WordPress: melhor opção de CMS?

WordPress: melhor opção de CMS?

21/08/2017 às 11:42WordPress

Uma das principais dúvidas de quem está começando um blog ou site de uma empresa, é qual a plataforma de CMS escolher. A maioria afirma que o WordPress é a melhor plataforma CMS (sistema de gerenciamento de conteúdo) para lançar um negócio na internet, mas será mesmo? Nesse texto, vamos falar um pouco sobre esse tipo de plataforma e citar alguns outros serviços que concorrem com o WordPress no mercado.

Uma boa plataforma CMS permite que você gerencie todo o conteúdo de um site como páginas, vídeos, imagens, blogs, permitindo que você altere, formate, publique e apague qualquer tipo de conteúdo no seu site. Um bom aliado é registrar um domínio próprio, além de ser muito simples, e é uma ótima solução para qualquer empresa. Isso gera mais credibilidade profissional, ideal para ter mais lucros, aumentando sua base de clientes.

Confira as principais plataformas CMS do mercado:

WordPress

Esse é o CMS mais popular que existe. Uma pesquisa do site Setup afirma que 40% de todos os sites que usam um gerenciador de conteúdo optaram por usar o WordPress para o projeto. Criado em 2003 por Matt Mullenwegg, o sistema que antes era conhecido por hospedar muitos blogs, hoje também é muito usado em sites pela sua facilidade de edição.

Dentre os sistemas CMS do mercado, o WordPress é o que possui mais temas e com mais plugins disponíveis. A comunidade que usa o serviço é bastante ativa, o que torna mais fácil a resolução de eventuais problemas na plataforma, de maneira fácil. A facilidade de instalação de uso é grande, como também de edição e atualização também.

Algumas dificuldades podem aparece se o WordPress for utilizado em sites que existem muitos recursos e a necessidade de alterações no back-end, já há certas restrições nesse sentido. No geral, o WordPress é o CMS ideal para páginas mais simples, como sites de empresa, blogs e páginas que não exigem muito conhecimento técnico. O serviço é o mais recomendado para projeto rápidos e para projetos iniciantes.

Confira também Passo a Passo para criar um blog

Joomla

Essa plataforma foi criada em 2005, com a separação entre as equipes de desenvolvedores do Mambo e da empresa Miro. O Joomla é considerado a opção alternativa entre o WordPress e o Drupal, por ter facilidades na hora da edição e alguns recursos mais avançados, sendo o CMS ideal para quem acha o WordPress limitado e o Drupal, muito complexo.

Assim como os outros CMS, o Joomla tem diversos temas e plugins disponíveis e também conta com uma comunidade que auxilia na hora de responder dúvidas e questionamentos. O serviço é indicado, principalmente, para quem quer construir sites de comércio virtual, por conta dos recursos que essa opção oferece. Também é indicado para construção e gerenciamento de sites institucionais, portais de notícias e intranets.

Drupal

Essa plataforma é um programa open-source e é mais poderosa, já que permite diversas alterações e personalizações de back-end. Das opções mais conhecidas de CMS no mercado, este é o que exige mais conhecimento técnico para edição e atualizações.

É possível conseguir criar e editar um site com o Drupal com certa facilidade, mas se comparado ao WordPress, por exemplo, a edição necessita de mais conhecimento sobre linguagens de programação como o HTML e o PHP. Assim como as outras, o Drupal também tem uma comunidade ativa para solucionar eventuais problemas ou dúvidas.

É uma das plataformas mais antigas do mercado, sendo criada em 2001 por Dries Buytaert. O Drupal é um serviço mais robusto e permite mais modificações, além de ser mais versátil, suportando diversos tipos de projetos, desde sites básico a sistemas bem complexos.

Movable type

Essa é a única opção paga do mercado, você precisa adquirir uma licença que varia entre 50 e 100 dólares mensais para utilizar o serviço. O maior destaque dessa plataforma é a possibilidade de gerenciar diversos sites dentro de um único sistema.

Fizemos uma comparação entre as três maiores plataformas CMS do mercado (WordPress, Drupal e Joomla) para te ajudar a escolher a melhor opção para você:

  • Todos as três plataformas são gratuitas;

  • O WordPress tem mais de 2.000 temas disponíveis, o Drupal tem 1.800 e o Joomla, um pouco mais de 900 temas.

  • O WordPress também ganha, quando o assunto é plugins, com mais de 27 mil, o Drupal tem cerca de 24 mil e o Joomla apenas 7 mil plugins.

  • O WordPress tem um tempo de instalação manual menor, durando em média cinco minutos, enquanto Joomla e Drupal levam 10 minutos, ou seja, o dobro do tempo.

  • Em questão de atualização, o Joomla é o que mais atualiza seu sistema, geralmente a cada 36 dias, o WordPress atualiza com uma frequência de 42 dias e o Drupal de 51 dias.

  • O WordPress não exige nenhum tipo de conhecimento técnico. O Joomla exige conhecimentos técnicos bem simples e o Drupal, já exige conhecimentos mais avançados em linguagens de programação.

Um dos pontos que devem ser observados na escolha de um CMS é a sua otimização para mecanismos de busca, Todas as opções citadas acima possuem plugins apropriados para otimização de sites e todos os sistemas têm boas opções de extensão para SEO que visam melhorar a qualidade de elementos de um conteúdo como títulos e URLs para ranquear melhor nos sites de busca.

Depois de listar os destaques de várias ferramentas, consideramos o WordPress como a mais indicada para quem quer iniciar um projeto na internet e está a procura de uma plataforma CMS que facilite sua vida. A facilidade de instalação e de uso e a grande comunidade do serviço, colocam o WordPress no topo quando o assunto é CMS.

Outro ponto que se destaca, principalmente para quem não tem muita criatividade com design e nem tantas ideias de plugins, encontrar mais opções no serviço, o que facilita para montar um site com visual único, sem muitas dificuldades.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça os planos da ISBrasil para loja virtual, hospedagem com wordpress, gerenciamento, streaming, AdWords, etc.

Gostou de nosso post? Compartilhe: