O que é uptime da hospedagem?

06/07/2020 às 16:03 Hospedagem de Sites

O que é uptime da hospedagem?

Ao se contratar um serviço de hospedagem de sites, fica especificado em contrato qual será a disponibilidade do servidor. Esse tempo de disponibilidade é chamado de uptime.

Em português uptime pode ser traduzido como tempo de disponibilidade. Logicamente quanto maior o uptime, menores são as chances de seu site ficar indisponível.

Quando se contrata uma hospedagem de sites o uptime fica definido em porcentagem pela sigla SLA. Por exemplo, a ISBRasil oferece um SLA de 99,9%. O que significa que seu site estará online (no mínimo) 99,9% do tempo em que estiver em nossa hospedagem.

Para se ter ideia, um uptime de 99,9% significa que seu site pode ficar cerca de oito horas indisponível no período de um ano.

Como e por que acompanhar o uptime de seu site

O uptime é medido a partir de uma porcentagem que indica por quanto tempo o site estará disponível dentro do período contratado. Por exemplo: um site com uptime de 99,9% pode vir a ficar offline por até quarenta e três minutos em trinta dias.

Todos estes detalhes estão explicados em uma clausula no contrato de serviços. Porém você também pode realizar seu próprio acompanhamento do uptime da sua hospedagem de sites.

Mas monitorar o uptime de seu site é um hábito que vai além de saber se seu provedor de hospedagem está cumprindo o combinado, já que permite tomar ações rápidas em caso de indisponibilidade para otimizar o seu uptime. Como fazer isso?

O primeiro passo em geral é contatar o suporte e nessas horas você agradecerá por preferir uma empresa com suporte humanizado vinte e quatro horas, sete dias por semana. Com a ajuda do suporte seu site pode voltar a ficar online em instantes.

Por fim, outro motivo para se preocupar com um bom uptime em sua hospedagem de site é o seu posicionamento. Sim, já é bem trabalhoso o processo de produção de conteúdo, otimização e uso de palavras chaves. Mas tudo isso pode vir abaixo se o seu site for penalizado por indisponibilidade.

Também é importante realizar o monitoramento de uptime quando pensar em como iniciar a sua revenda de hospedagem, afinal você não deseja vender um serviço de má qualidade.

O que é garantia de uptime

Mas por se tratar de algo tão importante, o uptime conta com um tipo de garantia. Lembra-se da SLA dada em porcentagem que citamos no início do texto, e todas aquelas comparações em horas, minutos, meses e anos?

Digamos que ao contratar um serviço de hospedagem de sites com SLA de 99,9%, seu site ficou indisponível pode mais de uma hora em um mês. Porém, como já falamos uma SLA de 99,9% devia permitir no máximo quarenta e três minutos de indisponibilidade.

É aqui onde você pode acionar a sua garantia de uptime, e receber um reembolso pelo tempo extra indisponível. Na maioria das vezes esse reembolso virá como um desconto na mensalidade da sua hospedagem de sites.

Embora este seja um serviço comum, é sempre preciso ler com atenção o contrato de serviço e verificar qual a política do provedor de hospedagem a este respeito.

Como obter 100% de uptime?

Porém, porquê exemplificamos sempre com 99,9% de disponibilidade?

É necessário ter consciência de algumas realidades acerca do uptime e a principal delas é a de que em uma hospedagem compartilhada é praticamente impossível obter 100% de uptime. Isso acontece pelo fato de vários sites exigirem recursos do servidor simultaneamente.

Mesmo em serviços de cloud server, onde é possível realocar os recursos para realizar uma manutenção ou solucionar uma instabilidade, se torna difícil de garantir 100% de uptime, devido a algumas imprevisibilidades.

Afinal, até mesmo gigantes como Facebook passam por indisponibilidades eventuais.

Posicionamento perdido por downtime

O tempo em que um site está indisponível é chamado de downtime, em oposição a uptime. E o downtime pode causar um grande prejuízo ao posicionamento de seu site.

Acontece que a disponibilidade é um dos principais fatores que influenciam em seu posicionamento. Desta forma, quanto mais instabilidades seu site apresentar, maiores são as chances de perder posições que foram difíceis de se conseguir.

E estas instabilidades nem precisam ser recorrentes, basta uma indisponibilidade e seu site pode perder três, quatro ou até mais posições.

Ferramentas para monitorar o uptime de seu site

Obviamente existem ferramentas que permitem analisar e trabalhar o uptime de seu site. Vamos falar de algumas delas.

Uptime Robot

Esta é sem dúvidas a mais popular ferramenta do gênero, e uma das poucas gratuitas com a qual se pode monitorar até cinquenta sites. Além disso a versão paga oferece uma série de recursos extras como por exemplo monitoramentos a cada minuto e notificações e histórico de dois anos.

PingDom

Embora não possua plano gratuito, o PingDom possui recursos ainda mais avançados que o Uptime Robot. Seu plano mais básico começa com cinquenta sites e pode chegar até a duzentos e cinquenta no plano profissional, com histórico ilimitado e verificações minuto a minuto.

Não tenho tempo para monitoramento

E essa é uma realidade recorrente do administrador de site atual: em meio a configurações, produção de conteúdo, SEO, lojas virtuais, etc. Muitas vezes falta tempo e sobra trabalho.

Uma boa forma de resolver o problema é contratando um serviço de gerenciamento de servidor. Os melhores provedores de hospedagem já oferecem esta modalidade de serviço, que visa desafogar o seu servidor e mantê-lo com uptime em cem por cento.

O básico de um gerenciamento de servidor é garantir seu uptime por meio de monitoramento próprio de cada detalhe. E como eu disse, isso é o básico.

Ainda é preciso considerar os cuidados físicos com servidor com analises do hardware, processamento, disco e memória.

Na ISBrasil contamos ainda com verificações programadas várias vezes ao dia para garantir alta performance em todos os processos, aliado a rotinas de manutenção preventiva que resolvem noventa e cinco por cento dos problemas, antes de acontecerem.

E se as suas necessidades ainda não forem atendidas, é possível personalizar o plano ao seu gosto.

Gostou de nosso post? Compartilhe: