Principais tendências do marketing digital que morrerão em 2018

03/04/2018 às 11:12 Ajuda

Principais tendências do marketing digital que morrerão em 2018

Atualmente, o marketing digital não é tão inconstante quanto era no passado, mas ainda existem alguns momentos que ele se torna mutável.

Em 2018, já existem algumas tendências claras, o que significa que determinadas estratégias de trabalho adotadas por algumas agências e profissionais da área podem desaparecer, se não forem mudadas.

Esse artigo vai trazer as 6 tendências do marketing digital que morrerão em 2018. Se você ficou curioso para saber quais são, leia esse artigo até o final e saiba mais sobre o assunto.

E-books enormes

Essa é a primeira tendência de marketing que possivelmente vai se tornar obsoleta. É claro que o e-book é uma importante ferramenta de marketing que nunca irá realmente desaparecer, mas pode-se notar que ele não será mais o centro das atenções em 2018.

No mundo digital, as coisas fluem de uma maneira tão rápida que as marcas podem querer dar prioridade para outras formas pelas quais elas possam criar conhecimentos e autoridade.

Espera-se que as empresas sejam especialistas no seu ramo de atuação e a produção de um e-book para o conhecido funil de vendas na internet, talvez não seja mais o primeiro serviço a ser feito para conseguir mais clientes.

Quando se trata de livros eletrônicos, eles devem ser curtos e rápidos, pois se forem muito extensos, o cliente em potencial pode perder o interesse.

Lembre-se de que os internautas não tem mais paciência para ler um e-book de 20 páginas. Ninguém quer perder tempo na internet, principalmente quando se está comprando algo.

Facebook Orgânico

Essa outra tendência de marketing foi até relevante por algum tempo, mas 2018 pode ser o fim dela. Atualmente, o Facebook é uma plataforma comercial e tudo que é pago vai ter maior tráfego orgânico para essa empresa.

Desde 2014, o alcance orgânico das empresas está diminuindo entre 5 a 10% nessa rede social, o que é péssimo para muitas marcas que a usam para conquistar mais clientes. Na verdade, o Facebook virou um negócio altamente lucrativo para poucos. Leia nosso post sobre Hospedagem para WordPress

Otimização somente do texto

Você precisa se dar conta de que não pode contar somente aquelas grandes postagens no blog para sobreviver no mercado e vender mais.

Como parte de uma estratégia de marketing mais ampla, eles realmente são relevantes e se você fizer isso por tempo suficiente, eles se tornam essenciais. Mas vale lembrar que eles não podem mais ser vistos como válidos e como o único meio de transmitir informações.

E isso tem fortes implicações para o SEO.  Otimizar somente o texto em um site é definitivamente uma maneira segura de aniquilar todos os seus rankings nos motores de busca.

A otimização tem que se concentrar sempre no conteúdo mais novo e mais atraente para o público, principalmente se a marca ainda não se consolidou no mercado. Conheça nossos serviços de Hospedagem com WordPress

Os vídeos e as imagens agora precisam ser otimizados no mesmo nível dos textos. Os usuários estão mais sedentos por informações relevantes e esse segmento de vídeos e imagens estão cada vez menos dependente de textos.  

Se sua empresa somente otimizar os textos e não der a devida atenção aos vídeos e imagens, sua marca pode morrer em pouco tempo.

Uma solução viável para isso é criar conteúdos em vídeos e áudios para que, quando o usuários pesquisarem, eles obterem o conteúdo de uma forma mais rápida.

Suas imagens ou vídeos precisam chegar o mais rápido possível até os usuários. Essa é uma tendência que não pode ser deixada de lado e deve ser usada em conjunto com os textos.

Marketing automatizado

Essa é outra tendência do marketing digital que deve morrer em 2018. Embora o marketing automatizado ainda seja uma excelente forma de se vender mais, confiar somente nela apenas pode fazer sua marca ser fria e desumana. Lembre-se de que é bastante fácil detectar o aspecto da automatização em diversos tipos de anúncios e em contatos.

Enquanto a tecnologia avança em 2018, as marcas que detém esse calor humano em suas campanhas, certamente vencerão.

Esse ano será muito importante para as empresas que fizerem os clientes se sentirem especiais e não tratados como se fossem mais dinheiro entrando no caixa.  Reduzir o aspecto da automatização e dar ênfase ao cliente como ser humano pode ser uma dos melhores caminhos a se seguir.


Blog posts sem conteúdo

Nas priscas eras quando a internet ainda era discada no Brasil, no final dos anos 90, as postagens dos poucos blogs que já existiam na época eram curtas e vagas. Hoje, esse cenário mudou por completo e as pessoas estão cada vez mais sedentas por informações sérias e conteúdo de qualidade.

Com o domínio pleno da internet por todo o mundo, você deve voltar todas as suas atenções única e exclusivamente para seus clientes e seus anseios. Aprimore seus conhecimentos em Dicas de SEO para WordPress

Tentar adivinhar o que o internauta procura na rede é quase uma obrigação das empresas de marketing. Quanto mais você acertar em suas estratégias de marketing, melhor para sua empresa.

Quando você escrever uma postagem no seu blog, certifique-se de que é completamente relevante para o público que você está tentando alcançar.

Outra dica é reduzir a frequência de publicação e focar mais no conteúdo delas.  Se você manter a frequência de postagens sempre a mesma, as pessoas vão pensar que você escreve sobre assuntos relevantes e não algo que é feito somente para se obter tráfego orgânico

Anúncios de vídeo com mais de seis segundos

A perspectiva dos vídeos também mudou e em 2018 o marketing verá os resultados dessa mudança. Pode parecer um pouco assustador, mas os vídeos que são mais curtos chamam mais a atenção dos usuários, que não tem muita paciência e tempo para assistir vídeos longos.

O Youtube planeja permitir anúncios na plataforma que se encaixam nesta restrição de tempo tão apertado. O Facebook também está considerando que os anúncios de até seis segundos terão maior tráfego orgânico.


Ainda tem dúvidas? Semproblemas. Em nosso blog você pode ler mais sobre esse e outros assuntos.

Gostou de nosso post? Compartilhe: