Como fazer um atendimento ao cliente usando o Chatbot?

Como fazer um atendimento ao cliente usando o Chatbot?

26/05/2017 às 11:31AjudaMarketing

Conheça algumas dicas bacanas de como o Chatbot, que é um ferramenta tão necessária no mundo dos negócios, pode auxiliar no atendimento ao cliente de sua empresa.

No cenário empresarial, são várias as formas de comunicação disponíveis que se tem acesso, principalmente através dos famosos canais de comunicação. Whatsapp, Messenger e o Telegran, são os mais conhecidos, além de serem muito práticos e fáceis de se usar. Empresas que trabalham com e-commerce, necessitam, cada vez mais, de algumas inovações que facilitam a comunicação e o atendimento ao cliente. Devido essa necessidade rápida de resposta, uma nova tecnologia foi criada para ajudar aos usuários na solução dos problemas do cotidiano. A bola da vez são os Chatbots, que já chegaram revolucionando o atendimento ao cliente. Nesse artigo, vamos te dar alguns valiosos conselhos de como utilizar o Chatbot para atender o seu cliente de maneira precisa e ágil.

O que é um Chatbot?

Os Chatbots são softwares que tem resposta automática que são inseridas nos aplicativos de diversas mensagens. O objetivo dos Chatbots é facilitar o atendimento aos clientes. O mais interessante é que os Chatbots são totalmente programáveis de acordo com a necessidade de sua empresa ou de seus usuários. Atualmente, várias empresar estão utilizando essa ferramenta para aprimorar o atendimento ao cliente, estreitando as relações e fazendo sua empresa ter um diferencial. Se você quiser que seu cliente seja fiel à sua marca ou produto, preste atenção nas dicas abaixo.

Tenha um atendimento personalizado

Se sua empresa oferece um atendimento extremamente formal por telefone ou por e-mail, mas faz o contrário utilizando o Chatbot, está errando feiro. De nada adianta enviar mensagens com animação para o cliente via Chatbot e fazer um atendimento mais sóbrio ou de forma mais direta, quando o cliente liga ou envia um e-mail. Padronizar as relações com seus clientes, é de extrema importância para a imagem de sua empresa. Independentemente do canal de atendimento usado, a proposta de atendimento ao cliente tem que ser condizente com que se deseja passar para o público. Se você prefere que seu cliente tenha um atendimento de um forma mais descontraída, que seja por telefone, e-mail e por Chatbot. Caso contrário, fica muito esquisito.

Crie algumas regras para atendimento

Com a disseminação dos conhecidos Serviços de Atendimento ao Cliente (SAC), usados por muitas empresas, se tornou necessário a criação de certas regras de atendimento. Quando o cliente ligar para sua empresa, ele deve escutar a mesma mensagem, seja pelo atendente ou pelo atendimento eletrônico. A consistência nesse caso é um ponto crucial e muito antes de um atendimento repleto de simpatia, o mais importante é que o problema ou solicitação do cliente sejam resolvidos. Mais uma vez a necessidade de se fornecer respostas verdadeiras e concretas ao cliente.

Crie um processo de otimização de atendimento

A maioria dos atendimento telefônicos nas empresas são sobre serviços corriqueiros, como solicitações de informações, acompanhamentos de pedidos, alterações de cadastro, agendamento de serviços, entre outros. Se o Chatbot utilizado pela empresa for bem ágil e prático, esses tipos de ligações poderão ser atendidas somente por essa ferramenta, otimizando o tempo do cliente. Tudo que se faz de forma prática e simplificada, geralmente, economiza-se tempo e dinheiro, além de evitar outros tipos de desgastes desnecessários.

Invista em um atendimento eletrônico que transmita simpatia

Não podemos negar que, quando ligamos para um empresa e recebemos um atendimento de forma acolhedora e com total simpatia, as chances de fecharmos negócio, aumentam consideravelmente. Quando o atendimento é feito de forma automatizada, uma boa dica é que se invista em programas que permitem que esse atendimento seja feito com total empatia e educação. Imagine o diferencial que sua empresa vai ter perante a concorrência, quando seu cliente liga e é atendido por um robô que lembra seu nome ou até faz piadas. Dependendo da marca ou do produto, proporcionar um atendimento diferenciado e irreverente, pode ser um dos segredos para se alcançar o sucesso. É necessário que se entenda que cada público tem uma forma de interação e usar a inteligência artificial, pode ser o segredo o negócio.

Leia também sobre o nosso post sobre como iniciar o seu e-commerce de sucesso e fazer dinheiro!

Tenha em mente a importância dos Chatbots

Os Chatbots administram as conversas em tempo real, além de gerenciar as perguntas e respostas com o cliente de sua empresa. Uma das principais vantagens do uso do Chatbots, é a redução drástica do custo operacional com atendimento, além do mesmo ficar mais ágil, prático e menos demorado para o cliente. Por isso, deve-se ter em mente que o Chatbot deve ser usado de tal forma que o cliente sinta-se confortável ao ligar para sua empresa, proporcionando-lhe uma sensação única, desde o momento em que o mesmo pega no telefone. Na verdade, o Chatbot é o primeiro contato de um cliente em potencial com sua empresa e você não vai querer que o mesmo tenha uma má impressão do seu negócio logo de cara, certo?

Lembre-se que o Chatbot não substitui as relações humanas

São várias as vantagens de se usar Chatbots para o atendimento ao cliente, sem dúvidas. Mas você deve sempre se lembrar em que existem alguns casos mais específicos que somente um atendente poderá solucionar. Jamais o atendimento aos clientes de sua empresa poderá ser feito somente de forma automatizada. As relações humanas são necessárias, pois, além de passar uma maior credibilidade para o cliente, pode transmitir uma sensação de pouco caso com ele, caso seja atendido somente pelo atendimento eletrônico. Os Chatbots, se usados de forma coerente com o propósito da empresa, se tornam uma mão na roda, pois diminuem o tempo de espera do cliente e, na maioria das vezes, resolvem o seu problema.

Ainda tem dúvidas sobre o que são os Chatbots? Comente em e diga sua experiência sobre essa ferramenta ou como você usa em sua loja virtual

Gostou de nosso post? Compartilhe: