Não perca a nossa BLACK FRIDAY, descontos REAIS e VITALÍCIOS de 50% OFF SAIBA MAIS!

Como faço para ter um blog?

Como faço para ter um blog?

14/08/2017 às 00:38Marketing

Um blog é uma das ferramentas de marketing digital que melhor funcionam no quesito visibilidade positiva, fidelização de clientes e ascensão de sua marca. Trata-se de uma plataforma democrática, a que não somente todos os usuários podem acessar, mas também tem manutenção descomplicada e oferece muitas opções para seus administradores. Assim, os recursos da presença online que substituem as dinâmicas das relações presenciais são muito bem aproveitadas no blog.
A palavra é uma redução de “weblog” – diário na internet – e foi usada pela primeira vez em 1997. Atualmente, o blog é uma das maneiras mais relevantes de se criar conexões na internet, pois, há nele um forte apelo social. Geralmente, as marcas que migram das lojas físicas para os e-commerce têm atreladas ao seu site, um blog. Ele pode abarcar diferentes nichos: moda, notícias, tecnologia, entretenimento, entre outras possibilidades, ou seja, pode alcançar públicos incontáveis em um breve espaço de tempo.
O que poucas pessoas sabem é que é possível ter um blog sem que necessariamente haja a contratação de um profissional especializado para criá-lo e sem maiores custos financeiros, ou seja, você mesmo pode criar o seu blog! Mas como? Acompanhe nosso passo a passo:

1 – Escolha um domínio e defina sua hospedagem

Um domínio é uma sequência de caracteres que remete a um site específico. Para escolher o do seu blog, é preciso evitar palavras confusas ou desconhecidas, com difícil pronúncia ou escrita; opte por registro de domínio com combinações breves e que sejam fáceis de se lembrar e que, de preferência, estejam relacionadas ao título de seu blog. Em seguida, averigue se esse domínio está disponível para ser comprado, de modo que ele possa ser adquirido por você por um tempo específico e ser renovado de acordo com sua conveniência.
No caso da hospedagem, ela se refere ao servidor de hospedagem de site que irá receber o usuário em seu domínio, entregando a esse visitante, as páginas e recursos solicitados para o seu acesso. A contratação de uma empresa especializada para isso é sempre o mais indicado, pois, ela cuida da parte técnica, oferecendo a você uma experiência mais fácil e dinâmica no blog. Optar por fazer tudo por conta própria é mais trabalhoso e muitas vezes inviável.

Saiba mais em: Saiba como registrar um domínio

A escolha de um Sistema de Gerenciamento de Conteúdo – o chamado CMS –, que é a estrutura onde o blog funcionará, criando links, páginas e tornando seu conteúdo navegável, deve ser pensada a partir das necessidades e perfil de seu blog. Entre os mais conhecidos o WordPress é um dos mais populares. O bom funcionamento desse sistema é tão essencial quanto a escolha de um bom suporte também é essencial.

2 – Instale seu blog e alguns plugins importantes

Caso tenha optado pelo WordPress seu trabalho já está facilitado, pois basta clicar em “wordPress” e digitar o seu domínio. Em seguida, faça o upload de seus arquivos, instale o WordPress, acesse o painel, personalize seus temas e organize seu conteúdo de acordo com a disposição do blog, adicione ou desative widgets conforme sua necessidade.

Acesse o menu esquerdo do blog, na aba “administração”, para controlar todos os detalhes referentes à plataforma, como por exemplo o uso de alguns plugins que somem às funcionalidades de seu blog.

3 – Escolha o melhor layout

Escolha um tema sobre o qual irá acrescentar alguns aspectos pessoais e que tenham a ver com o nicho e a proposta de seu blog, ou seja, fontes, cores e logos que remetam à sua marca. Templates otimizados são vários, pagos ou gratuitos e devem ser escolhidos levando em consideração o que mais atenda ao perfil de seu blog, todavia, ele sempre deverá ser responsivo, ter boa avaliação dos usuários e ter um suporte satisfatório.

4 – Foque no conteúdo

O que mais impacta no sucesso de seu blog é, sem dúvida, a qualidade do conteúdo publicado. Suas postagens devem prender a atenção dos leitores, despertar sua curiosidade, ter um título chamativo, por exemplo. Ferramentas de edição devem ser bem aplicadas, atentando-se para a seleção do tipo de texto, tamanho e disposição da fonte. Tornar o texto escaneável é um recurso a mais para que ele seja mais acessado pelos visitantes, assim como a escolha de imagens interessantes e postagens variadas. O uso de apenas uma categoria por postagem, pois, o uso exagerado pode ser prejudicial e conseguir o efeito contrário do querido.
Assim, o blog é uma ferramenta que agrega valor às marcas no mundo virtual, de modo que geram autoridade, credibilidade e potencial de venda às lojas. Sua linguagem lida diretamente com o público a que atende, sem contar que ele é uma maneira de seus produtos e serviços serem facilmente buscados e encontrados. O blog oferece menos risco ao seu negócio, pois, não está submetido às ameaças externas, como mudanças no cenário econômico e político ou a ofensiva dos concorrentes, por exemplo.
Para saber mais sobre criar um blog acesse Passo a Passo para criar um blog

Gostou de nosso post? Compartilhe: