Instagram lança recurso para combater cyberbullying

11/11/2018 às 17:34 Loja Virtual

Instagram lança recurso para combater cyberbullying

O Instagram, a segunda maior rede social da atualidade anunciou no mês passado uma nova ferramenta com foco para combater o cyberbullying e promover atos gentis na plataforma.

Bom, está claro para todos nós que apesar de ter democratizado a informação, a internet também tem o seu lado negro.

Mesmo com inúmeros benefícios, existem muitas pessoas que utilizam a web para promover o preconceito disparando ofensas com outros usuários.

E é nas redes sociais onde essas ações acontecem mais frequentemente.

O cyberbullying é uma espécie de violência que foi criada no mundo digital e se tornou objeto de debate entre vários especialistas da área de psicologia e correlacionadas.

E como o Instagram é uma rede social focada na divulgação de fotos, o que faz dela a principal rede social entre os jovens, as ações de cyberbullying se disseminaram rapidamente pela plataforma.

Por isso, o Instagram resolveu lançar a ferramenta para brecar esse tipo de atividades, visando não tolerar atitudes que perpetuem o cyberbullying entre os usuários da rede.

E com isso, a plataforma se torna pioneira nas redes sociais em se preocupar, de fato, e fazer uma investida para brecar o cyberbullying e promover a gratidão entre os usuários na rede social.

Bom, antes de falarmos mais sobre a ferramenta, vamos fazer um resumo sobre as ações de cyberbullying que acontecem na internet.

O que é cyberbullying?

O cyberbullying é uma espécie de bullying digital e pode acontecer por diversos motivos.

Infelizmente, ainda existem muitas pessoas na web que usam rede sociais, aplicativos de mensagens e sites para perpetuar preconceitos.

Para deixar claro, o cyberbullying se caracteriza por ações que visem o uso da web para assediar, envergonhar, ridicularizar ou ameaçar outros usuários através, geralmente, de contas anônimas.

Vamos a alguns exemplos práticos de cyberbullying:

  • Criar uma conta falsa (FAKE) para se passar por outra pessoa, chantagear uma pessoa para não divulgar dados ou fotos pessoais, inventar boatos sobre a vida de alguém, ridicularizar pessoas por características específicas (como por exemplo: cor da pele, corpo, doença, opção sexual, etc).

Outra forma de cyberbullying é o assédio, prática muito comum no Instagram.  

Muitas meninas geralmente modelos acabam recebendo comentários obscenos ou mensagens obscenas por meio de mensagem direta (DM) na rede social.

Essas práticas são bastante comuns e tem como principais alvos as mulheres, os homossexuais, os negros, etc.

Por conta disso, muitos jovens acabam passando por situações difíceis, o que os levam a depressão e outras doenças que afetam a saúde mental e física.

Como o novo recurso contra cyberbullying do Instagram irá funcionar?

Em comunicado oficial, a empresa adiantou que a nova ferramenta trará mais facilidade para os usuários poderem denunciar qualquer suspeita de cyberbullying dentro da rede social.

Atualmente, essas denúncias estão restritas para coibir conteúdo impróprio ou spam.

Através das denúncias, a rede social promete identificar e remover qualquer conteúdo referente a cyberbullying, praticando uma medida de tolerância zero contra postagens, comentários e mensagens que gerem danos morais, ridicularização pessoal, assédio ou intimidação a outros usuários.

Adam Mosseri, executivo do Instagram afirmou que apesar da nova ferramenta, ainda há muito ser feito nas redes sociais.

Mosseri explicou que o cyberbullying é um tema bastante complexo e é preciso muito trabalho para evitar esses tipos de abusos.

Em contrapartida a esta ferramenta de denúncias, o Instagram também anunciou o lançamento de outros recursos que visam criar filtros para estimular gratidão e a geração de relacionamentos positivos entre os usuários na rede social.

Confira também: O que preciso saber antes de abrir um e-commerce?

Como identificar ações de cyberbullying no Instagram?

Como mostramos acima, a denúncia dos casos de cyberbullying dependerá dos usuários e por isso é preciso saber como identificar esse tipo de ação para coibi-las e buscar promover uma boa relação entre os usuários, protegendo os atingidos pelo cyberbullying.

E não só é preciso estar atento a usuários comuns como também a perfis empresariais.

Busque entender os posicionamentos de cada um dentro da rede e sempre promova sentimentos positivos, reprimindo usuários que postem fotos ou façam comentários que possam denegrir, de alguma maneira, a imagem de outra pessoa.

O grande Mark Zuckerberg, dono do Instagram e do Facebook, já reiterou que as plataformas estarão cada vez mais atentas e dispostas a banir usuários que pratiquem cyberbullying, dando um fim para postagens, comentários e mensagens que não sejam bem vistos pelos aplicativos.

A identificação de cyberbullying acontecerão com a ajuda de robôs, o uso de machine learning servirá para achar automaticamente as ações.

Por outro lado, o Instagram também precisará que usuários denunciem para acabar com essa prática na rede social.

Das duas maneiras, as ações serão avaliadas por profissionais da plataforma e serão apagadas da rede social caso o cyberbullying seja realmente detectado.

Quais outras ferramentas de denúncia já existem no Instagram?

A rede social já afirmou, em comunicado, a nova ferramenta será implementada aos poucos e dentro de pouco tempo estará disponível para todos os usuários da plataforma.

Hoje em dia, a rede já possui um recurso chamado de filtro de comentários de bullying.

Através desse recurso, os usuários do Instagram podem solicitar a plataforma que ocultem alguma postagem, comentário ou mensagem em publicações de outras pessoas.

A ideia visa coibir as ações de cyberbullying trazendo os usuários da rede para também se preocuparem com todos os outros gerando empatia.

É essencial que em seu perfil pessoal ou no perfil da sua empresa, você tome cuidado para não ligar a algum tipo de ações desse gênero.

É preciso reforçar um forte posicionamento contra o cyberbullying para dar fim a essa prática.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Loja Virtual.

Gostou de nosso post? Compartilhe: