Como entrar numa startup, evoluir e ajudar no crescimento da empresa

26/01/2019 às 19:08 Ajuda

Como entrar numa startup, evoluir e ajudar no crescimento da empresa

As startups tomaram o mercado com suas características inovadoras e novos conceitos de empreendedorismo.

E isso está atraindo cada vez mais novos profissionais do mercado, os jovens principalmente, a grande maioria quer ter a experiência de trabalhar em um startup e o sonho de crescer em uma empresa de conceito inovador.

Além da inovação, as startups se destacam por que vem recebendo muito aporte, principalmente estrangeiro, e isso vem possibilitando uma estabilidade em projetos que ainda estão em teste.

Apesar da pressão de gerar resultado, esse tipo de empresa vem mostrando que é possível crescer dentro do mercado.

Algumas startups conhecidas são o Nubank e a 99, por exemplo. Empresas que provavelmente você conhece ou até é cliente ou já usou seus serviços.

Isso mostra o quanto elas estão presentes no mercado e desafiam as empresas de modelos tradicionais no mercado atual.

Entrar numa startup não é algo tão simples, mas apesar disso é possível sonhar e realizar a meta de trabalhar nestas empresas e aproveitar os novos conceitos de empreendedorismo, introduzindo novos modelos e métodos de trabalho.

Confira também: Revenda de Hospedagem - o que é?

O que esperar de uma carreira em startup?

Para o sonho não passar de um sonho, é preciso se preparar para tal. E por isso é preciso entender o que esperar de uma carreira em startup.

O primeiro ponto é saber como identificar uma startup, mas isso não é difícil. O segundo ponto é saber que esse tipo de empresa precisa validar o seu modelo de negócio e a sua ideia.

E para conseguir colocar a ideia à prova será preciso ter um aporte financeiro para entrar no mercado. Apesar desse modelo atrair bastante investidores, validar uma ideia não é tarefa fácil.

Então, teoricamente se você entra no startup que ainda precisa passar por esse processo, você não tem um trabalho muito estável.

O que acontece com Startup no Brasil?

No Brasil, a grande maioria das empresas fecham antes de dois anos de idade e com as startups não é muito diferente.

Uma pesquisa da Época Negócios apontou que cerca de três quartos das startups falem nos primeiros cinco anos de idade. Isso mostra que você a principio deve ter certa preocupação com a instabilidade do seu cargo em uma startup.

Porém, se nós acabamos de jogar um “banho de água fria” no seu sonho, vamos lhe dar outros motivos para seguir alimentando o seu sonho.

O mesmo estudo da Época Negócios também mostra que as startups que conseguem validar sua ideia, geralmente dobram de tamanho em tempo recorde, o que pode valorizar bastante o seu trabalho e trazer estabilidade.

Por isso, a ideia é que você tenha uma noção de que há possibilidade de crescer e evoluir dentro da empresa, mas que o sonho pode acabar antes do que você imagina.

Em resumo, você deve encarar o trabalho em uma startup como uma experiência para o seu próprio crescimento pessoal e de experiência de mercado.

Para lhe ajudar a enfrentar todo esse processo que uma startup passa, principalmente no seu começo de vida no mercado, listamos abaixo algumas dicas, confira:

Baixe já o Ebook Como abrir um negócio sem gastar muito.  

Pense na sua carreira

A empresa dificilmente pensará na sua carreira por você. Um gestor pode até lhe acompanhar e fazer você melhorar como profissional, mas ele não montará um plano de carreira.

Por isso, é preciso ter em mente que apesar de pensar em crescer como uma startup, você não deve se prender a isto.

Como o mais interessado em sua carreira é você, faça por onde aproveitar o trabalho para evoluir como profissional.

As chances para aprender soluções inovadoras são altíssimas e será preciso explorá-la para se tornar um profissional reconhecido em seu mercado e conseguir pensar na montagem e na execução de um plano para sua carreira.

Foque na obtenção de resultados

Startups são empresas que muitas vezes estão, de certa maneira, presas a investidores nacionais e estrangeiros. E por isso, a cobrança por resultados é altíssima.

Lembre-se que você trabalha numa empresa que precisa validar uma ideia e tem obrigação de apresentar soluções inovadoras.

Então, se você está trabalhando numa startup é por que você tem condições técnicas para trazer resultados em sua área.

E como todo funcionário é uma peça importante para a engrenagem de uma startup, você deve se esforçar para gerar resultados e fazer essa roda gerar cada vez mais rápido.

Em resumo quanto maior for o seu ROI, mais reconhecimento você terá dentro da empresa.

A startup nesse ponto é uma empresa normal e se preocupa bastante com o desempenho e se você não gera resultados, não durará muito lá dentro.

Seja um colaborador e não um competidor

Dentro do ambiente corporativo brasileiro, os funcionários das empresas sempre se viram como competidores.

Como todos querem crescer, eles sempre buscaram meios de se destacar e resguardaram parte de seu potencial técnico para buscar um maior reconhecimento que os demais.

O problema é que esse conceito não deve existir numa startup. Ele vem perdendo força inclusive em empresas com modelos de negócios mais tradicionais.

Um dos requisitos básicos para estar dentro de uma empresa hoje é saber trabalhar em equipe e isso visa a colaboração e não a competição.

Então, a dica para evoluir dentro de uma startup é gerar um bom relacionamento com os demais funcionários.

Entre em debate, discuta, compartilhe conhecimento, aprenda e acumule experiência na teoria e na prática. Essa é uma excelente maneira de ser um colaborador e posteriormente ter seu trabalho reconhecido dentro da startup.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Revenda de Hospedagem.

Gostou de nosso post? Compartilhe: