O que é Robots.txt e como ele pode otimizar o seu SEO?

28/05/2019 às 21:39 SEO

O que é Robots.txt e como ele pode otimizar o seu SEO?

Esse pequeno arquivo de texto pode ser um grande aliado para otimizar a sua estratégia de SEO.

Se você ainda não conhece o Robots.txt, fique com a gente e veja como usar esse arquivo para ajudar os buscadores a melhorarem o ranqueamento do seu site.

O que é Robots.txt e por que eu devo usá-lo?

O Robots.txt é um arquivo de texto que fica hospedado na raiz do seu site e dá instruções aos robôs dos mecanismos de busca. A sua função é indicar aos bots quais são os arquivos que não devem ser rastreados e nem indexados e onde estão o Sitemap.

Já sabemos que o robô do Google vasculha a internet através de novas páginas para indexar no resultado de buscas. Como são muitas páginas na web, o robô começa pela lista de páginas já indexadas e depois vai vasculhando e identificando novas páginas.

Esse vasculhamento não acontece a cada busca, mas algumas vezes ao dia. O intuito do Google é manter as páginas de resultados de busca atualizadas e com conteúdos relevantes para os usuários.

De formas semelhantes, os robôs de outros buscadores como Bing e Yahoo também fazem o mesmo processo diariamente.

Onde o Robots.txt entra nesse processo?

Esse arquivo de texto serve para evitar que alguns diretórios e páginas sejam rastreados. Como assim?

O arquivo consegue dar a diretriz para a ação dos robôs no seu site, evitando que sejam feitas muitas solicitações desnecessárias para sua página, o que prejudica o seu desempenho.

Muitos empreendedores acabam lançados seus sites sem editar este arquivo e acabam não tendo resultados imediatos.

Sem estar editado, o arquivo passa uma ideia errada para os robôs dos buscadores, os aconselhando a não rastrearem nenhuma página em seu site.

Com a edição correta do arquivo Robots.txt é possível indicar aos robôs quais são as pastas que não precisam ser rastreadas. Aí, você deve estar pensando: por que falaria para os buscadores não rastrearem alguns diretórios do meu site?

Bom, um site não precisa ter um Robots.txt para ser indexado, mas este arquivo pode ser muito útil para outras coisas.

Confira abaixo os principais motivos para contar com um arquivo Robots.txt no seu site?

Limitar o rastreamento de diretórios e arquivos internos

Esse é um ótimo motivo para colocar um Robots.txt na raiz do seu site. Esse arquivo pode ser configurado para evitar que áreas internas do seu site que possam contar arquivos com dados da sua empresa e de seus clientes sejam rastreadas pelos buscadores.

Páginas e diretórios que contenham estes arquivos mais sensíveis devem ficar fora do rastreamento. Isso ajuda a aumentar a segurança sobre as informações e a agilizar o vasculhamento do buscador no seu site, levando-o mais rápido as páginas que realmente precisam ser indexadas.

Confira também: Vantagens do Cloud Server.

Pode orientar os robôs a encontrarem os sitemaps do seu site

Os sitemaps são arquivos importantes, são verdadeiros mapas do seu site. Neles, há toda uma organização de suas páginas, o que facilita bastante a vida dos robôs dos buscadores na hora do vasculhamento em seu site.

E o arquivo Robots.txt pode ser configurado para ajudarem os robôs a identificarem mais rapidamente os sitemaps do seu site, facilitando o vasculhamento e aumentando as chances deles fazerem a indexação das páginas corretas dentro do seu site.

Otimiza o vasculhamento dos robôs

Existem mais de 1 bilhão de sites na internet e isso significa que: os robôs não têm todo tempo do mundo para vasculhar arquivo por arquivo do seu site, eles funcionam praticamente no automático.

Portanto, contar com o arquivo Robots.txt bem configurado na raiz do seu site é excelente maneira de ajudar os robôs a indexarem as páginas corretas.

Sem a ajuda deste arquivo, os robôs dos buscadores podem passar a maior parte do tempo na sua página rastreando e indexando arquivos e páginas desnecessárias.

Como criar o arquivo Robots.txt e instalar no meu site?

Como dá para perceber pela terminação .txt, o Robots é arquivo de texto normal e pode ser criado pelo bloco de notas do seu computador.

É importante frisar que o arquivo precisa ter o nome de Robots.txt, se você o salvar de outra forma, ele não terá efeito.

Existem algumas regras para permissão e proibição da indexação de diretórios que um bom desenvolvedor web sabe fazer em poucos minutos, de acordo com o que você deseja rastrear e esconder dos buscadores.

Contrate um profissional da área ou peça para ele lhe explicar, é bem fácil.

Antes de upar no seu site, vá até o Google Search Console, esse serviço do Google possui uma ferramenta de teste de Robots.txt, faça o teste para ver se está tudo certo.

Essa ferramenta consegue identificar erros de configuração no arquivo e apontar quais diretórios estão bloqueados ao acesso.

Conclusão

Depois de tudo estar certinho, basta enviar o arquivo ao Google para atualizar as informações no buscador e upar o arquivo na raiz do seu site. Para ver o arquivo Robots.txt do seu site ou de qualquer um outro, basta colocar na barra de endereço: https>//www.seusite.com/robots.txt

Por ser fácil de ser visualizado, é recomendado que você não confie apenas no Robots.txt para proteger seus arquivos. Tenha outras ferramentas de segurança dentro do seu site.

Se os arquivos se tornam “invisíveis” até certo ponto para os buscadores, eles se tornem mais visíveis para os hackers e o arquivo Robots.txt pode ser facilmente alterado, então preste bastante atenção nisso.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Cloud Gerenciado.

Gostou de nosso post? Compartilhe: