Dicas para preparar sua empresa para a Black Friday de novembro

04/11/2018 às 09:34 Loja Virtual

Dicas para preparar sua empresa para a Black Friday de novembro

Falta praticamente um mês para a próximo Black Friday. O evento que é tradição nos Estados Unidos também tem feito bastante sucesso no Brasil. A próxima edição do evento no país é na última sexta-feira de novembro.

A Black Friday é uma data que estimula promoções e liquidações com descontos altos e condições vantajosas, o que aguça o interesse dos consumidores. Essa é uma oportunidade de ouro de vender bem mais do que o habitual.

E as vendas não atingem apenas lojas físicas. As lojas virtuais se tornaram comuns e são excelentes alternativas de compras com mais comodidade para os clientes e menos custos para os comerciantes.

E como na internet, os consumidores são muito mais exigentes, é preciso ter uma estratégia bastante eficiente para evitar cair na rejeição que algumas empresas sofreram nas últimas Black Friday.

Com o grande número de ferramentas para automação de marketing e estímulo de vendas, já é hora de reunir seu time de marketing e de vendas e planejar as ações para a Black Friday que se aproxima.

Baixe já o Ebook de CloudLinux.

As empresas B2C, ou seja, que vendem produtos ou serviços para o consumidor final são as que mais vendem nessa data, mas as empresas B2B, que vendem para outras empresas, também podem faturar alto distribuindo e fornecendo produtos para grandes, médias e pequenas marcas.

Como cada caso é um caso, é preciso avaliar quais são as ações que tendem a ser mais efetivas para sua empresa.

Se você trabalha com e-commerce ou outros segmentos é preciso montar uma estratégia que aproveite a grande procura, preparando seu estoque e sua munição promocional para superar suas expectativas de venda.

Abaixo, vamos dar dicas para potencializar suas promoções e fazer sua empresa vender mais na próxima Black Friday, confira:

Reveja os relatórios dos anos anteriores

Se esta não é a primeira Black Friday da sua empresa, com certeza, você já possui dados sobre as promoções realizadas nos últimos eventos.

Então, o primeiro passo para montar sua estratégia de vendas para o evento, é preciso comparar dados para conseguir otimizar os resultados.

Calcular qual foi o CAC e o ROI da sua campanha de Black Friday é muito importante. É preciso saber quanto dinheiro foi investido e avaliar quantas vendas, quantos novos clientes e quais ações foram as que mais geraram resultados.

Abrir os relatórios antigos para analisa-los é uma alternativa excelente para medir o engajamento, o número de compras e outros indicadores para montar uma estratégia para a próxima Black Friday.

É essencial que você se revise as estratégias anteriores para remontar a estrutura de estoque e vendas da sua empresa. Isso tudo evitará que o “tiro saia pela culatra”, como por exemplo, faltar produtos no estoque, gerar conflitos de relacionamento com os clientes, entre outros casos.

Dentre os dados da sua estratégia de marketing em edições anteriores da Black Friday estão as palavras-chave utilizadas na campanha, layout e SEO de páginas promocionais, engajamento com seus clientes, etc.

Confira também: Vantagens do Cloud Server.

Defina ofertas vantajosas e estratégias de promoção

O mais importante para qualquer grande evento é a montagem de um planejamento estratégico efetivo. E deixar para fazer isso em cima da hora, não é recomendado.

Quanto mais tempo você tiver para pensar as promoções e ações da estratégia, mais resultados sua empresa deve obter na Black Friday.

O primeiro passo é escolher os produtos ou serviços que serão postos em promoção. A dica é escolher pela margem de desconto que sua empresa pode dar, produtos que estejam encalhados no estoque e produtos mais baratos e de qualidade que possam chamar a atenção dos seus clientes.

Quem trabalha com produtos digitais e não arcam com um grande custo de produção, podem aproveitar a Black Friday para promover ainda mais os produtos através de descontos e outras ações que gerem sensação de urgência para a compra.

Depois de definir quais sãos produtos ou serviços postos em promoção na Black Friday, é hora de planejar ações para promover as mercadorias e aumentar as vendas.

O mais importante é gerar expectativa nos clientes, gerar um senso de urgência, ou seja, realizar ações que estimulem os consumidores para a compra.

É importante pensar na promoção desde as fotos e descrições dos produtos, até em artes feitas para promoções e os canais de comunicação onde elas serão espalhadas.

É preciso focar em sua estratégia para evitar erros de diálogo como erras valores de produtos em diferentes redes sociais ou no contato com o cliente.

Tenha uma landing page específica para a Black Friday

Uma boa maneira de destacar ainda mais seus produtos é criar uma landing page específica ou um hot site para o evento. É importante inclusive para melhorar a retenção de dados.

Com uma página focada nas vendas da Black Friday, é possível obter informações mais claras da campanha.

Essa pode ser a saída para aumentar sua taxa de conversão de vendas, utilizando de chamadas para a ação, informações importantes sobre o produto ou serviço, etc.

Também é possível destacar os pontos mais importantes como preços e a validade da promoção.

Aproveite a mídia paga!

Os anúncios e links patrocinados podem ajudar a sua campanha de Black Friday chegar a mais pessoas, ampliando a sua atual base de clientes.

É preciso realizar campanhas de remarketing, anúncios em rede de display, anúncios das páginas de resultados de pesquisa do Google, etc.

Veja quais são as suas possibilidades e destine parte do investimento de sua campanha na Black Friday para anúncios pagos.

Crie anúncios para públicos segmentados e gere picos de tráfego e vendas em sua loja virtual.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Cloud Gerenciado.

Gostou de nosso post? Compartilhe: