Como fazer um plano de investimento em marketing?

23/06/2019 às 20:49 Marketing

Como fazer um plano de investimento em marketing?

A intuição e o achismo podem te levar para a falência, então por que não montar um plano de investimento em marketing? Existem muitas ações de marketing que podem ser mais assertivas e efetivas para garantir o retorno do investimento de sua empresa.

Neste artigo, vamos lhe explicar como fazer um plano de investimento em marketing.

Muitos empreendedores ainda acham, por incrível que pareça, que o investimento em marketing é um custo e que não traz resultados.

Bom, depende de onde você investe o seu dinheiro. Por isso, vamos dar várias dicas para que você pode gerir o orçamento do seu plano de investimentos.

Quanto, como e onde investir no marketing da minha empresa?

Essa pergunta deve estar rondando sua mente desde que você começou a ler esse texto. E sim, essa é a primeira dúvida, é o passo inicial que você deve responder para montar um plano de investimento em marketnig assertivo para o seu negócio.

E a última coisa que você deve fazer é basear o seu plano no achismo. Ainda mais que tudo no marketing digital pode ser mensurado.

Sim! Toda e qualquer ação de publicidade digital pode ser mensurada e essa análise dos dados e dos resultados obtidos é essencial para traçar um plano de investimento eficiente.

Antigamente, se falava no mercado que o investimento ideal estava entre 3% e 5% do faturamento mensal, mas existem empresas que investem menos e outras que investem mais e tem ótimos retornos.

Em si, o sucesso dos investimentos em marketing não está ligado ao quanto você investe, mas como e onde você aplica esse investimento.

E como tudo no marketing digital é mensurável, é preciso realizar algumas tarefas para alocar seus investimentos com mais precisão. Confira os passos para montar um plano de marketing assertivo abaixo:

Faça uma análise dos investimentos atuais da sua empresa

Se você já está a um tempo no mercado, com toda certeza, você já realizou pelo menos alguns investimentos no marketing do seu negócio.

O primeiro passo para montar um plano de investimento de marketing é avaliar os investimentos que já foram feitos.

A ideia é que você reúna todos os investimentos e consiga mensurar o seu retorno. Assim você pode analisar o ROi que cada um obteve.

E dessa maneira, você poderá olhar com mais atenção para os seus produtos e serviços para conseguir identificar quais tem potencial de crescimento e quais já estão em declínio. Além de ter uma ideia dos canais de comunicação que lhe geram mais resultados.

Com toda essa análise, você já terá em mãos alguns insights sobre os seus produtos e serviços mais vendáveis e os canais de marketing mais atrativos para vendas.

Assim, você pode começar a identificar algumas ações essenciais para garantir o ROI dos próximos investimentos a serem realizados.

Confira também: O que é E-mail Marketing e como criar o seu?

Estipule metas de curto e médio prazo para o marketing da sua empresa

O segundo passo para definir um orçamento de investimento é estipular metas de curto e médio prazo alcançáveis e mensuráveis.

Dessa forma, você pode definir suas principais prioridades.

Agora, que você já fez uma análise da sua atual situação, você já tem uma ideia mais precisa do quanto a sua empresa pode crescer em um ano e quais são as melhores ações e os maiores problemas do seu negócio.

Assim, você pode começar a definir a porcentagem do seu faturamento que pode ser alocada para investimentos, sem que o seu negócio seja prejudicado e que possa lhe gerados resultados rápidos.

Organize as suas campanhas do próximo ano

Prever resultados e ter mais organização é essencial no marketing digital. Depois de analisar sua situação e estipular as próximas metas, é hora de pensar nas próximas campanhas.

Dessa forma, você conseguirá pensar em todas as ações que pretende fazer dentro do próximo ano.

E dessa forma, pode esquematizar em números todos os montantes a serem investidos. A dica aqui é colocar um orçamento que esteja dentro da sua realidade atual e uma margem para aumento, caso você consiga bater as metas mensais estipuladas anteriormente.

 Quanto maior a antecedência, mais tranquilo e efetivo tende a ser a alocação dos investimentos em marketing.

Você já saberá o quanto pretende investir e o quanto pode vir a investir, de acordo com os resultados. Dessa forma, você tem uma base montada e pode ir ajustando-a, conforme as campanhas e os investimentos forem sendo realizados.

Estipule métricas e acompanhe os resultados dos seus investimentos

Definida as ações e campanhas de marketing e o orçamento a ser investido, é hora de botar o plano de investimentos em prática.

E o mais importante de tudo: acompanhar os seus resultados e fazer as correções necessárias para a maior rentabilidade possível.

E para conseguir fazer isso é preciso estipular as métricas mais importantes. Quando você fez uma análise da sua atual situação, você se deparou com várias métricas, certo? Então, você deve escolher as principais métricas que podem apontar o sucesso ou fracasso dos seus investimentos.

Duas métricas importantíssimas para justificar investimentos são o ROI (retorno do investimento) e o CAC (custo de aquisição do cliente). Essas métricas são essenciais no processo.

Na prática, quanto maior o ROI e menor o CAC, maior será a rentabilidade da sua empresa. O oposto acontece caso os resultados sejam contrários.

Além destas métricas, é importante analisar a origem das compras da sua empresa, o Lifetime Value e outros indicadores que podem afirmar o sucesso do seu plano de investimento em marketing.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de E-mail Marketing.  

Gostou de nosso post? Compartilhe: