes mais fieis.

Para realizar essa parte do estudo de mercado, você pode fazer uma simples pesquisa de satisfação com clientes que acabaram de adquirir algum produto ou serviço do seu negócio e então, com essa pequena parcela, você começa a cruzar dados que mostram o que todas essas pessoas têm em comum.

Você também pode se interessar: Como aumentar as conversões com e-mail marketing?

Liste seus principais concorrentes.

Entender quem são seus concorrentes é parte fundamental de u estudo de mercado completo. Lembre-se de que a concorrência nem sempre é tão simples quanto a empresa X contra empresa Y.

Essa lista vai muito além disso.

Às vezes, uma mesma empresa que possui divisões pode competir com diferentes produtos ou serviços, embora a marca dessa empresa possa colocar mais esforço em uma ou outra área.

Um bom exemplo disso é a Apple, que é conhecida por seus aparelhos como smartphones e computadores, mas a Apple Music concorre com o Spotify por seu serviço de streaming de música.

Saber quem são seus principais concorrentes é primordial e, como vimos, eles podem estar em qualquer lugar.

Saber como eles agem com o mercado e quem é seu público também faz parte da estratégia para que você possa realizar o seu estudo de mercado sem grandes problemas.

Analise todas as suas informações

O último passo para você fazer um estudo de mercado completo é organizar toda sua pesquisa e apresentar a análise que você fez para o seu negócio.

Nessa análise, você pode incluir informações como a visão geral do seu segmento, incluindo tamanho, taxa de crescimento e principais grupos de clientes; as principais características do seu público-alvo, incluindo as necessidades, a demografia, as tendências de compra, o tamanho e o crescimento em potencial, além dos pontos fortes e fracos de seus concorrentes.

Tudo isso vai te ajudar a fazer seu negócio crescer. Mas fique atento, você tem sempre que se atualizar, uma vez que o mercado é algo que está em constante mudança também.

Leia também: Dicas para ter um e-mail marketing de sucesso

E aí, conseguiu entender como fazer um estudo de mercado completo e por que isso é tão importante? Essa é uma etapa essencial para investir em qualquer tipo de negócio e não pode ser ignorada se você realmente deseja ter sucesso sem eu empreendimento.

É claro que existem diversos outros fatores para que você tenha ou não sucesso em seu negócio, mas o estudo de mercado é um dos mais básicos pilares para que você consiga avançar para novas etapas.

Por isso, não perca tempo e comece já o seu estudo de mercado para seu negócio decolar!

Gostou de nosso post? Compartilhe: