Guia da vida freelancer: saiba o que é essencial para trabalhar

30/11/2017 às 09:20 WordPress

Guia da vida freelancer: saiba o que é essencial para trabalhar

Com a crise econômica e o aumento do desemprego muitos profissionais de diversas áreas estão migrando para o trabalho freelancer e até se tornando MEI (microempreendedor individual). Porém, muita gente ainda tem medo de se arriscar, já que existem muitas dúvidas sobre esse tipo de trabalho, como você pode se manter, como administrar seu tempo e separar sua vida social da profissional. O trabalho como freelancer pode ajudar a melhorar o seu bem-estar físico e mental, podendo trazer mais flexibilidade no horário de trabalho, priorizando não só seu tempo para vida social, descanso e uma boa alimentação, como também sendo seu próprio chefe e tendo clientes indiretos, que não são seus chefes, o que dá mais liberdade criativa.

A segurança e estabilidade da carteira de trabalho vem sendo substituída pela vida freelancer. Uns bons números de profissões têm acesso e podem apostar nesse tipo de trabalho. A nova geração de trabalhadores também não se interessa por ter um chefe e trabalhar 8h por dia. A nova geração prefere trabalhar por conta própria, entrando em contato com seus próprios clientes diretamente, sem necessidade de contar com empresas como intermediárias. O crescimento do trabalho freelancer é tanto que a maioria dos jovens acessam sites que oferecem atividades freelancer, colocando o freelancer e os contratantes em contato direto.

Existem muitas vantagens em trabalhar como freelancer como: administrar melhor seu tempo, equilibrar melhor sua vida pessoal e profissional, flexibilidade no período de trabalho, pode tomar suas próprias decisões por ter um negócio próprio, responsabilidade na conquista de novos clientes, entre outros. Seguir esse tipo de carreira é bastante comum nos dias atuais e apesar de ser um meio de vida bastante atrativo é preciso estar preparado e ter uma noção de como atuar, levando uma vida profissional como freelancer.

Como empreendedor, o profissional freelancer deve ter os mesmos cuidados que os grandes empresários possuem, buscando sempre conquistar mais clientes, administrar bem o tempo, definir estratégias, metas e prazos, saber escolher os tipos de trabalhos a serem ofertados e recusar trabalhos baixo, que estejam abaixo do seu valor de mercado.

Não existe fórmula mágica para o sucesso em nenhum tipo de profissão ou carreira, mas existem algumas dicas que podem lhe ajudar a melhorar ou pelo auxiliar na sua caminhada para que você consiga não só sobreviver como freelancer, mas viver melhor do que você viveria se você trabalhasse de carteira assinada, podendo usufruir dos mesmos benefícios.

Confira nossas dicas:

Estude o mercado e as suas tendências

Começar a atuar como freelancer, antes de estudar o mercado e suas tendências pode ser entrar numa furada! Para diminuir os ricos é preciso avaliar as oportunidades no segmento escolhido, só assim você terá uma noção do que lhe espera e se é ou não viável trabalhar no meio.

A chave do sucesso é fazer todo o planejamento estratégico, criando um bom plano de negócios e organizando suas ideias para colocá-las em prática. Uma das principais motivações de trabalhar como freelancer é fazer algo que você ame.

Tenha preferência por trabalhos que você gosta, escolha um segmento que faça você ter vontade trabalhar e lhe dê motivação e te mantenha empenhado no trabalho. Combine suas vontades com uma boa oportunidade de mercado e corra atrás do seu espaço!

Faça uma pesquisa e veja quais são as principais atividades relacionadas à sua área. Os principais profissionais que atuam como freelancer são da área de marketing, design, multimídia, produção de conteúdo, entre outros.

Realizar esse estudo é essencial para iniciar uma carreira freelancer e ter objetivo e foco no seu trabalho.

Estabeleça preços competitivos por seus serviços

Busque visitar profissionais e pesquise concorrentes na internet e anote quais as principais dificuldades e os preços aplicados por eles. Falha um levantamento das falhas de seus concorrentes e otimize sua venda de produtos em cima disso.

Inovar é a chave para deixar clientes satisfeitos, oferecendo serviços com mais qualidade e excelência. Entre outros pontos, defina preços competitivos, pense em quanto você quer ganhar e o quanto você deseja trabalhar por dia, como você vai se divulgar, entre outros pontos.

Além de contar com bons preços, você deve definir pelo menos três principais formas de captação de clientes. Uma boa saída é apostar em sites que ligam freelancer a contratantes e grupos em redes sociais, além claro de ter um bom portfólio de seus serviços para gerar interesse nos clientes.

É importante definir uma posição de mercado, qual será sua metodologia de trabalho e como será seu relacionamento com clientes, pense em todos os detalhes antes de se lançar no mercado. Gastar algumas horas de planejamento pode poupar um fracasso futuro e fazer com que você ganhe muito mais dinheiro do que você imagina.

Confira também dicas para se tornar um blogueiro.

Faça um bom marketing pessoal!

Nesses casos, seu cliente será o seu chefe, então ter um bom relacionamento com ele é primordial. Tenha uma relação de confiança e deixe seus clientes satisfeitos, o que levar a aumentar sua base de clientes.

Escolha como você assinará seus projetos e invista em seu marketing pessoal. Num mundo digital onde as redes sociais imperam é preciso ter um bom portfólio e estar presente nas redes, com uma boa interação com possíveis clientes, criando uma marca pessoal que passe confiança e credibilidade para seus clientes.

Responda rapidamente seus clientes, negocie bons orçamentos, tenha uma boa comunicação para definir os rumos do trabalho e faça com que quem paga pelo serviço se sinta à vontade para lhe auxiliar a fazer o melhor serviço possível.

Separe sua vida pessoal da profissional

Um dos pontos mais importantes do trabalho freelancer é saber separar a vida pessoal da profissional. É preciso ter disciplina e responsabilidade! Nunca trate seu trabalho como um hobby e não permita que compromissos pessoais atrapalhem seus serviços.

Por mais que você trabalhe para você, é preciso ter toda a responsabilidade, e ainda mais, com seu trabalho, lembre-se que agora você só depende de você para conquistar seu próprio dinheiro.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog e baixe o Ebook Como vender Criação de Site. Conheça os planos da ISBrasil para Hospedagem de site com WordPress.

Gostou de nosso post? Compartilhe: