Dicas para redatores: Como criar um conteúdo memorável?

09/02/2019 às 09:12 Ajuda

Dicas para redatores: Como criar um conteúdo memorável?

Ser um redator freelancer não é nada fácil. E por que? Por que existem muitos no mercado. Então ser um redator freelancer apenas não adianta, é preciso encontrar meios de ser destacar no mercado.

E criar um conteúdo memorável é uma das formas de angariar os melhores clientes do mercado e ter uma carreira freelancer estável.

E para escrever um conteúdo memorável é preciso se atentar a alguns fatores importantíssimos.

Por isso, nesse texto vamos dar dicas que podem lhe ajudar a moldar um novo formato de trabalho e escrever conteúdos mais assertivos com otimização para SEO e quem recebam um alto volume de tráfego ao longo do tempo.

É preciso quebrar barreiras na escrita e estimular a criatividade para ir além de um conteúdo comum. Para isso, é necessário que você tenha em mente que qualquer um pode escrever qualquer coisa.

E o que isso quer dizer? Quem todos podem escrever textos, sejam eles bons ou ruins, e que qualquer um pode criar um conteúdo memorável, basta treino e conhecimento.

O que é preciso para escrever um bom texto?

Para podermos dar dicas, é preciso primeiro formular juntos uma ideia do que é preciso para escrever bem. Como sabemos que o texto é bom? Daí, vem outra pergunta: Como você avalia que o seu texto está bom?

Um texto bom pode ser memorável quando ele é objetivo, abordar temas e subtemas com clareza. Também é preciso ter uma noção de ortografia e gramática, aliás isso é um princípio básico.

Além disso, é preciso saber aplicar boas práticas de SEO para tornar o seu conteúdo conhecido na web e poder torna-lo memorável.

Uma métrica de avaliação assertiva é avaliar se dentro do seu segmento de atuação, o texto é claro e compartilhável.

Pense no seguinte: o público para quem eu escrevo consegue entender claramente o meu texto? As chances do meu texto ser compartilhado ou indicado para outras pessoas é alta?

Como o usuário está cada vez mais exigente, é quase que uma certeza, que um conteúdo memorável é altamente compartilhável e observa todos os pontos citados acima, desde a clareza na exposição dos fatos até a aplicação correta de ortografia e gramática.

Dito isso, é hora de partir para o que interessa: as dicas. Veja abaixo como é possível escrever um conteúdo memorável:

Tenha uma boa noção de gramática e ortografia

Se você é redator e escreve em português, é imprescindível que você tenha boas noções de ortografia e gramática, principalmente quando em tempos recentes houve uma mudança nestes quesitos com a chegada de um novo acordo ortográfico.

Por ser meio óbvio, muitos redatores acabam deixando de lado esse detalhe. Se você não dominar a língua para qual escreve é impossível que alguém entenda com clareza o seu texto e isso o deixa extremamente longo de ser um conteúdo memorável.

Aqui estamos falamos da escrita para o português, mas isso também vale para outros idiomas. No mercado brasileiro, não é tão raro as ofertas de trabalhos e freelas para redação de artigos em inglês e espanhol.

E como já é de se esperar, sempre é cobrado a fluência do redator no idioma.

Isso redobra a importância de fazer uma revisão do seu texto após terminar de escrever. A revisão pode evitar que erros passem despercebidos e acabem gerando ruídos no seu conteúdo que o façam perder potencial.

Além de corrigir ortografia e gramática, você também pode na revisão esclarecer pontos e variar seu vocabulário de palavras.

Confira também: O mito da hospedagem ilimitada – por que é impossível?

Conheça o seu público e saiba qual é o objetivo dos textos que você escreve

Um bom redator pode ser especialista em alguns ou em um único nicho ou ser um generalista, ou seja, ter domínio sobre diversos temas.

A dica aqui é sendo especialista ou generalista, o que é importa é: saber para quem você escreve e por que você escreve.

O leitor atual é muito exigente e por isso não deixa passar nada. Quando você cria um texto para um público X e não o conhece, as chances de você escrever em uma linguagem que ele não entenda ou mesmo que aborde informações erradas ou pouco esclarecidas.

Isso fará com que o leitor feche o seu conteúdo sem compartilhá-lo e passe a rejeitar o site do seu cliente.

Por isso, é essencial que dependendo do seu nicho de trabalho, você consiga entender o público para qual você escreve, adotando uma linguagem e um formato de conteúdo que o agrade.

Da mesma maneira, é preciso saber qual é o objetivo dos textos que você escreve. O bom redator sabe que um bom texto é aquele que ajuda o cliente a resolver um problema, que apresenta possibilidades para que ele sane suas dúvidas e parta para a resolução.

Um erro comum de muitos redatores, e que vem muitas vezes de uma exigência dos próprios clientes, é focar demais na empresa que o contrata, esquecendo do cliente.

Sempre tenha em mente que o texto é feito para o cliente e deve focar em resolver um de seus problemas ou tirar alguma de suas dúvidas.

Faça um esqueleto do seu texto

O seu trabalho como redator será bem mais fácil se você fizer um esqueleto do texto que vai escrever antes de começa-lo.

Essa é uma maneira eficiente de não esquecer de abordar nenhum ponto importante, encaixar o conteúdo dentro do número de palavras necessário e pensar na melhor distribuição das palavras-chave ao longo do texto.

Dessa maneira, você vai organizar os tópicos e subtópicos do seu conteúdo e definir as principais fontes de pesquisa para cada um deles.

Assim, você não se perde foco e nem tempo durante a escrita e tende a ser mais assertivo nos argumentos do texto.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Hospedagem de Site.

Gostou de nosso post? Compartilhe: