Revenda de hospedagem, VPS ou Servidor dedicado: qual a melhor opção?

Revenda de hospedagem, VPS ou Servidor dedicado: qual a melhor opção?

Categoria: Hospedagem de Sites

16/06/2016 às 09:00

Revenda de hospedagem, VPS ou Servidor dedicado: qual a melhor opção?

 

Investir em um servidor de revenda, VPS (virtual private server) ou servidor dedicado? Essa é uma dúvida comum para a maioria das pessoas na hora de investir em marketing digital, já que é primordial fazer a melhor escolha para oferecer um serviço de qualidade para os clientes.

Para entender e escolher a melhor opção para você, é preciso saber como cada um atua em específico, bem como suas vantagens e desvantagens.

 

O que é revenda de hospedagem?

O método de revenda de hospedagem trata-se de um serviço bem mais barato quando comparado aos outros, além do primeiro passo para quem quer ganhar uma renda extra na internet.

Funciona como um espaço físico de armazenamento de dados, no qual você pode compartilhar seu próprio espaço com empresas e pessoas, prestando suporte diretamente para eles e fazendo uma tabela de preços específica.

Empresas de hospedagem que oferecem esse serviço, como a IS Brasil, garantem total segurança dos dados, monitoramento frequente em caso de problemas técnicos e com um preço bastante atrativo. Por ter todo esse suporte, é difícil ocorrer oscilações e sobrecargas no sistema, além de outras adversidades tanto para você quanto para seus consumidores.

 

Se você pensa em iniciar um trabalho do zero e tem disponibilidade de tempo para conseguir clientes e investir em marketing digital, a revenda de hospedagem é o plano certo para você. Além disso, conforme o crescimento do negócio dá para partir para os outros tipos.

Para um tutorial completo de como funciona a revenda de hospedagem, dê uma olhada no post: “Como iniciar uma revenda de hospedagem?” no blog.

 

Por que investir em um Servidor Dedicado?

Quem não quer ver o negócio crescendo e vários clientes interessados em seus serviços? Isso é ótimo em qualquer aspecto comercial, e com o marketing digital não é diferente. Quando isso acontece e o sistema de revenda de hospedagem não está dando conta, você precisa partir para outro nível: o servidor dedicado.

Segundo especialistas, esse é o segundo passo para quem está com um trabalho mais sólido e que exige um servidor exclusivo. Para ter uma ideia básica, é só imaginar um prédio: na revenda de hospedagem, você fazia tudo dentro de uma sala. Agora, porém, tem uma equipe grande e precisa de mais espaço. Que tal, então, alugar mais salas ou então o prédio todo? Esse é um exemplo claro e prático dessa migração.

Mas, qual o momento exato para fazer isso? Existe um padrão? Não, essa decisão é bem específica e varia muito. Tudo depende da sua percepção e da necessidade de seus clientes. Tem gente que apenas com 10 domínios já precisa de um servidor dedicado para melhorar o serviço, enquanto pessoas com 50 sites ainda gerenciam tudo com a revenda sem problemas.

 

Depois do exemplo citado, você já deve imaginar que o servidor dedicado permite alcançar voos mais altos. É óbvio pensar que, com um prédio só para você, dá para decorá-lo e dividi-lo de acordo com seu gosto, oferecer novas tarefas, investir em mais recursos…

É assim que essa hospedagem também vai funcionar. Além de mais clientes, você pode cobrar a mais por um suporte próprio, investir em um bom e-mail marketing e streaming de áudio e vídeo, vender planos de revenda entre outras diversas possibilidades. Nessa hora, tudo depende de você e de sua criatividade.

Mas, lembre-se também da velha história: quanto maior o lucro, maior a responsabilidade. E ninguém quer perder a credibilidade, não é? Por isso, foque em uma boa administração para oferecer sempre o melhor e evitar falhas.

Não precisa ter medo e pensar em fazer tudo sozinho, hoje em dia muitas empresas já oferecem serviços de gerenciamento de servidores específicos para isso. Para saber mais, dê uma olhada no campo ‘Gerenciamento’ no site da IS Brasil.

 

E o VPS?

O Virtual Private Server funciona de maneira parecida com o Servidor Dedicado, a diferença está no ‘privado’. É ideal para quem tem um conhecimento técnico elevado para gerenciar cada serviço por meio de servidores específicos.

É um meio que não tem limitações, ao contrário da revenda de hospedagem, ou seja, é possível rodar aplicações e banco de dados que necessitam de um ambiente único, isolado e com ainda mais segurança que os outros.

O VPS ainda funciona como um ambiente autônomo, no qual o proprietário pode fazer as modificações diretamente sem precisar de tanto suporte da equipe de hospedagem, sobretudo quanto à liberações e bloqueios. É a escolha também de quem precisa instalar scripts específicos e trabalhar diretamente com eles.

Voltando ao exemplo do prédio, é como se em cada sala você atendesse um cliente específico, um diferente do outro. Como cada pessoa precisa de seu próprio espaço próprio, customizado e feito para ele, é assim que você atenderá suas principais exigências.

 

 

E agora, qual devo escolher?

Bom, agora que você já sabe como funciona cada servidor, é hora de considerar os pontos principais antes de escolher o melhor para você. Para isso, é importante fazer uma análise completa, com o que precisa para não ter problemas mais tarde.

Todos têm vantagens que ajudam muito conforme a necessidade, por isso é importante saber como funcionará seu plano de serviços. Não adianta optar por um servidor dedicado logo de cara se você ainda não tem potenciais clientes. Também é ruim escolher um VPS caso você não tenha um conhecimento sobre servidores e hospedagem.

Lembre-se sempre: um bom serviço faz toda a diferença, por isso não adianta colocar o carro na frente dos bois. É melhor ter dois clientes e oferecer um ótimo suporte do que dez consumidores e não dar conta de manter uma boa relação com todos.

A estratégia mais sábia para quem está começando é ir aos poucos, testando uma revenda de hospedagem com 30 dias grátis e, conforme o crescimento, migrar para um servidor mais robusto. Vale a pena pesquisar bastante e contar com o auxílio de profissionais.

 

Na ISBrasil, por exemplo, há uma pronta equipe de atendimento para tirar todas as dúvidas e orientar qual o melhor serviço de acordo com seus planos. Vale a pena conhecer para optar pela revenda de hospedagem, VPS ou servidor dedicado.

Qualquer dúvida pode deixar nos comentários do post ou no Facebook.

Talvez você goste

Top