As 4 melhores métricas para avaliar o sucesso do seu site

14/12/2017 às 22:10 Ajuda

As 4 melhores métricas para avaliar o sucesso do seu site

Numa estratégia de marketing digital é muito importante ter um site. Afinal, sua empresa precisar marcar presença online com qualidade para passar credibilidade e gerar autoridade com seus clientes. Porém, o trabalho não acaba depois de colocar o site no ar, para ter noção do quanto a aplicação está ajudando seu negócio é preciso medir quais resultados foram obtidos com o site.

Entre as principais ferramentas para analisar as métricas importantes para verificar o andamento de um site é o Google Analytics. A plataforma dá todas as informações necessárias e tabula os dados mais relevantes sobre sua aplicação, o que lhe dá a possibilidade de fazer uma análise mais detalhada e assertiva.

Para utilizar essa ferramenta da forma correta é preciso entender melhor como ela funciona e saber como avaliar de forma correta as métricas resistentes. Como são muitos dados dentro da plataforma, é preciso ter uma noção de quais são as métricas mais relevantes para obter as melhores informações e avaliar o desempenho do seu site.

Confira algumas das principais métricas para analisar um site:

Número de usuários e de sessões

Essas métricas são bastante confundidas e se diferem em alguns pontos. O número de usuários se refere ao número de vez que seu site foi acessado, contando cada sessão da página, ou seja, uma mesma pessoa pode ter acessado seu site diversas vezes e contabilizar no número de usuários da aplicação.

Agora, o número de sessão contabiliza o número de sessões feitas pelos usuários. Então se um usuário acesso seu site 10 vezes na semana, na hora de analisar as métricas você terá 1 usuário e 10 sessões.

Analisar essa relação é importante para medir o fluxo de visitação do seu site, tendo uma noção de quantas pessoas estão entrando no seu site, e também se existem muitos novos visitantes e quantos pessoas costumam voltar ao seu site, o que pode ser contado como audiência. Medindo os valores, é possível criar estratégias para atrair mais visitantes e fidelizá-los ao seu site.

Visualizações de páginas e de pageviews

Essa métrica mostra quantas páginas do site foram visitadas. É preciso analisar essa métrica em conjunto com outras para analisar o comportamento dos usuários que visitam o seu site. Esse número analisa quantas visualizações cada página do seu site teve.

Uma boa dica é relativizar a média de páginas visitadas por sessão do usuário. Isso mostra mais profundamente o que interessa mais aos usuários ao seu site e se eles ficam mais tempo no seu site, consultam mais informações ou se estão fazendo visitas rápidas, abrindo uma página ou outra.

Confira também quais são as vantagens de criar um blog.

Taxa de rejeição e de saída

Outras métricas que se relacionam para uma melhor avaliação do desempenho de um site. A taxa de rejeição representa a porcentagem de pessoas que visitam apenas uma página do seu site ou não realizaram nenhuma ação, saindo rapidamente da página.

A taxa de saída se refere ao percentual de usuários que entram numa página do seu site e saem através da mesma, o que é diferente da taxa de rejeição, já que com ela é possível determinar quais são as páginas em que os usuários costumam sair do site.

Ambas as métricas são importantes para analisar e saber quais são as páginas mais importantes do seu site, também do lado positivo como do negativo, identificando erros e podendo realizar novas ações visando melhorar seu site, diminuindo a porcentagem dessas páginas.

Origens de tráfego

Essa é uma das principais métricas para analisar o seu site. Já que através dela é que você irá saber o quanto sua estratégia de marketing digital tem adianto. As origens de tráfego são simplesmente as fontes pelas quais as pessoas chegaram ao seu site, foi acessando o endereço eletrônico (URL) da sua página diretamente, foi através de uma rede social, de uma busca do Google, enfim existem vários tipos de fonte de tráfego orgânico e pago para o seu site.

Através dessa métrica se torna possível avaliar quais são os principais canais de tráfego do seu site, e podem lhe ajudar a desenvolver novas ações de marketing para diminuir os erros e também aumentar o tráfego gerado por fontes que são pouco utilizadas.

Dentre as principais origens de tráfego estão:

Tráfego Direto

Essa origem é importante por que registra sua audiência, já que representa o número de pessoas que entram em seu site digitando o endereço no navegador ou acessando sua página através da barra de favoritos. Essa audiência é sua, são usuários que já que conhecem a sua empresa e confiam no seu negócio, através dela é possível notar o quanto de público você está conseguindo reter e fidelizar ao seu negócio.

Tráfego orgânico

Essa origem de tráfego é muito importante, pois avalia o quanto de visitas seu site conseguiu através de sites de buscas. Isso é essencial para avaliar se você tem aplicado corretamente sua estratégia de marketing digital, fazendo ações de SEO, escolhendo as melhores palavras-chave, entre outros pontos. Um baixo tráfego orgânico denuncia que seu plano de ação é falho ou não é bem desenvolvido.

Redes Sociais

Essa origem também é muito relevante atualmente, já que mostra a quantidade de visitas oriundas das redes sociais da sua empresa. É bom acompanhar essas estatísticas para saber como seus clientes e os demais consumidores estão reagindo as suas postagens em mídias sociais.

Links de parceiros

Essa origem mostra o número de visitantes que chegaram ao seu site através de links sobre seus conteúdos que estejam presentes em sites parceiros. Essa estratégia de troca de link e também o famoso guest post, criar conteúdo para outros blogs relacionados a sua empresa, ajuda bastante no crescimento do seu negócio na internet.

Outro ponto interessante a ser avaliado nesse quesito é notar quantas vezes seu site foi citado por outros blogs e sites dos quais você não conhece, o que demonstra que seus conteúdos estão gerando autoridade, já que outras pessoas consideraram seu trabalho de qualidade para apontar como referência, gerando links para você.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog. Conheça os planos da ISBrasil para Hospedagem de Site

Gostou de nosso post? Compartilhe: