Não perca a nossa BLACK FRIDAY, descontos REAIS e VITALÍCIOS de 50% OFF SAIBA MAIS!

Por que ter segurança em sua Loja Virtual?

Por que ter segurança em sua Loja Virtual?

05/01/2017 às 10:51Loja Virtual

Por que ter segurança em sua Loja Virtual?

Não precisamos dizer que uma loja virtual segura é essencial para qualquer desenvolvedor que planeja ganhar dinheiro online com uma plataforma que proporcione boas experiências aos clientes. Na internet não podemos abrir margem para qualquer ameaça ou problema que venha a acontecer apenas por não se atentar a detalhes básicos que fazem toda a diferença, logo, este post visa esclarecer por que ter segurança em sua loja virtual. Acompanhe e não deixe de seguir as recomendações!

Veja também nosso post: Como ganhar dinheiro com uma Loja Virtual?

Qual a importância de ter uma Loja virtual segura e protegida?

O e-commerce cresceu nos últimos anos e a perspectiva é que esse processo continue ascendente. Transações online tornaram-se parte da vida de muitas pessoas, graças à crescente aceitação do comércio eletrônico como uma alternativa conveniente para a experiência de compra tradicional. Tanto por isso, é preciso ter em mente que a indústria de comércio eletrônico chama atenção como um dos alvos mais lucrativos para os cibercriminosos, que usam táticas para roubar dados de pessoas em lojas virtuais pouco seguras e que oferecem brechas para esses ataques maliciosos.

Não é incomum ver alguma notícia de casos de roubo de dados pela internet. Você mesmo deve conhecer alguém que já passou por isso e, além de ter que resolver com tanta burocracia, ainda ficou insatisfeito com a loja em que aconteceu o problema, logo, adeus credibilidade.

De fato, problemas acontecem, sobretudo na web onde tudo muda constantemente. Por isso mesmo que não dá para apostar na sorte e esperar que eles apareçam para tomar alguma atitude. Agir de modo preliminar e rápido é essencial para deixar seu e-commerce protegido e, para isso, não precisa contar com recursos avançadíssimos. Há muitas ferramentas básicas que ajudam e dão conta do recado.

Felizmente, hoje em dia você pode contar com algumas práticas que podem ser implementadas para manter a integridade da sua loja online e a confidencialidade dos dados de seus clientes. Confira algumas dicas de segurança para evitar fraudes de comércio eletrônico e manter sua loja online segura.

Dicas para deixar sua loja virtual mais segura

Escolha uma plataforma confiável

O primeiro passo para construir um e-commerce é usar uma plataforma segura. Especialistas indicam que é sempre importante verificar se o servidor mantém os requisitos de conformidade PCI, que são executadas para validar se o servidor está em conformidade ou não. Além disso, analise se você está executando a versão mais recente do software, e sempre que houver atualizações, não deixe de renovar o sistema.

Mas, como escolher um bom serviço de hospedagem para deixar a loja virtual protegida? Bom, há muitas empresas que oferecem planos e até fazem gerenciamento, mas grande parte está apenas interessada em vender e não oferece o suporte necessário. Logo, é primordial fazer uma boa pesquisa e investir naquela que tenha vantagens reais, como a ISBrasil. Quer saber mais? Entre em contato com a gente!

Invista em um certificado SSL

Já ouviu falar no SSL? É o padrão básico e fundamental para lojas virtuais e sites que precisam de segurança para passar credibilidade na web. O certificado SSL autentica a identidade dos usuários e criptografa os dados durante a transação. Essa implementação é essencial no e-commerce para proteger tanto a plataforma quanto os clientes.

Quem se atenta à barra de endereço dos sites já deve ter visto o ícone de cadeado com ‘’HTTPS’’. Esse é o pré-requisito essencial para garantir que você está em um site confiável e que pode fornecer seus dados pessoais e informações de cartão de crédito. Isso aumenta a credibilidade da página e mostra que o desenvolvedor está sempre preocupado com seus clientes. Para saber mais sobre esse recurso, leia o post ‘’O que é Certificado SSL?’’.

Utilize uma rede privada virtual

Quando você está lidando com transações financeiras, é importante ser extremamente cuidadoso ao usar redes públicas. Os dados transferidos através de redes públicas são vulneráveis e podem ser interceptados por usuários mal-intencionados. Um serviço VPN pode ser útil nessa situação, conectando a um servidor externo seguro por meio de uma conexão criptografada, o que impede que terceiros sejam inseridos entre você e o servidor.

Nesse caso, existem muitas opções baratas e acessíveis, algumas até gratuitas, como o OpenVPN. Vale a pena pesquisar e usar para proporcionar um ambiente mais seguro para todos.

‘’Eduque’’ seus clientes com práticas informativas

Os usuários precisam entender as leis e políticas que protegem seus dados. É essencial que os clientes saibam que estão em um ambiente seguro e podem fazer a compra tranquilamente. Além disso, é sempre bom destacar as práticas recomendadas da sua loja para a segurança dos dados, bem como educá-los para que não divulguem informações confidenciais por outras redes, como e-mail, chat, mensagens de texto, entre outras. Muitas pessoas acabam caindo em golpes assim. Uma loja virtual de sucesso se preocupa tanto com a própria segurança quanto com seus consumidores.

Peça também que o cliente crie uma senha forte e complexa para que não possa ser descoberta pelos hackers. "Embora seja responsabilidade do varejista manter as informações do cliente seguras, você pode ajudar os clientes exigindo um número mínimo de caracteres, com o uso de símbolos ou números na hora de criar uma senha para acessar o sistema da loja virtual’’, revela Sarah Grayson, gerente de Marketing do MCAfee.

Use os plugins corretos

Caso utilize plataformas gratúitas analise e veja se os plugins e ferramentas que você está usando são realmente seguros. Há muitos aplicativos disponíveis que prometem boas soluções, mas são extremamente prejudiciais, como malware disfarçados. Além disso, muitos não recebem atualizações e ficam vulneráveis às ameaças da rede. Logo, pesquise a integridade do plugin. Para fazer um teste simples, vá à tela de gerenciamento dos plugins e verifique quando foi feita a última atualização. Se tem mais de um ano, não é confiável. Busque substitutos e melhores alternativas. Pode ser trabalhoso, mas é melhor prevenir do que remediar.

Esses são passos fundamentais e que você não deve deixar de lado para ter mais segurança em sua loja virtual. Nunca deixe de otimizar os recursos e pensar sempre em métodos de proteção. Não dá para deixar de lado! Se tiver alguma dúvida, deixe um comentário no post ou entre em contato com a ISBrasil.

Até mais!

Gostou de nosso post? Compartilhe: