Quais as características de um bom conteúdo na internet?

01/03/2019 às 09:28 SEO

Quais as características de um bom conteúdo na internet?

Um conteúdo de qualidade na internet é parte essencial para o sucesso de qualquer campanha de marketing de uma marca.

Atrelado à imagem e a outras mídias, ao design e à usabilidade de uma página, um conteúdo que entregue aquilo que o público quer é fundamental para que uma marca seja disseminada positivamente, para que os clientes sejam fidelizados, haja conversão de leads e aumento das vendas dos produtos e serviços oferecidos.

Entre alguns aspectos que diferenciam um bom conteúdo na internet, destacam-se:

1 – Conhecimento do público-alvo:

Conhecer a audiência da marca é importante para que o conteúdo elaborado realmente alcance de maneira positiva o público-alvo, ou seja, dê a ele o que ele deseja ou necessita.

Saber que assuntos lhe interessa, o que mais pesquisam, que linguagem usam, e usar essas informações na hora de promover um conteúdo, tornam-no qualificado.

Sabendo mais sobre o público, é possível que a estratégia de comunicação correta seja direcionada no conteúdo, fidelizando os leitores certos.

2 – Propriedade de fala:

Dominar o conteúdo abordado é indispensável. Escrever sobre algo não conhecido ou sobre o que se sabe superficialmente retiram o prestígio e a credibilidade da marca.

Antes de se tornar um especialista sobre algo, muito estudo deve ser feito para que uma matéria não caia no rol do boato, especulação ou informações insuficientes.

3 – Informações pontuais:

O imediatismo das relações presenciais foi transferido para a internet, de modo que ninguém tem mais tempo a perder lendo textos desnecessários, muitos extensos, repetitivos ou prolixos que nada acrescentam para o dia a dia do público.

Para que isso aconteça, conteúdos pontuais e que realmente atendam a seus leitores devem ser priorizados, apresentando soluções e trazendo informações novas.

4 – Textos objetivos e curtos:

Com prazos cada vez mais encurtados e com o afã de respostas rápidas e pontuais, os leitores procuram textos que lhes entreguem o que ele deseja sem rodeios.

Uma marca deve ser conhecida por sua simplicidade e capacidade de falar com o seu público.

Frases introdutórias seguidas do assunto de fato é o mais indicado na estrutura de um texto, uso de tópicos e subtítulos também funcionam melhor na cabeça dos leitores.

O Serviço de Revenda de Hospedagem tem plano inicial de R$29,90 mensal. Confira agora!

5 – Leitura facilitada:

Considerar as especificidades do formato mobile é crucial nesses tempos em que todos acessam a internet pelo smartphone.

Além disso, letras destacadas, títulos ou palavras em caixa alta guiam a atenção do leitor online para aquele conteúdo, direcionando-o e facilitando a sua leitura.

Esses mecanismos são possíveis quando a plataforma em que o conteúdo está já é pensada para o fim de sua navegabilidade, por uma boa experiência por parte do usuário.

Cabe ressaltar que o conteúdo da internet é atravessado pela importância do SEO e do Inbound Marketing, o que não deve, contudo, suplantar a necessidade de que ele seja qualificado, já que isso impacta não somente como estratégia de atração de tráfego e captura de leads, mas na geração de engajamento nesse mesmo conteúdo.

Criação de conteúdo qualificado

Criar um conteúdo qualificado que gere leads é fazer com que a marca lucre com isso, de modo que, para o marketing, isso implica:

1 – Definição de uma persona:

A persona é aquela personagem que é criada durante a etapa de planejamento e se refere ao público que deseja ser atingido, depois disso, suas necessidades e interesses devem ser analisados para que o conteúdo elaborado seja realmente atraente a esse público.

Quanto maior a intimidade com o público, mais sucesso têm as campanhas e mais conversão também.

2 – Colocar-se no lugar da persona:

Entender em que etapa está o visitante do site e lhe entregar exatamente o conteúdo que ele deseja naquele momento é fundamental.

É como se o leitor tivesse um atendimento personalizado e se sentisse parte da marca, pois, a linguagem usada é compatível e o conteúdo de seu interesse, deixando-lhe mais receptivo e aberto à fidelização.

Além disso, é possível que o texto criado esteja no mesmo patamar do seu visitante, aproximando-o e se tornando de fácil associação.

3 – SEO é importante, mas não é tudo:

Embora seja importante o posicionamento da marca nas páginas de pesquisa da internet, esse mecanismo não deve ser mais importante do que um conteúdo de qualidade.

O foco são os leitores e o que eles desejam ou precisam.

4 – Aprofundamento do assunto abordado:

Como o conteúdo elaborado deve ir direto ao assunto, é importante que alternativas para que o leitor aprofunde o seu interesse sejam disponibilizadas: links para sites de referência ou para outras matérias do mesmo site são sempre boas opções.

Essa é uma maneira de tornar a experiência do público mais aprazível e completa.

5 – Inovação:

A oferta de um conteúdo exclusivo e atualizado o caracteriza como qualificado.

Quando trazida à tona alguma discussão atual sobre os assuntos mais em voga do momento ou quando se diz mais do que a maioria diz sobre determinado tema, o público aprecia o cuidado que o site tem com esse tipo de conduta, agradando-o.

Gostou de nosso post? Compartilhe: