Como aproveitar todo o potencial dos meus clientes no pós-venda?

14/08/2018 às 12:34 Loja Virtual

Como aproveitar todo o potencial dos meus clientes no pós-venda?

Muitas empresas erram em suas estratégias de marketing e por isso não conseguem se manter por muito tempo estáveis no mercado atual.

Isso acontece, por que os novos empreendedores investem grande parte de seus recursos em ações para atrair mais clientes.

E claro, isso tem uma grande importância, afinal não há como manter uma empresa sem ter clientes.

Porém, é preciso relembrar uma máxima do mundo do marketing digital: Fidelizar um cliente é mais barato e mais fácil do que ganhar um novo.

Mesmo sabendo disso, muitos profissionais de marketing não conseguem investir e desenvolver ações que gerem resultados expressivos e eficientes no pós-venda.

E com isso o que acontece? Os clientes não se sentem valorizados após comprarem de sua empresa e acabam procurando outras opções no mercado.

E por isso que nos últimos tempos tem se falado tanto em “experiência do usuário”. Com certeza, você já ouvir falar desse termo.

Os consumidores de hoje em dia são altamente engajados com o que eles gostam e costumam interagir e pesquisar bastante sobre tudo.

Com isso, eles não se impressionam mais apenas com empresas que vendem produtos, afinal todas já fazem isso, eles buscam por negócios que lhes proporcionem uma experiência incrível.

Mas muitas empresas ainda não mostram que estão realmente preocupadas com a experiência do cliente, não querem leva-lo ao sucesso, não investem na sua satisfação como deveriam.

Apostar numa estratégia de Sucesso do Cliente (Costumer Sucess) é cada vez mais indispensável no mercado.

E se você se importa com seus clientes, fique com a gente e leia esse texto até o final para entender como sua empresa pode explorar todo o potencial deles no pós-venda.

Confira nossas dicas:

Avalie se de fato você entende a real importância que seus clientes têm para seu negócio

Não me entenda mal! Sabemos que toda empresa se preocupa e, de fato, só existe por que existem quem comprem seus produtos.

Porém, a importância que seus clientes têm para manter seu negócio de pé vai muito além disso.

O primeiro passo para conseguir explorar todo o potencial de seus clientes no pós-venda é justamente entender a real importância que eles têm para sua empresa.

E por que preciso entender isto? Bom, geralmente um dos principais motivos para que empresas de todos os tamanhos e setores percam clientes é o relacionamento ruim que tem com eles.

Em outras palavras, elas perdem clientes por que não conseguem entender como eles são importantes.

E claro, perder um cliente ou outro acontece recorrentemente, agora já pensou se você perde 10% dos seus clientes por mês? Isso significa que sua empresa iria à falência antes de um ano.

Se pensarmos por outro lado, ter uma boa retenção de clientes, por exemplo, pode ajudar uma empresa a crescer bastante no mercado.

Pense agora num exemplo inverso, imagine que sua empresa consiga reter 10% dos clientes que compram seus produtos todo o mês.

O resultado: em menos de um ano sua empresa terá dobrado de tamanho.

Contar com clientes antigos e satisfeitos com seus produtos e serviços é fundamental para que sua empresa se mantenha rentável e possa vislumbrar o crescimento, mesmo num mercado que é muito concorrido, onde surgem novos negócios semelhantes aos seus todos os dias.

Ter mais clientes fiéis pode representar não somente meios de lucros recorrentes, como também ser a saída para diminuir custos para vender seus produtos e serviços.

Confira também se existe ou não hospedagem ilimitada.

Entenda a nova realidade do Funil de Vendas

Bom, todos nós que trabalhamos com marketing digital e inbound marketing sabemos que o funil de vendas é importante e serve como uma ferramenta que otimiza bastante a conversão de leads.

O funil compreende e divide os consumidores em diferentes momentos, delimitando ações para cada etapa do funil, sempre visando levar a pessoa até a próxima etapa, e por fim, a compra.

Porém, o funil de vendas como conhecemos antes não tem etapas para descrever o modo de ação no pós-venda e por isso muitas empresas acabam parando por aí e deixando de lado estes clientes, após eles comprarem um único produto.

E com base nessas carências, que profissionais de marketing como os fundadores da HubSpot, por exemplo, complementaram o funil de vendas, para que seja possível e viável se preocupar com o cliente mesmo depois que ele fizer uma compra, buscando torna-lo um promotor do seu negócio.

E o quais são os pontos de complementação do Funil de vendas após o cliente realizar uma compra? Adoção, Retenção, Expansão e Evangelização.

Baixe agora o nosso Ebook “Como vender Criação de Site”.

Aplicando ações no novo funil de vendas

A primeira etapa se chama adoção, ela serve para resolver aquela dúvida de clientes quanto a utilidade de seus produtos no dia a dia.

Ações nessa fase são necessárias para que seu cliente elimine as confusões e as dúvidas sobre o que ele está comprando.

Por isso, não adianta apresentar ao cliente as diversas funcionalidades que seu produto possui, mas lhe mostrar um ponto de partida para a compra.

Resuma os motivos pelos quais ele precisa ter a solução que sua empresa oferece e depois ensine-o a utilizar a ferramenta com total propriedade.

A partir daí, você já parte para a fase de retenção, onde precisa dar ao seu cliente todas as informações necessárias para usar seus produtos sem nenhuma dificuldade.

Isso pode levar tempo, mas pode garantir muitos clientes fidelizados.  

Quem chega a fase de expansão, são clientes que já entendem como sua empresa funciona. É nessa que você deve investir em novas ações de compra.

Apresente mais produtos, entre em contato, saiba mais sobre os desafios e as dificuldades do cliente.

Por último, chegamos a etapa de evangelização, os clientes que chegam nesta etapa já estão engajados com sua empresa e se encontram satisfeitos com seus produtos.

Agora, além de se preocupar em mantê-lo fiel ao seu negócio, estimule-o a falar do seu negócio para outros amigos, faça ele trabalhar “involuntariamente” e de graça para sua empresa.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Hospedagem de Site.

Baixe também o nosso Ebook “Como vender Criação de Site”.

Gostou de nosso post? Compartilhe: