E-mail marketing na hora certa: defina o melhor dia e horário de envio

E-mail marketing na hora certa: defina o melhor dia e horário de envio

23/03/2017 às 16:44Email Marketing

E-mail marketing na hora certa: defina o melhor dia e horário de envio

Sabia que é necessário definir um horário para lançar suas melhores campanhas noe-mail marketing? Pois é, muita gente não se atenta a essa estratégia, mas ela pode ajudar bastante seu negócio online. Como se sabe, quando se trata de desenvolvimento, aumento da taxa de conversão e vendas, é necessário analisar cada ponto para que tudo saia como planejado e renda bons frutos. É por isso que vamos te dar algumas dicas de como usar o e-mail marketing na hora certa, definindo o melhor horário de envio.

Veja também nosso post: Dicas rápidas para fazer um e-mail marketing de sucesso

Não é de hoje que muitos especialistas em marketing digital vêm estudando e pesquisando a respeito da aceitação e dos picos de horários e dias ideais para lançar campanhas. Imagine: você gasta tempo, dinheiro e os melhores recursos para fazer um projeto impecável. O mínimo possível é mostra-lo para o maior número de pessoas possível. Ninguém merece perder algo assim e não conseguir nem ao menos um grau interessante de visualizações.

Logo, tanto para aumentar a taxa de conversão do e-mail marketing quanto para gerar mais vendas e acessos, é essencial se atentar a alguns fatores que influenciam na entrega de seus e-mails mais interessantes. Em suma, conhecer o público e seus hábitos são pontos principais e essenciais que todo desenvolvedor precisa ter em mente.

O que mais influencia no horário de entrega no e-mail marketing?

Preparamos algumas dicas explanando os pontos que você precisa se atentar a respeito do melhor horário para entregar suas mensagens e fazer valer seu e-mail marketing. É importante analisar:

Público Alvo

Nada mais natural a uma empresa, seja física ou online, conhecer seus clientes e seus gostos comuns. Entenda que sua lista segue parâmetros sobretudo quanto ao tipo de pessoas que estão mais interessadas em seus produtos ou serviços. Se você vende roupas femininas, por exemplo, é óbvio que seu público alvo em massa será formado por mulheres. Se for moda plus size, dá para fazer uma classificação ainda mais otimizada. Sendo assim, já dá para ter boas ideias:

- Donas de casa costumam estar mais tranquilas na parte da noite, quando não têm mais tarefas e podem parar para acessar seu e-mail ou redes sociais.

- Já quem trabalha fora, na correria do dia a dia, verifica e pode acessar a internet no horário de almoço.

- Um estudante com uma rotina cheia de compromissos, acorda mais cedo e acaba checando suas notificações logo pela manhã, quando está no transporte público a caminho da escola/faculdade.

- Profissionais que trabalham o dia todo, como médicos, por exemplo, só têm tempo de olhar seus e-mails de madrugada.

Vale esclarecer que são apenas proposições e situações gerais que, obviamente, mudam de acordo com seus serviços. Cada empresa é única e terá clientes com os mais diversos hábitos, por isso é importante ter o total domínio de sua lista para saber como agir da melhor forma.

Conteúdo

Eis uma parte que fará toda a diferença em sua campanha e deve se alterar conforme o horário. Você não dará ‘’Boa noite’’ se está lançando a mensagem logo pela manhã, não é? É preciso ser coerente sempre e intuitivo. Pense sempre no critério de acordo com o tempo.

Exemplo: se uma pessoa está checando os e-mails no horário de almoço, soa arriscado mandar ofertas de tempo limitado para ela. Geralmente, o tempo é curto ou ela estará na rua, com acesso via internet móvel, o que não facilita as coisas. Já pela noite, é comum que estejam em casa, acessando via banda larga, o que aumenta a chance da conversão nas vendas.

Tipo do produto e serviço

Ainda na linha da abordagem anterior, conta muito também o tipo de serviço e produto que você está oferecendo. Isso também tem a ver com o dia da semana. Geralmente, nos primeiros dias do mês, quando as pessoas receberam seu salário, estão mais dispostas a gastar e manter a cadência no cartão de crédito, ainda mais se há uma oferta imperdível à disposição.

Já o fim de semana também contribui para as vendas, ao contrário do que muita gente pensa. Estando em casa e no momento de descanso, muita gente pode aproveitar para ficar mais tempo online e, ao se deparar com uma boa promoção, adquirir o produto.

Qual o melhor horário para meu e-mail marketing?

Como já dissemos, há linhas bem variáveis quando se trata desse quesito, oscilando bastante conforme o público alvo. No mais, em geral, aproveite os horários entre:

- 6h às 10h: período bom em que muita gente acorda e começa a checar e-mails e mensagens, seja no trabalho, em casa ou no transporte/caminho para seus compromissos diários.

- 15h às 17h: o ritmo de trabalho costuma cair, logo, muita gente aproveita para ficar ligada nas tendências e notícias da internet, assim como as ofertas que chegam via e-mail.

- 19h às 22h: muita gente já está em casa, descansando e mais tranquila. Logo, mais dispostas ao entretenimento e a compra de muitos acessórios de variados nichos.

Já esses horários é bom evitar

- 10h às 12h: é um período em que, geralmente, todo mundo está focado no trabalho e em outras atividades, logo, não quer ser importunado por mensagens e afins.

- 22h às 6h: muita gente está dormindo após um dia cansativo. Mesmo que várias pessoas amem ficar acordadas pela madrugada, não vale a pena apostar nessa faixa.

Bônus do fim de semana

- Sábado costuma ser um bom dia, já que as pessoas aproveitam para relaxar e organizar as coisas. Nesse segundo caso, para evitar que sua mensagem vá para o Spam, capriche no conteúdo para atrair os clientes!

- Já domingo não é um dia bom. Poucos querem saber de ficar no computador ou no smartphone, ainda mais checando e-mail. Por isso, é melhor optar pelos dias da semana mesmo.

E aí, gostou do nosso guia? Com bom senso e ótimas ideias, é possível fazer um e-mail marketing excelente e conseguir bons resultados com essa ferramenta. Faça o teste e conte o resultado pra gente.

Até mais!

Gostou de nosso post? Compartilhe: