6 Elementos que não podem faltar no e-commerce B2B

31/05/2018 às 10:21 Marketing

6 Elementos que não podem faltar no e-commerce B2B

Na hora desenvolver um e-commerce B2B, o planejamento e a escolha de tecnologias específicas para atender às necessidades corporativas são cruciais para o sucesso de todo o projeto.

Esse artigo vai te mostrar os 6 elementos que são cruciais e que jamais podem faltar em um e-commerce B2B. Leia até o final e se inteire mais sobre esse importante assunto. 

Cotação, negociação em compras em massa

Os catálogos de e-commerces tem preços e informações dos produtos, mas, para o mercado B2B, é preciso levar em consideração a flexibilidade na cobrança, já que é comum fazer a negociação de preços direto com a equipe de vendas do site.

Para suprir essa necessidade, um e-commerce B2B deve permitir que os vendedores possam realizar cotações e fechar orçamentos com preços diferentes dos valores que constam no catálogo.

Clientes B2B costumam gastar muito dinheiro em suas compras. Por isso, fazem orçamentos detalhados para obter aprovação de verba ou financiamentos antes de concluir a transação. 

Isso significa que eles vão querer negociar muito mais do que um consumidor tradicional. Um e-commerce B2B deve ter, portanto, ferramentas nas quais a equipe de vendas possa aplicar preços especiais nos produtos de acordo com as negociações feitas com cada cliente.

Leia nosso post sobre hospedagem ilimitada existe

Clientes B2B normalmente querem centenas de itens, e já sabem o SKU dos produtos dos quais eles precisam, sem a necessidade de navegar por dezenas de categorias e páginas de produto. 

Bons sites B2B não só possuem um menu intuitivo, mas também permitem que compradores possam fazer upload de listas grandes de itens, que possam ser enviados direto para o carrinho de compras, quando desejado.

Isso ajuda e muito o cliente a economizar tempo na busca e na aquisição de produtos, o que aumenta as chances de o e-commerce concretizar a venda.

Presença nas redes sociais para humanizar sua marca

É importante manter um espaço em redes sociais como o Facebook e o LinkedIn para aumentar as chances de alavancar os negócios.

Além disso, você pode usá-las para mapear os perfis dos seus fãs mais assíduos e tentar entender melhor quais são os anseios deles em relação aos seus produtos e serviços, o que lhe ajudará a afinar o seu discurso de vendas B2B.

Apesar do comércio B2B online ser uma ação entre empresas intermediada por computadores e softwares, o rosto e a presença humana ainda é fundamental.

Um exemplo disso foi um recente estudo americano que mostrou que 77% dos compradores preferem comprar de uma empresa na qual o CEO interage nas redes sociais.

Vale lembrar que existem outras formas de humanizar sua marca na internet e o mais importante é que você faça isso. Aprimore seus conhecimentos em Hospedagem de site gratuito

Crie conteúdo de qualidade com Link Buildings

A produção de conteúdo para blog e-commerce é uma ótima pedida para atrair leads para o seu site B2B.

Existem diversos assuntos sobre os quais você poderá falar, tais como as histórias de sucesso da sua empresa, as últimas ações da companhia, os lançamentos de produtos e serviços, os últimos fechamentos de vendas e seus impactos na sociedade, a sustentabilidade da empresa, entre outros.

Outra forma de atrair leads para o site e-commerce B2B da sua empresa é desenvolvendo textos para os blogs de empresas parceiras. Esses textos deverão ter links para o seu site ou para outras páginas do seu blog.

Esses links são as portas de entrada que os novos leads usarão para chegar aos seus produtos e serviços.

Links patrocinados para e-commerce também no mobile

Um profissional experiente de marketing digital poderá elencar as principais as palavras-chaves referentes ao seu negócio e que serão mencionadas na internet com regularidade.

Essas palavras poderão ser utilizadas em campanhas de links patrocinados para e-commerce capazes de captar com total precisão os compradores de outras empresas que estão precisando de produtos e serviços como os que você vende. Conheça nosso serviço de Hospedagem de Site

Os smartphones estão cada vez mais presentes na vida de todas as pessoas. Por isso, você não pode ignorá-las.

Procure usar uma plataforma e-commerce que facilite o uso do seu site e-commerce B2B em diferentes tamanhos de telas e que permita a integração de B2B, B2C, lojas online, lojas físicas, entre outros meios. 

Gerenciamento de pedidos 

Os clientes de gestão de B2B muitas vezes fazem compras em massa. E eles tem prazos e exigências sobre como e quando eles receberão seus produtos.

É essencial que o e-commerce tenha um sistema de gerenciamento de vendas com inventário e informações em tempo real sobre nível de estoque e que seja integrado às informações que os representantes de vendas recebem, para não haver desencontro de dados.

Usar regras automatizadas de negócios para otimizar os custos de atendimento e os prazos de entrega é fundamental para fornecer uma experiência melhor para o cliente, que tende a ficar satisfeito e se fidelizar à sua marca.

Análise de métricas

Todos os itens acima são afetados pela maneira como a empresa B2B estuda o seu próprio negócio.

Isso depende um bom plano de marketing, que deve levar em consideração a diferença na jornada do consumidor tradicional e de um consumidor de business to business (B2B) para saber quais os pontos das métricas são mais relevantes para cada segmento e pensar em ações mais assertivas. 

Oferecer um conteúdo que faça a diferença para a rotina desses consumidores e criar uma interação de confiança são ações essenciais também no mercado B2B.

Pode até não ser fácil, mas com muito esforço e dedicação consegue se alcançar os objetivos finais com louvor. 

Ainda tem dúvidas? Sem problemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esses e outros assuntos. Não medimos para atender bem nossos clientes e eles são prioridade para nossa empresa. Entre e navegue à vontade! 
 

Gostou de nosso post? Compartilhe: