Desenvolvedor: como se destacar nos sites de freelas

28/07/2018 às 19:59 Ajuda

Desenvolvedor: como se destacar nos sites de freelas

Com o crescimento do mundo freelancer no Brasil, muitos profissionais vem buscando abrir seus próprios negócios para atuar no setor.

Muitos desenvolvedores web já adotaram esse tipo de trabalho e hoje oferecem seus serviços por meios virtuais e trabalham diretamente do conforto de suas casas.

Apesar do ganho em qualidade de vida, também é muito importante garantir que sua carreira freelancer seja rentável e que você possa viver dela, sem precisar recorrer a trampos CLT, trabalhando alocado em locais fechados e muito longe de casa.

Para isso, uma das melhores maneiras de conseguir encontrar mais jobs é entrar em sites de freelas, onde há a troca e a publicação de projetos, fazendo a intermediação entre contratantes e freelancers.

Sites como o Workana, o 99 Freelas e o Get Ninjas, por exemplo fazem sucesso nesse meio.

O problema é que a concorrência nestes sites é bastante voraz, assim como é no mercado de trabalho tradicional.

Um único contratante recebe dezenas de propostas por seu projeto e precisa avaliar diversos freelancers antes de escolher o profissional com quem fechará o serviço.

É por isso que nesse texto, vamos dar algumas dicas de como você pode se destacar e conseguir mais jobs, mesmo enfrentando uma grande concorrência, confira abaixo:

Tenha um bom portfólio

Além de preço e prazo de entrega, o fator mais analisado e decisivo para que contratantes escolham você em vez de outros profissionais é o seu portfólio.

Este é o local onde você deve mostrar os seus trabalhos, assim o cliente poderá ver o que você já fez para ter uma ideia melhor se você é o cara para fazer o projeto que ele tem em mãos.

Quem faz o cadastro em qualquer site de freelas, tem direito a montar um portfólio pequeno dentro do próprio site e também tem um espaço para divulgar o link de um portfólio fora da plataforma.

O ideal é que você use o seu portfólio tanto em seu perfil nestes sites, como insira o link deles em suas propostas.

Está começando e não sabe como montar um portfólio? Bom, é simples, se você ainda não fechou o seu primeiro serviço, você pode começar seu portfólio com seus projetos de faculdade e cursos, projetos pessoais ou mesmo trabalhos voluntários.

O que vale é a qualidade dos serviços que você desenvolveu, é isso que fará a diferença para os contratantes.

Conheça o nosso serviço de Hospedagem de Site.

Se identifique com o projeto, antes de mandar proposta!

Muitos profissionais freelancer acabam deixando de conseguir trabalhos por que “atiram para todos os lados”, ou seja, mandam propostas para qualquer tipo de propostas.

Na maioria das vezes, as pessoas nem leem o que o contratante publicou e já lançam uma proposta de prima.

E isso pode dar muito errado em vários aspectos, como por exemplo, se você nunca desenvolveu um game, você não deve sair mandando propostas para projetos do gênero, simplesmente por que ao ser questionado pelo contratante, você não terá nada para mostrar.

Sair cobrando um valor fixo também não é a melhor opção, até por que muitas vezes os contratantes colocam limites de gastos nos projetos, deixando bem claro o quanto querem pagar.

O ideal é que você leia com calma cada projeto e defina se ele é interessante para você.

Como saber se devo mandar uma proposta? Bom, para simplificar essa decisão, basta você prestar atenção a alguns pontos como: Já fiz algum trabalho desse tipo? Aceito os valores e o prazo de entrega propostos? Esse job vale a pena?

Assim, você saberá se você está pronto e tem plenas condições de desenvolver o projeto e isso o deixará mais seguro.

Essa é a saída para que numa conversa pós primeiro contato, o cliente possa sentir que você entende do assunto e está mais preparado para desenvolvedor o projeto do que os demais concorrentes.

Crie uma relação de cordialidade e confiança com seus potenciais clientes

Para conseguir mais trabalhos, é essencial que desde o primeiro contato você busque ser o mais claro possível com os contratantes.

Isso evitará problemas futuros e lhe dará credibilidade, o que você precisa (e muito!) para se destacar no meio a tantos freelancers.

Lembre-se que você cortou os intermediários e está negociando diretamente com seus clientes, ou seja, a relação com eles deve ser diferente dos tempos em que você trabalhava em alguma agência ou empresa de TI.

Agora, você é seu próprio patrão, haja como tal!

Criar confiança é muito importante para que os clientes possam fechar serviços com você e quem sabe lhe oferecer projetos recorrentes, de maneira que você garanta uma renda mensal.

Deixar um cliente satisfeito deve ser o seu principal objetivo, já que ele pode indicar seu trabalho para outros profissionais, inclusive podendo recomendar os seus serviços no próprio site de freelancers.

Faça propostas claras e completas

Quando um contratante publica um projeto em um site de freelas, ele costuma especificar todas as informações que os freelancers deve lhe mandar em uma proposta para sua avaliação.

Por isso, leia com bastante atenção o que foi publicado e mande uma proposta com todas as informações necessárias.

Outro ponto que você deve ter atenção é na clareza das informações. Muitas vezes, profissionais freelancers perdem trabalhos por mandar informações confusas em suas propostas.

A dica é que você separe cada dado em lista.

Por exemplo, se o cliente pediu um orçamento para cada etapa do projeto, mande para ele o orçamento geral e destrinche os valores individuais de cada tarefa em sua proposta.

Geralmente, os contratantes também pedem exemplos de projetos semelhantes, neste caso já mande um dos trabalhos desenvolvidos por você, além do link do seu portfólio.

Gostou das dicas?

Confira mais sobre o assunto em nosso blog. Conheça o nosso serviço de Google Adwords.

Gostou de nosso post? Compartilhe: