Sistema de gerenciamento de conteúdo: essencial para o seu site

13/02/2019 às 08:36 SEO

Sistema de gerenciamento de conteúdo: essencial para o seu site

Em inglês, Sistema de Gerenciamento de Conteúdo, escreve-se “Content Management System”, com a sigla CMS.

Trata-se de um software que possibilita que usuários que não sejam necessariamente técnicos armazenem, organizem e publiquem conteúdo online.

Em linhas gerais, um CMS possibilita que você crie, organize, disponha, publique e exclua conteúdos em seu site em favor da presença online de sua marca, alavancando seus produtos e serviços, ocasionando mais conversões e se estabelecendo mediante a competitividade do mercado.

Seu propósito é tornar mais simplificada a gestão dos sites, de modo que é capaz de apartar as funcionalidades visuais do conteúdo em um site sem a necessidade de ajuda de um desenvolvedor.

Isso quer dizer que para aquelas marcas que trabalham com muitos usuários acrescentando constantemente conteúdo a sua plataforma, o CMS é bem-vinda.

O termo refere-se ainda a vários tipos de software que podem ser agrupados pelas características afins, cada um deles existe para atender às necessidades específicas de cada marca, todavia, como expandiram essas funcionalidades, há pouco diferença entre eles, compondo todos um grande CMS.

CMS é de fácil manipulação, permite que a plataforma lance publicações rapidamente e disponibiliza mecanismos que acompanham e gerenciam o conteúdo do site.

Entre as funcionalidades de um CMS, destacam-se:

a) Serviços triviais de biblioteca, como check-in/checkout e controle de versões;

b) autenticação de usuário, suporte para múltiplos papéis e atribuição de permissão a ele;

c) Criação, fluxo para revisão e aprovação de conteúdo inserido;

d) Gerenciamento multisite e multilíngue;

e) Suporte de conteúdo em vários dispositivos e canais.

CMS é essencial para o seu site, pois, a demanda atual dos sites é por algo moderno, atrativo, intuitivo, personalizado e dinâmico e que realmente dê conta da rapidez e imediatismo das relações virtuais.

As atividades vão além das ferramentas básicas, as plataformas e os canais precisam ser eficazes e estarem interligados, o nível do conteúdo entregue deve chegar a um nível acima sempre.

Ainda que seja acessível aos não técnicos, um CMS, em certo sentido, requer um desenvolvimento especializado e customizado, isso porque ele pode ter desde uma instalação prática e com uma só etapa a uma solução mais complexa e personalizada, de modo que os desenvolvedores criem um fluxo de trabalho e uma interface atendente às especificidades de determinado site da marca.

Conheça o nosso serviço completo de Hospedagem para WordPress, um dos melhores CMS's! 

Tudo depende das necessidades de determinada empresa, uma vez que as funcionalidades do CMS são variadas e adaptáveis.

Para escolher o CMS você deve pensar em:

a) Quantos usuários e tipos de usuários sua marca gerencia?

b) Quantos e quais são os conteúdos de sua marca?

c) Qual é o perfil de seus visitantes?

d) De que integrações sua marca precisa?

A quantidade de CMSs disponíveis é grande, inclusive de aquisição gratuita online.  

Quando respondidas àquelas questões, o importante é entender qual são as necessidades de sua marca, que tipo de conteúdo e de acessos ela quer em seu perfil.

Geralmente, o CMS certo se refere ao equilíbrio entre a personalização da empresa e a obtenção de entregas para seu usuário final, seu potencial cliente.

Entre as vantagens proporcionadas pelo CMS ao seu site, destacam-se:

1 – Facilidade para abertura e atualização:

o desenvolvimento, a manutenção e a atualização de uma página online são essenciais para o seu negócio. Com o CMS, o acesso é direto e rápido pelo navegador.

2 – Novas possibilidades sendo criadas

Atenção às atualizações e novas tendências do mercado é primordial para um site de sucesso, para tanto, as páginas criadas pelo CMS devem estar aptas e maleáveis à inserção dessas novidades: adição de imagens, vídeos, links, canais e resenhas devem fazer parte desse dia a dia, assim como sua boa gestão.

3 – Recursos disponíveis para seu site:

Em favor da melhor experiência do usuário do site, recursos adicionais são ferramentas que se adaptam a novos perfis e visitas.

Os planos básico de Hospedagem para WordPress são ideais para quem está começando na internet, os planos custam a partir de R$ 29,90 por mês. Confira já!

4 – SEO e CMS:

A otimização para a busca orgânica não deve ser dissociada do CMS. Nesse viés, é possível: utilizar link building, otimizar as imagens, usar palavras-chave estratégicas e estruturar os conteúdos de maneira aprazível.

5 – Criação de projetos de diferentes portes:

Os recursos são trabalhados conforme a necessidade da marca com o CMS.

6 – Velocidade de carregamento das páginas:

A boa experiência do usuário está diretamente relacionada à rapidez com que o site da marca responde. Se um site demora muito a abrir, o visitante já faz outras buscas e dificilmente retorna a ele.

7 – Baixo custo:

Atualização e manutenção com o CMS são consideravelmente mais acessíveis se comparados ao uso de programadores específicos.

Dica importante: entre os melhores CMSs do mercado, estão: WordPress, Joomla, Drupal, TextPattern e Radiant.

Gostou de nosso post? Compartilhe: