Como a metodologia OSEP pode influenciar sua estratégia de marketing

29/10/2018 às 17:34 Marketing

Como a metodologia OSEP pode influenciar sua estratégia de marketing

O mundo do marketing tem várias metodologias que podem ser aplicadas para gerar resultados melhores para as empresas. A metodologia OSEP é uma delas.

Esse método classifica os diferentes tipos de mídia que a sua empresa tem, diferenciando canais próprios, canais de mídia paga, etc.

A ideia é agregar informação e gerar uma convergência entre diferentes mídias. Como a própria sigla referencia, OSEP significa, em português: propriedade, compartilhada, conquistada e mídia paga.

Integrar as mídias é uma excelente maneira de tornar suas equipes de marketing e vendas mais produtivas e gerar mais resultados para o seu negócio.

A metodologia OSEP se baseia na convergência de mídias pode proporcionar uma mudança importante para otimizar a experiência dos usuários, o que é um dos principais fatores para bom ranqueamento em SEO e geração de resultados de uma estratégia de marketing de conteúdo, por exemplo.

Teste 30 dias grátis de Loja Virtual.

O que é e como implementar a metodologia OSEP no meu negócio?

Quem trabalha com marketing, já está acostumado a usar diferentes tipos de mídia. A metodologia OSEP classifica cada canal de mídia e os organiza de acordo com a sua importância e relevância dentro de sua estratégia de conteúdo.

A ideia é que através desse método, os profissionais de marketing possam se relembrar quais são as origens e os objetivos principais de cada mídia.

Isso facilita bastante o trabalho, já que pode ser a base de um calendário editorial, por exemplo.

Na hora da tomada de decisão, saber claramente como cada mídia funciona, torna possível decidir rapidamente quais são as melhores formas de abordar a sua audiência em cada canal de comunicação de sua empresa.

De acordo com a metodologia, os canais de mídia se dividem da seguinte maneira: Owned (canais próprios), Shared (canais compartilhados), Earned (mídia ganha ou conquistada) e Paid (mídia paga).

Confira agora como cada uma é classificada e como ela deve funcionar dentro da metodologia OSEP:

Canais próprios (OWNED)

Canais próprios de conteúdo são aqueles que você criou para sua empresa e você mesmo administra como algo próprio, uma página específica de sua empresa.

Exemplos de canais próprios são sites e blogs, que mesmo sendo criados e hospedados em servidores de CMS são mídias próprias de uma empresa.

Na metodologia OSEP, esses canais próprios tem uma grande importância em uma estratégia de conteúdo por que é um meio de sua empresa estar sempre trazendo coisa nova, falando sobre tendências, por isso é importante mantê-los sempre atualizados.

Com as mudanças recentes nos motores de busca, os sites e blogs tendem a reter cada vez mais o foco dos profissionais de marketing, já que o conteúdo produzido há um ano atrás que não consegue ranquear tão bem no Google.

Então, para manter a efetividade dessas mídias é preciso estar sempre atento as novidades para que você possa redigir conteúdos que impactem seu público, pela relevância, respeitando e adotando as boas práticas de SEO.

Por ser um canal próprio, você pode produzir conteúdo em multiplataforma. É possível criar conteúdo em texto, áudio (podcasts) e vídeos.

Essa variação nos formatos de conteúdo pode, inclusive, gerar mais relevância para uma estratégia de conteúdo nos canais próprios de sua empresa.

Os canais próprios são valiosos por que possibilitam a sua empresa criar algo de valor para clientes e potenciais clientes do seu negócio.

Diferente de outros canais de conteúdo, é possível num site ou num blog, trabalhar com informações e argumentos que podem influenciar um consumidor a compra.

Em outras mídias, é preciso focar mais no lado promocional propriamente dito da palavra. É por isso que na metodologia OSEP é preciso entender para que serve cada canal de mídia.

Por razões obvias, criar conteúdo para os canais próprios é muito importante para trabalhar outros tipos de mídia.

Confira também: Por que ter uma loja virtual?

Canais compartilhados (SHARED)

Quem cria conteúdo para canais próprios tem como um dos seus principais anseios querer que o público compartilhe as informações em seus canais de conteúdo. Bons exemplos de canais compartilhados são as redes sociais.

Nesse tipo de mídia, o objetivo deve ser criar conteúdos relevantes para canais próprios para que seu público possa compartilhá-lo em redes como Facebook, Instagram e LinkedIN.

E também para que sua equipe de marketing também distribua o link do conteúdo por todas as redes sociais de sua empresa.

Para ter efetividade na estratégia em canais compartilhados, é preciso saber em quais redes sociais o seu público é ativo.

É preciso também, integrar todo o sistema, então cada publicação do blog da sua empresa precisa ter botões de compartilhamento e comentários para que sua audiência possa compartilhar e aumentar o engajamento do seu conteúdo.

Mídia conquistada ou ganha (EARNED)

Mídia ganha ou conquistada significa ter espaço em grandes canais de comunicação. Nesse ponto, entra o trabalho da assessoria de imprensa.

Bons canais de mídia ganha são os principais veículos de comunicação, como jornais, portais de notícias, emissoras de TV ou rádio de grande circulação.

E para frisar, o espaço conquistado nesses canais de comunicação não são pagos, eles são ganhos.

Existem todo o trabalho de um assessor ou de um relações públicas que vive para vender pautas de sua empresa, para tentar torna-las notícias.

Hoje em dia, outro exemplo de mídia ganha são os influenciadores digitais.

Muitas empresas fortaleceram suas marcas quando conseguiram através de relacionamento, fazer com que esses formadores de opinião falem sobre seus produtos e serviços para um grande número de usuários em redes sociais.

Mídia paga (PAID)

Como o próprio nome já diz, a mídia paga é aquele onde sua empresa investe um capital para conseguir o espaço.

Os comerciais de TV e rádio, banners e publieditoriais em sites, anúncios no Google e nas redes sociais são exemplos de mídias pagas.

Numa estratégia de marketing, dentro da metodologia OSEP é preciso também destinar uma parcela de atenção, e claro, de recursos para apostar no crescimento de sua empresa através de mídia paga.

É possível tornar seus produtos conhecidos através de campanhas de marketing desenvolvidas e distribuídas através de mídia paga.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Loja Virtual.

Gostou de nosso post? Compartilhe: